O que pensa Aluízio


Prezados Leitores:

 

A partir desta segunda-feira, este blog tem um novo endereço: http://aluizioamorim.blogspot.com e também um novo nome: BLOG DO ALUIZIO AMORIM

 

Aguardo a visita e o apoio de vocês. Estou mudando para melhorar a qualidade do blog. Os blogueiros que me honram com link e desejam mantê-lo, peço o obséquio de promover a alteração da URL e o nome do blog: BLOG DO ALUIZIO AMORIM

 

Em razão das mudanças as atualizações estão meio prejudicadas, mas ao longo do dia de hoje tudo voltará ao normal.

 

Muito obrigado!



Escrito por Aluizio Amorim às 15h21
[   ] [ envie esta mensagem ]




A BOSSA ETERNAMENTE NOVA

Bebel singing like and angel

and João playing like a god

O título deste post recolhi de um comentário sobre este vídeo lá no Youtube. Há mais de 80 mil exibições deste vídeo e dezenas de comentários de fãs da bossa nova não só do Brasil como de várias partes do mundo.

 

Realmente Bebel canta com um anjo e João Gilberto toca como um deus. Mesmo sendo ainda uma menina menina, Bebel é afinadíssima e canta estritamente dentro do compasso e sob a severa exigência do pai, um perfeccionista.

 

Precisou que a bossa nova completasse meio século de existência para que o Brasil e, particularmente a grande mídia, redescobrissem esta que é a maior invenção do Brasil, ou pelo menos, de João Gilberto, Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Roberto Menescal e mais meia dúzia de brasileiros iluminados dentro dessa escuridão kitsh e barroca que sempre dominou a cultura brasileira.

 

Não há registro lá no YouTube da data dessa apresentação de João Gilberto. Mas deve ser no final da década dos 60 ou início dos anos 70. Se alguém souber pode contribuir com esta informação nos comentários.

 

A bossa explode a partir de 1959 avança pela década dos 60 e depois vai aparecendo o que designam como, argh!,  MPB (música popular brasileira).

 

Mas é importante não confundir bossa nova com MPB. A bossa é uma coisa extremamente sofisticada e o único gênero musical internacional ao lado do jazz.

 

De toda sorte essa comemoração dos 50 anos da bossa nova é auspiciosa já que permite que se fale e discuta sobre a arte musical fato que permite refinar-se o gosto.

 

E gosto se discute sim. Até porque ao longo da história da arte permanece um padrão que nos permite distinguir a literatura superior e da trivial, a ópera da opereta, a comédia da farsa, e, sobretudo, entre aquilo que é bom e mau dentro desses gêneros.

 

Em tempo: no site do Estadão há algumas coisas interessantes sobre a bossa.



Escrito por Aluizio Amorim às 16h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 10h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




DOLCE VITA

As mordomias do governador

do Ceará na viagem a Europa

A reportagem do Jornal da Globo fez uma cobertura completa da viagem de dez dias à Europa do governador do Ceará, Cid Gomes, constatando o chefe do Executivo cearense levou a esposa e a sogra, além de dois assessores e suas mulheres.

 

Segundo a Globo, o governador e seus acompanhantes hospedaram-se em hotéis de luxo que foram pagos com dinheiro público, incluindo o fretamento de avião especial que os levou à Europa. Veja o vídeo da reportagem.



Escrito por Aluizio Amorim às 01h18
[   ] [ envie esta mensagem ]




DÁ-LHE DIOGO MAINARDI!

Caiu na rede é peixe

 

Quem? Altemir Gregolin? Sim, Altemir Gregolin. É o ministro da Pesca. Para enquadrá-lo melhor: é do PT. Para enquadrá-lo melhor ainda: pertence à corrente mais à esquerda do partido, "A Esperança É Vermelha", cuja plataforma é "fazer do Brasil uma democracia digna desse nome".

 

Em 6 de outubro de 2006, Altemir Gregolin foi a Limoeiro do Ajuru, no Pará. Ele participou de um ato para a entrega de carteiras de pescador aos moradores locais.

 

Fato número 1: era um compromisso oficial, organizado pelo Ministério da Pesca e financiado com dinheiro público.

 

Fato número 2: o ato ocorreu em plena campanha eleitoral, espremido entre o primeiro e o segundo turnos. Altemir Gregolin, cumprindo a promessa de fazer do Brasil uma democracia digna desse nome, decidiu transformar o compromisso oficial num ato da campanha eleitoral de Lula. Lá pelas tantas, em seu discurso, ele disse o seguinte:

 

– Eu estou achando que vocês são peitudos. Vocês deram para o presidente Lula 6.495 votos, 54% dos votos daqui vocês deram para o presidente Lula. Eu quero agradecer em nome do presidente. Isso é muito importante, vou levar para o presidente, vou mostrar para o presidente.

Depois conclamou, em meio aos aplausos:

 

– E ainda vai aumentar mais essa votação no segundo turno, não é verdade?

