O que pensa Aluízio


O BOM HUMOR DO SPONHOLZ




Escrito por Aluizio Amorim às 18h20
[   ] [ envie esta mensagem ]




UM DEBATE NECESSÁRIO

Pena de morte promove

assepsia social imediata

Diogo Mainardi em sua coluna na Veja que foi às bancas neste sábado traz à discussão um tema que tenho abordado de forma recorrente neste blog, que é a pena de morte.

 

Aviso que sou completamente favorável à pena capital, embora há alguns anos tenha alimentado uma idéia contrária à essa medida penal. Mainardi, na sua coluna que transcrevo na íntegra abaixo, louva-se em reportagem do New York Times, cujo foco reside mais no aspecto intimidatório, enquanto estatísticas mostram que para cada criminoso executado salvam-se algumas vidas. Tudo bem.

 

Ocorre que a minha defesa da pena de morte para esses botocudos assassinos frios parte de uma premissa que nunca vejo ser ressaltada quando a questão é debatida, qual seja, o fato de que a única vantagem da execução do criminoso é o efeito que conceituo como “assepsia social”.

 

Explico: não há nenhuma punição capaz de elidir a criminalidade. Nem a cadeia e nem a pena de morte. Ocorre que a vantagem da pena de morte é que tira de circulação o assassino.

 

Ou alguém acredita que a privação da liberdade seja capaz de operar algum milagre no cérebro de um botocudo que mata friamente? Que haja algum tipo de recuperação para essas bestas em forma humana?  Eis a coluna de Mainardi que é muito oportuna:

 

Diogo Mainardi

 

Meu prato de Natal

 

A pena de morte reduz consideravelmente o número de assassinatos. Para cada criminoso condenado à morte, ocorrem de três a dezoito assassinatos a menos. A estatística consta de uma reportagem do New York Times, de onde chupei os dados publicados nesta coluna.

 

A reportagem apresenta o resultado de uma série de estudos realizados na última década. Os economistas citados pelo jornal compararam as taxas de homicídio nos Estados Unidos com o número total de prisioneiros executados, estado por estado, cidade por cidade.

 

Eles descobriram que, nos lugares em que a pena de morte foi aplicada com mais freqüência e com mais rapidez, como no Texas, a taxa de homicídios caiu de maneira mais acentuada.

 

Alguns especialistas contestaram os estudos. O principal argumento que eles usaram foi o seguinte: o número de penas capitais é insuficiente para determinar seu efeito. Em 2003, nos Estados Unidos, apenas 153 criminosos foram condenados à morte, para um total de 16 000 homicídios.

 

Um professor de direito da Universidade da Pensilvânia declarou ao New York Times que precisaria de 1 000 presos executados aleatoriamente para poder concluir algo definitivo a seu respeito. Por acaso ele aceitaria 1000 presos brasileiros?

 

O fato é que os estudos mencionados pelo jornal indicam que há, sim, uma correlação direta entre a pena de morte e a queda no número de assassinatos. Pelas contas do economista H. Naci Mocan, cada execução acaba salvando cinco vidas. Apesar disso, ele afirmou ser pessoalmente contrário à pena de morte. Porque há outros fatores em jogo: morais, religiosos, políticos.

 

Na ceia de Natal, entre uma fatia e outra de panetone, o assunto pode ser este: se eletrocutar um assassino realmente salva vidas, há um ponto em que a barbárie da pena de morte se torna moralmente aceitável?

 

Um professor de direito da Universidade de Chicago, Cass R. Sunstein, respondeu ao New York Times: "A evidência de que ela teria um efeito dissuasório significativo parece suficientemente plausível para tornar complicada a questão moral.

 

Eu era contrário à pena de morte, mas passei a considerar que, se ela tem um efeito dissuasório significativo, provavelmente é justificável".

 

O professor da Universidade de Chicago tem um bom motivo para medir as palavras. Nos meios intelectuais, discute-se alegremente a tese de Steven Levitt, segundo a qual o aborto reduziria o número de assassinatos.

 

Até mesmo o governador do Rio de Janeiro embarcou nessa, uma prova de que a idéia é falsamente provocatória. Já a pena de morte é um assunto proibido, automaticamente associado aos piores brucutus da história.

 

Mas quando se tem 44 663 assassinatos por ano, como no Brasil, nenhum assunto pode ser tabu. Nem na noite de Natal.  



Escrito por Aluizio Amorim às 02h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




MISTÉRIO BOTOCUDO

Este é o venezuelano-americano Antonini, o "homem da maleta".

Homem da maleta milionária

se rende à justiça dos EUA

O jornal argentino La Nación destaca nesta sexta-feira, 14, que o empresário venezuelano-americano Alejandro Antonini Wilson, interceptado em agosto deste ano no aeroporto de Buenos Aires carregando uma maleta com U$ 800 mil dólares, "se rendeu" à Justiça americana para evitar uma possível condenação.  

 

O La Nación informa que seu correspondente nos Estados Unidos teve um breve contato telefônico com Antonini, que reside em Miami. "Você pode imaginar que não posso falar muito", disse Antonini e recomendou ao jornalista que entrasse em contato com seu advogado.

 

O empresário, que se dedica a negócios no ramo petroleiro, foi detido pela fiscalização argentina, no dia 4 de agosto, quando voltava de Caracas. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: trata-se do rumoroso “caso da maleta” recheada de dólares que seria destinada a financiar a campanha da mulher de Kirchner à Presidência, segundo suspeita a polícia.  

 

Histórias de grana viva em maletas ou cuecas já se tornaram corriqueiras em terras botocudas depois que os comuno-fascistas chegaram ao poder em vários países latino-americanos. (Foto do site do Estadão).



Escrito por Aluizio Amorim às 01h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 18h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




ESTUDO COMPROVA:

Com o fim da CPMF famílias

terão mais dinheiro no bolso

Interessante esta matéria que está no site do Estadão e que serve para calar o jornalismo petralha que alardeia somente o que interessa ao governo que é fazer crer à população que a derrubada da CPMF é prejudicial. Ora, se o dinheiro que era dado ao governo retorna a sociedade, esta irá consumir mais, fazer girar