 

Verdade. Lula aumentou seus votos no segundo turno. O tempo passou e, como todos os outros abusos cometidos no primeiro mandato, o assunto parecia definitivamente enterrado.

 

Até que, no último dia 10 de abril, Altemir Gregolin foi à CPI dos Cartões. Vic Pires, deputado do DEM, interrogou-o sobre os fatos de Limoeiro do Ajuru. O ministro, mais peitudo do que seus pescadores, negou que pudesse ter feito campanha política num ato oficial. A seguir, entrevistado na TV, desafiou Vic Pires a apresentar provas de sua denúncia.

 

Se é isso que ele quer, eu apresento as provas. O ato público foi todinho filmado. Fiz um pot-pourri dos melhores momentos do DVD e o descarreguei no site de VEJA. Está lá: a chegada do ministro, a entrega das carteiras, o ministro agradecendo em nome de Lula, o ministro pedindo votos para Lula no segundo turno.

 

Depois de ver as imagens, o deputado Carlos Sampaio o denunciou ao Conselho de Ética e à procuradoria-Geral da República. Declarou também que nunca viu um caso mais vexatório do que esse de uso da máquina pública e de improbidade administrativa.

 

Lula gosta de pesca e de pescado. Entre seus gastos sigilosos, disponibilizados pelo TCU, há desde o caviar comprado no Mercadinho La Palma até os 30 quilos de bacalhau que fartaram sua ceia de Natal.

 

Em 7 de abril de 2003, foi feita uma despesa de 1.480 reais para comprar 1 quilo de barbatanas de tubarão, iguaria conhecida por suas propriedades afrodisíacas.

 

A pesca de tubarões para a retirada de suas barbatanas é proibida no Brasil. A gente sabe, no entanto, que nada é proibido no Brasil lulista, nem a pesca de tubarões, nem o uso de dinheiro público para a pesca de votos.

 

Para quem já defendeu o impeachment de Lula, como eu, agora só resta defender o indiciamento do ministro da Pesca. É uma perspectiva bem mais mísera. Mas foi o que aconteceu com o país: nossas perspectivas se tornaram bem mais míseras. (Esta é a coluna de Diogo Mainardi na revista Veja que foi às bancas neste sábado, mas que só chega em Florianópolis no domingo). 



Escrito por Aluizio Amorim às 01h04
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 18h01
[   ] [ envie esta mensagem ]




BUSH NÃO MATRAQUEIA EM PALANQUES

Bolsa-família existe nos EUA,

mas sem o conteúdo político.

Na Veja desta semana há uma matéria sobre a recessão americana e a situação dos pobres de lá, cujo contingente têm crescido nesses tempos de crise.

 

Entretanto, a pobreza nos EUA vive uma situação, digamos, um pouco diferente daquela que se vê aqui. Selecionei um trecho da reportagem de Veja, quando revela como funciona a bolsa-família americana. Sim, lá o Estado distribui vale-alimento (foods stamps) há mais de meio século.

 

Quem define o valor do benefício é o Congresso e jamais se vê o presidente George W. Bush trepado num palanque matraqueando a respeito dos benefícios do auxílio despendido pelo governo aos setores carentes.

 

Vejam como a coisa funciona nos Estados Unidos. O programa de ajuda aos pobres é um ato administrativo, jamais de conteúdo político. Este é um ponto crucial a ser pensado.

 

A crítica que se tem feito no Brasil na atualidade talvez esteja sendo mal conduzida. Eis que esta reportagem de Veja traz consigo uma boa idéia para um projeto de lei, por parte de algum parlamentar, no sentido de disciplinar a destinação de recursos para combater o crescimento da miséria.

 

Com uma paisagem social que, mesmo em crise, nem de longe rivaliza com a miséria brasileira, os Estados Unidos fazem um debate maduro sobre o assunto.

 

A questão central, sempre, é como conduzir seus depauperados para o mercado de trabalho, tirá-los da proteção estatal e dar-lhes autonomia. O programa de vale-alimentação, que fornece em média 120 dólares mensais por cabeça, tem uma mecânica distinta do Bolsa Família, por exemplo.

 

Nele, é difícil entrar, tanto que nem o desempregado Alfredo Arroyo, que vive de catar latas e garrafas nas ruas, conseguiu ser contemplado. Por outro lado, é fácil sair, já que todos podem receber uma qualificação profissional, e não há porta para a demagogia governamental.

 

O Congresso americano é que define as regras do programa – valor do benefício, condições para entrar, punições por abuso. A Casa Branca é que desembolsa os benefícios, conforme o Orçamento definido pelo Congresso.

 

E os governos estaduais é que bancam os custos operacionais e administrativos do programa. Nesse contexto, o presidente George W. Bush não pode subir num palanque e anunciar que aumentará o valor do vale ou que facilitará a entrada de mais gente no programa. Sabe-se que não é o presidente, mas os contribuintes, quem dá ajuda aos pobres.

 

A fórmula para ter acesso ao programa é um quebra-cabeça ininteligível, mas, em linhas gerais, os beneficiários não podem ter posses e a renda familiar tem de ser inferior a 600 dólares per capita.

 

Os contemplados recebem um cartão magnético com o qual só podem comprar alimentos – nada de bebida, refrigerante, produtos de limpeza, roupa ou remédio. É só comida mesmo.

 

Como ninguém precisa de escândalos para entender o óbvio, o cartão paga as despesas com comida do mercado, mas não saca dinheiro em terminal bancário. Sua grande utilidade tem sido para a compra de bens básicos, como leite, ovos e pão, cujos preços sofreram aumentos intensos nos últimos tempos.

 

Um instituto de estudos econômicos em Washington calcula que, em decorrência da inflação, a renda dos 20% mais pobres dos Estados Unidos caiu para cerca de 15.500 dólares anuais – ou seja, pouco mais de 2000 reais mensais.

 

Como se vê pelos próprios números, nada que se assemelhe à situação brasileira. Por isso mesmo, Tereza Monteiro, 32 anos, mãe solteira de dois filhos, de 1 e 3 anos, recebe 240 dólares mensais de vale-alimentação, mas nem pensa em voltar para a sua terra natal.

 

Nascida em Goiânia e criada em Brasília, ela está há oito anos em Nova York. Mora no Queens, região empobrecida, mas vive com dignidade.

 

Ganha seu salário trabalhando como babá de seis crianças em sua própria casa, paga 1200 dólares de aluguel, tem telefone fixo, celular, computador com internet e TV a cabo – com transmissão da Globo Internacional, pela qual paga 30 dólares mensais e tem direito a ver as novelas.

 

Ela contempla as paredes bem-cuidadas de seu pequeno apartamento e exclama: "Olha isso! Para quem já passou o que eu passei, estou bem, estou muito bem".



Escrito por Aluizio Amorim às 04h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 17h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




REMELEXO

Jogada de Kassab mexe fundo

no tabuleiro das forças políticas

Lideranças políticas não se produzem do dia para a noite e, nos últimos tempos, nem no longo prazo a Nação foi capaz de gerar novos líderes.

 

Dentre os partidos, o único que apresentou alguma novidade foi mesmo o Democratas, com o prefeito Gilberto Kassab em São Paulo que entrou na parada como vice de Serra e tem surpreendido pela boa performance administrativa.

 

E agora, num lance, digamos, ousado, agiu nos bastidores como raposa velha e parece ter selado um acordo com o PMDB de Quércia. Kassab é o novo mas teve que se socorrer do velho.

 

O PMDB é uma espécie de gigante sem cabeça. Vale pelo peso e não pela qualidade. De grande frente democrática que combateu a ditadura transformou-se numa espécie de legenda de aluguel.

 

Até agora o PMDB vem sendo o sustentáculo principal do lulopetismo. Sem ele os petralhas já teriam sido apeados do poder.

 

A jogada de Kassab em São Paulo pode não ser a melhor opção em qualidade, mas dá uma tremenda mexida no tabuleiro político.

 

UPDATE: O acordo entre Democratas e PMDB foi oficializado enquanto a direção nacional do PT proibiu a aliança petralha com os tucanos em Belo Horizonte.



Escrito por Aluizio Amorim às 16h53
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 13h16
[   ] [ envie esta mensagem ]




SALVE O PRESENTE!

Os jornais velhos? Que sejam

enterrados com o passado.

A vida de cada um de nós se esvai num torvelinho sem fim. No interregno de uma vida – de meio século no mínimo – é possível testemunhar as mudanças que se operam nas ações e relações sociais em decorrência dos avanços da ciência e da tecnologia, que é a sua aplicação prática.

 

Nada do que foi será do jeito que já foi um dia, diz o verso da canção. 

 

Há uma verdade constatável e indiscutível nesse interregno que fixei em meio século: o passado não retornará de maneira nenhuma. Nem os segundos que antecederam o que estou agora digitando para escrever este post.

 

Nada é eterno porque a própria eternidade vai consumindo tudo. É como se todos os fatos sociais, ainda que impregnados de historicidade, caíssem numa gigantesca centrífuga virando suco.

 

Por que estou pensando nisto. Porque há pouco li um artigo do jornalista Luiz Weis no Estadão desta quarta-feira a respeito do impacto da internet sobre o jornalismo tradicional.

 

O amargor do texto é edulcorado pelas palavras cuidadosamente dispostas em frases bem elaboradas. Mas revela o amargor de um velho jornalista que vê se esfarelar os jornais ou, pelo menos, a forma como ainda vêm sendo feitos.

 

E, como não poderia deixar de ser, lá no finalzinho Weis cutuca os blogs e blogueiros, quando observa: a imprensa de qualidade de há muito adotou procedimentos de certificação de seu material, simplesmente fora do alcance do mais íntegro blogueiro individual. E, se mesmo assim, os jornais erram - e como erram! -, imagine-se a alternativa”.

 

Está na cara que Weis não se refere ao jornalistmo “alternativo” dos anos 70. Essa seria uma alternatividade “positiva”, enquanto os blogs são alternativas “negativas” ou pelo menos incomodativas.

 

Weis comete um equívoco quando afirma estar fora do alcance de um blogueiro individual a capacidade de certificação do material que produz.

 

Esquece ele que a individualidade do blogueiro é relativa, já que esse novo profissional do jornalismo tem em mãos não apenas uma resma de laudas com anotações ligeiras para produzir uma narrativa, mas um computador conectado com o mundo.

 

Se o blogueiro não for um jornalista amestrado nutrido à base de caraminguás oficiais e perseguir o caminho que o aproxime da verdade, tem ao seu alcance elevados procedimentos de certificação de seu material, ou não tem?

 

No mais, não adianta brigar com o presente que o passado não quer nem saber. Seja como for, a verdade é que a internet e os blogs estão aí. Crescem mais aqueles que praticam um jornalismo politicamente incorreto, opinam e abrem comentários aos leitores.

 

De minha parte, embora com os meus 60 anos de idade e quase 40 de jornalismo, exulto a internet, as novas tecnologias e saboreio tudo isso a cada dia e a cada hora, minutos e segundos.

 

Enquanto o meu cérebro funcionar, serei um homem contemporâneo, quando não um pouco à frente do meu tempo. E isto me diverte.



Escrito por Aluizio Amorim às 05h58
[   ] [ envie esta mensagem ]




JORNALISMO AMESTRADO

Lugo e Lula podem limpar as

cavalariças da corrupção???

Acabei de ler a coluna de Elio Gaspari na Folha de São Paulo desta quarta-feira. O destaque: "Juntos, Fernando Lugo e Lula poderão limpar as cavalariças da corrupção colorada".

 

Ao que eu retruco em forma de indagação: mas como Lula pode acabar com a corrupção colorada enquanto se encontra sub judice o denominado processo do mensalão; quando o rumoroso “dossiê aloprado” até hoje permanece um mistério e ninguém foi punido? Quando de dentro da Casa Civil do Governo emerge um dossiê contra FHC para tentar chantagear a oposição a fim de dissuadi-la de investigar o escândalo dos cartões corporativos?

 

Fico por aqui. Os leitores podem ler o artigo de Gaspari na íntegra e, a partir daí, formar o seu próprio juízo.

 

Nesta terça-feira recebi um email, desses que circulam à farta na internet, fundamentado em evidente “teoria conspiratória”. No texto, a certa altura, havia a alusão ao fato de que o governo petista estaria “comprando jornalistas amestrados” para dourar a pílula quando a notícia fosse desagradável ao governo.

 

Hummm...agora já não sei mais se é mesmo teoria conspiratória o email que recebi.

 

O artigo de Gaspari, que mereceu chamada de capa, tem por título: Itaipu não é o problema, é a solução. Na parte final o tinhoso jornalista, de mansinho, dá uma no cravo e outra na ferradura, como quem manda um recado para o leitor: olha, eu sou imparcial. Leiam:

 

O que menos importa na eleição de Fernando Lugo para a Presidência do Paraguai é o seu interesse em renegociar o Tratado de Itaipu. Mesmo que por algumas semanas esse tema seja transformado num circo, ele amadurecerá num nível onde se juntam presidentes, diplomatas e técnicos.

 

De boa-fé, nenhum dos dois governos transformará Itaipu num contencioso de 14 mil megawatts. A vitória de Fernando Lugo é uma boa nova porque sua melhor promessa é "fazer com que o Paraguai seja conhecido por sua honestidade e não por sua corrupção".

 

Lugo derrotou a cleptocracia do Partido Colorado. Em 1949, quando o novo presidente nasceu, os colorados estavam no poder havia três anos. De seus 58 anos de vida, Lugo passou 35 na ditadura do general Alfredo Stroessner (1954-1989, com sete reeleições sucessivas).


A cleptocracia colorada aninhou-se nas fímbrias de Itaipu, no contrabando de Ciudad del Este, nas lavanderias financeiras e na bandidagem da região da Tríplice Fronteira. Lastimavelmente, a cada malfeitoria de paraguaio corresponde outra, de brasileiro. Em alguns casos, a origem da delinqüência esteve ou está do lado de cá.


Por mais de meio século, 16 presidentes brasileiros deram uma mãozinha aos colorados. De todos os empreendimentos binacionais do período, o melhor, de longe, foi a construção de Itaipu. Em outras iniciativas, o governo brasileiro entrou com aquilo que Maradona chamou de "a mão de Deus".

 

Em 1996, Fernando Henrique Cardoso apoiou o presidente Juan Carlos Wasmosy quando ele viajou secretamente a Brasília e avisou que demitiria o general Lino Oviedo.

 

Três anos depois, FFHH ajudou a convencer o Raúl Cubas a deixar o palácio, evitando um conflito armado em Assunção. Em outros episódios, o governo brasileiro entrou com a pata do Tinhoso.

 

Entre os anos 60 e 70, as relações das duas ditaduras estiveram no nível das confrarias mafiosas. Antes que se falasse em Operação Condor, o governo brasileiro repassava ao general Stroessner planos de exilados que pretendiam depô-lo.

 

Em alguns casos, seqüestrou e deportou dissidentes. Numa época em que os generais falavam em nome da moralidade, uma das mais influentes incentivadoras da amizade brasileiro-paraguaia era uma peça que tinha uma perna no serviço público de Pindorama e outra nos serviços de cafetinagem.


A promiscuidade fez mal ao Brasil e ao Paraguai. Os dois países compartilham um grande empreendimento (Itaipu) e um problema que precisa do compromisso dos dois governos com o predomínio da lei e da ordem na região da Tríplice Fronteira.

 

Em 2006, ela foi listada pelo Departamento de Estado americano um dos quatro pontos cegos do mundo, onde a debilidade do Estado faz a força da delinqüência. (Os outros são a fronteira do Afeganistão, a Somália e o mar de Celebes, no Pacífico.)


Ex-bispo, Fernando Lugo é o segundo religioso americano levado à Presidência de seu país. Infelizmente, o primeiro foi o haitiano Jean-Bertrand Aristide, duas vezes eleito e duas vezes deposto (1996 e 2004).

 

Como Lugo, orgulhava-se da origem nas prédicas da Teologia da Libertação. Ambos chegaram ao palácio do governo pelo caminho dos pobres. Aristide acobertou assassinatos e roubalheiras. Quando os americanos mandaram-no para o exílio, não teve quem o defendesse.



Escrito por Aluizio Amorim às 04h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




PADRE CONTINUA DESAPARECIDO. BALÕES FORAM ENCONTRADOS.

Padre voador que sumiu em SC

agora é notícia internacional

Austrália, Rússia e a Ilha de Malta, na Europa, estão entre os locais onde o caso do padre brasileiro Adelir de Carli, que desapareceu sobre o mar ao tentar bater um recorde de vôo com balões de festa, virou notícia.

O sacerdote católico está sendo chamado de "Daredevil Priest" (algo como "padre audaz") pelo Malta Star; mas a maior parte da mídia de língua inglesa, incluindo jornais de diversas cidades dos EUA e Reino Unido, optou por "Flying Priest" ("padre voador").

 

O noticiário australiano PerthNow, em despacho de correspondentes em Brasília, refere-se ao veículo usado pelo padre - uma cadeira suspensa por cerca de1.000 balões - como "contraption" ("engenhoca") e destaca que De Carli levava "água, barras de cereais e pílulas".

Da Rússia, a agência RIA-Novosti informa que o padre era um "pára-quedista experiente, e se refere à tentativa de recorde de De Carli como "jornada bizarra". 

 

A agência Associated Press, citada no jornal Detroit News, de Detroit (EUA), diz que o padre realizou seu Vôo para levantar fundos para uma "parada de descanso espiritual" para caminhoneiros.

 

De Carli pretendia chamar atenção para o trabalho de sua pastoral rodoviária.

 

Por sua vez, o noticiário online do Yahoo Reino Unido e Irlanda cita um "funcionário da Igreja" afirmando que o padre "sabia o que estava fazendo e estava totalmente preparado para qualquer incidente".

 

Além do vídeo acima, há outro do lançamento do vôo do sacerdote na CNN. (Do site do Estadão).

 

SAIBA TUDO SOBRE O ARRISCADO PROJETO VOADOR DO PADRE E AS BUSCAS. OS BALÕES FORAM ENCONTRADOS A 50 QUILÔMETROS DA COSTA CATARINENSE. CLIQUE AQUI



Escrito por Aluizio Amorim às 20h17
[   ] [ envie esta mensagem ]




QUEM É ESSE PADRECO PARA FALAR EM NOME DO BRASIL?

Está aí o padreco Beto falando em nome do governo brasileiro

Frei Beto diz que Brasil fará

revisão do acordo de Itaipu

Apresentado como "ativista político", mas falando em nome do governo brasileiro, o religioso Frei Betto, ex-aspone do Palácio do Planalto, desfilou em Assunção ao lado do presidente eleito do Paraguai, o ex-bispo Fernando Lugo, e, ao contrário do que afirmou Lula, fez a defesa veemente da revisão do tratado entre os dois países sobre a utilização da hidrelétrica Itaipu Binacional.

 

Uma foto de Frei Betto ao lado de Lugo cumprimentando eleitores foi publicada na primeira página da edição desta terça-feira no ABC Color, um dos principais jornais daquele país.

 

Segundo o jornal, sob o título "Brasil suaviza posição sobre Itaipú", o ex-aspone afirmou que o País estaria "consciente de que o Tratado de Itaipú é injusto" e que "estão dadas as condições para renegociá-lo".

 

Afanei esta informação do site do jornalista Cláudio Humberto que está comemorando 10 anos na web.

 

Com se vê, trata-se de um tremendo disparate. O padreco falando como se fosse uma autoridade brasileira. Depois que Lula e seus sequazes chegaram ao poder a esculhambação tornou-se a regra.

 

Um assunto dessa importância e gravidade, já que afetará seguramente a economia nacional e o bolso de cada brasileiro que fatalmente terá de pagar mais pela energia elétrica, é tratado de forma leviana pelo governo brasileiro.

 

Quem é Frei Beto para falar em nome da Nação brasileira no Paraguai?



Escrito por Aluizio Amorim às 17h35
[   ] [ envie esta mensagem ]




HÁ MUITO LIXO E POUCA TECNOLOGIA

Só os imbecis têm inveja de

Bill Gates. Ave, Microsoft!

Há o que presta e o que não presta na área de tecnologia. E o que presta é muito pouco, até porque, conforme já afirmei várias vezes aqui, 99,9% da humanidade é composta de imbecis. São humanos – por enquanto – os criadores das tecnologias, daí porque há muito mais lixo do que produtos de qualidade.

 

A prova do que eu afirmo é a teimosia de muitos em afirmar que o Windows, por exemplo, não presta. Que o Explorer também não vale nada.

 

Imbecis são burros dinâmicos. Normalmente preconceituosos e ressentidos, exatamente porque são burros.

 

Por enquanto a Microsoft lidera totalmente. E convenhamos. Isto não é de graça. É porque os seus produtos são bons. O mérito de Bill Gates, o homem mais invejado do universo, foi exatamente promover a universalização do uso do computador com o Windows.

 

Gates imprimiu escala na produção desse artefato tecnológico disseminando-o em todas as partes do mundo. Gates tem invulgar competência e inteligência. É empreendedor, inovador e, sobretudo, trabalhador.

 

Há pouco estava vendo aquele site do FNDC, o fórum petralha da “democratização da comunicação” falando sobre um tal comitê de tecnologia do governo e defendendo o uso do tal software livre. Pura bobagem.

 

Se o Linux, Firefox e assemelhados fossem ótimos softwares já teriam dominado o mercado pela qualidade e operacionalidade.

 

Ninguém quer comprar computador com o Linux. Os que adquirem essas porcarias mandam trocar imediatamente pelo Windows.

 

Ave Bill Gates! Ave norte-americanos competentes e trabalhadores que inventaram a internet e todas as principais tecnologias.

 

O resto é lixo.



Escrito por Aluizio Amorim às 16h36
[   ] [ envie esta mensagem ]




ATENÇÃO AUTORIDADES DE SEGURANÇA PÚBLICA

Transferência de valores põe

em risco a vida das pessoas

Uma pessoa morreu e seis ficaram feridas após uma tentativa de assalto a um carro-forte nas proximidades do Terminal Santo Amaro, na zona sul de São Paulo, no início da tarde desta terça-feira, 22.

 

O carro-forte estava abastecendo caixas eletrônicos e bilheterias do terminal quando os vigias foram surpreendidos por cinco homens. Após o tiroteio, um dos ladrões morreu, dois vigias e quatro pedestres ficaram feridos e foram encaminhados para o pronto-socorro Regional Sul. Os outros quatro criminosos fugiram de carro.

 

MEU COMENTÁRIO: estou postando esta matéria que está no site do Estadão para chamar a atenção das autoridades responsáveis pela segurança pública para um fato gravíssimo e perigoso: a transferência de valores pelas equipes de segurança em locais de grande movimentação de pessoas.

 

O caso desse assalto é um exemplo do que estou afirmando. Houve a tentativa de assalto justamente quando os funcionários da empresa de segurança estavam abastecendo caixas eletrônicos.

 

Ora, estas operações não podem ser feitas no meio do movimento do público, como em bancos repletos de gente, em lotéricas e caixas eletrônicos em horários de movimento. Se não houver outra hora para fazer isso esses locais deveriam sofrer interdição nessas ocasiões.

 

Dia desses estava numa lotérica quando chegou uma equipe de segurança com os guardas fortemente armados e com o dedo nos gatilhos das armas. Está certo que mantenham essa postura para entrar em ação caso seja necessário.

 

Neste momento eu estava sendo atendido no guichê. Largei tudo e sai imediatamente do local para retornar só depois que o transporte de valores havia concluído a operação.

 

Cumpre às autoridades buscar formas de dar maior segurança às pessoas determinando a interdição prévia do local em que se processará transferência de valores, já que as pessoas que por ali transitam sofrem sérios riscos de vida na eventualidade de um assalto.



Escrito por Aluizio Amorim às 16h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




LULA É O SEXTO COLOCADO

Uribe, da Colômbia, é o mais

popular. Tem 84% de apoio.

Lula da Silva, com um governo aprovado por 55% dos brasileiros, é o sexto presidente mais popular da América, segundo o instituto de pesquisas mexicano Consulta Mitofsky.

 

De acordo com a sondagem, o chefe de Estado mais popular da região é o colombiano Álvaro Uribe, cuja gestão --68 meses depois da posse e 50 dias desde o ataque a um acampamento de rebeldes no Equador--, tem o apoio de 84% população.

 

Em segundo e terceiro no mesmo ranking aparecem, respectivamente, os presidentes do Equador, Rafael Correa, com 62% de aprovação, e o mexicano Felipe Calderón, com 61% de popularidade.

 

Na frente de Lula, também se encontram o chefe de Estado de El Salvador, Elías Antonio Saca (59%), e o boliviano Evo Morales (56%).

Já o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, aparece em oitavo, com 51% de aprovação. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: é por isso que os tiranetes cucarachos odeiam tanto o presidente Álvaro Uribe, sem dúvida o único e verdadeiro estadista latino-americano.

 

O apoio do blog ao Presidente Uribe e fogo nos botocudos!



Escrito por Aluizio Amorim às 05h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




PREPAREM-SE

Lugo, o paraguaio, já arranjou

uma boquinha para sua irmã.

Embora nem tenha tomado posse como presidente do Paraguai, o padreco Lugo já está mostrando a que veio. Sua primeira medida como eleito foi arranjar uma boquinha de “Primeira Dama”, para a sua irmã, segundo ele, “muito trabalhadora”.

 

Bom, depois virão outras novidades que os brasileiros decentes já conhecem e abominam.

 

Ainda bem que o General Augusto Heleno já mandou ver.



Escrito por Aluizio Amorim às 05h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




PENSANDO

Um vídeo e uma reflexão

sobre o fato de ser ateu

A dica do vídeo acima veio do meu prezado amigo Mário Gentil Costa que mantém o excelente Blog do Magenco (link permanente na coluna ao lado mais abaixo). Magenco como este modesto escriba é ateu.

 

Magenco é médico otorrino e cirurgião, foi professor da Faculdade de Medicina da UFSC, é escritor, pintor e escultor, e ainda continua clinicando. Tem vários livros escritos e alguns já publicados. É uma figura de inteligência invulgar.

 

Seu blog contém crônicas e reflexões variadas com respeito a temáticas diversas, além da postagem de seus belos quadros e esculturas. Vale a pena visitar.

 

Faço a postagem deste vídeo em homenagem ao meu amigo Magenco. Não se trata de proselitismo ateísta, até porque, pelo fato de sermos ateus, não tem qualquer sentido a tentativa de converter alguém à nossa concepção cósmica. Tal desiderato é apanágio daqueles que crêem em deus.

 

Como libertários e cientificistas, nós ateus estamos mais preocupados em desvelar a realidade, embora estejamos conscientes de que a ciência sempre ilumina uma porção diminuta do cosmo e depende basicamente do quanto um homem pode despender de energia para se aproximar da verdade, a qual só emerge pela verificação da prova.

 

A evolução do conhecimento humano depende da capacidade cerebral. A ciência não tem limite. A lentidão do ato de devassar a realidade decorre das limitações cerebrais. Daí ser impossível que sejamos nós, esses seres frágeis e mortais, extremamente limitados, a imagem e semelhança de uma divindade criadora.

 

O que lhes posso assegurar é que nós, ateus, vivemos uma vida de serenidade, tolerância e reflexão permanente alimentada pelo ceticismo. Isto não quer dizer que somos indiferentes às iniqüidades do mundo e, por isso mesmo, lutamos arduamente, cada um ao seu modo e de acordo com as suas capacidades, na tentativa de encontrar linimento para os sofrimentos humanos.

 

O vídeo acima mostra alguns homens e mulheres que, no silêncio do seu ateísmo, sem qualquer fanatismo ou despotismo, deixaram algum legado científico e artístico, voltados para bem da humanidade. Alguns ainda permanecem em franca atividade. Outros tantos já se foram mas continuam na nossa memória em decorrência dos seus feitos.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h31
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 03h24
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]




Click for Florianopolis, Brazil Forecast

Ateus.net – O Portal do Ateísmo

OBRIGADO PELA VISITA. VOLTE SEMPRE!


""""

>E-MAIL DO BLOG

COMENTE! DIGA O QUE VOCÊ PENSA!

 



Meu perfil
BRASIL, Sul, FLORIANOPOLIS, Homem, English, Spanish, Política, Música, livros

HISTÓRICO & ARQUIVOS
  16/04/2008 a 30/04/2008
  01/04/2008 a 15/04/2008
  16/03/2008 a 31/03/2008
  01/03/2008 a 15/03/2008
  16/02/2008 a 29/02/2008
  01/02/2008 a 15/02/2008
  16/01/2008 a 31/01/2008
  01/01/2008 a 15/01/2008
  16/12/2007 a 31/12/2007
  01/12/2007 a 15/12/2007
  16/11/2007 a 30/11/2007
  01/11/2007 a 15/11/2007
  16/10/2007 a 31/10/2007
  01/10/2007 a 15/10/2007
  16/09/2007 a 30/09/2007
  01/09/2007 a 15/09/2007
  16/08/2007 a 31/08/2007
  01/08/2007 a 15/08/2007
  16/07/2007 a 31/07/2007
  01/07/2007 a 15/07/2007
  16/06/2007 a 30/06/2007
  01/06/2007 a 15/06/2007
  16/05/2007 a 31/05/2007
  01/05/2007 a 15/05/2007
  16/04/2007 a 30/04/2007
  01/04/2007 a 15/04/2007
  16/03/2007 a 31/03/2007
  01/03/2007 a 15/03/2007
  16/02/2007 a 28/02/2007
  01/02/2007 a 15/02/2007
  16/01/2007 a 31/01/2007
  01/01/2007 a 15/01/2007
  16/12/2006 a 31/12/2006
  01/12/2006 a 15/12/2006
  16/11/2006 a 30/11/2006
  01/11/2006 a 15/11/2006
  16/10/2006 a 31/10/2006
  01/10/2006 a 15/10/2006
  16/09/2006 a 30/09/2006
  01/09/2006 a 15/09/2006
  16/08/2006 a 31/08/2006
  01/08/2006 a 15/08/2006
  16/07/2006 a 31/07/2006
  01/07/2006 a 15/07/2006
  16/06/2006 a 30/06/2006
  01/06/2006 a 15/06/2006
  16/05/2006 a 31/05/2006
  01/05/2006 a 15/05/2006
  16/04/2006 a 30/04/2006
  01/04/2006 a 15/04/2006
  16/03/2006 a 31/03/2006
  01/03/2006 a 15/03/2006
  16/02/2006 a 28/02/2006
  01/02/2006 a 15/02/2006
  16/01/2006 a 31/01/2006
  01/01/2006 a 15/01/2006
  16/12/2005 a 31/12/2005
  01/12/2005 a 15/12/2005
  16/11/2005 a 30/11/2005
  01/11/2005 a 15/11/2005
  16/10/2005 a 31/10/2005
  01/10/2005 a 15/10/2005
  16/09/2005 a 30/09/2005


TROCA-LINKS
  ABKnet
  A Marvada Pinga
  Aparte (Passarim)
  arkimedes
  Flanela Paulistana
  Blog Cultural Textos & Contextos
  Blog da Magui
  Stefano di Pastena - jóias com arte
  Blog do Reinaldo Azevedo
  Blog do Tambosi
  Bonassoli
  Camarada Arcanjo
  Carl Amorim
  Coturno Noturno
  Código Aberto
  Amigos de Bike
  Crítica (Visite, vale a pena)
  Da Indignação à Ação
  Deutsche Welle Brasil
  Dom Quixote
  Escrevinhações
  Elaine Borges
  Esquadrinhando
  Ex-petista
  Freeman
  Ação Humana
  Geosapiens (Portugal)
  Guanta Lamera!!!
  Gusta
  Jorge Nobre
  Jus sperniandi
  Loja de idéias (Portugal)
  MaGenCo
  Minuto Político
  Nariz Gelado
  Novas (Vera)
  Outras Letras
  Pau da Barraca
  Pérolas
  ph ácido
  Polyphrenia
  Política para Políticos
  "...por isso não provoque"
  Postura Ativa (Stella)
  Projeto Ockham
  República
  Resistência
  Rua da judiaria (EUA/Portugal)
  Serjão comenta do céu
  Shirlei Horta
  SikSite
  Soube?
  Sponholz
  The Beatles Brasil (tudo sobre a banda)
  Tunico
  União e Ação
  Ultraperiférico (de Portugal)
  Clássicos do cinema
  The Coffee Traveler (Para quem é aficcionado em café)
  Edgar Nascimento (músico amigo) - site com informações e crítica musical
  Monitor das fraudes
  Holocausto-shoah.
  Libellus (By Ana Brambilla)
  Blog do Nathal (análise de mercado, bolsas, etc...)
  Praça darmas
  Pensadores brasileiros
  Fodcast do Persegonha
  Malditos patos
Votação
  Dê uma nota para meu blog


Leia este blog no seu celular

Locations of visitors to this page

Diretorio 100% brasileiro



Subscribe with Bloglines

blogaqui?

Você aprova o governo Lula?
Não
Sim
Votar
resultado parcial...

eXTReMe Tracker

www.g1.com.br


My blog is worth $31,049.70.
How much is your blog worth?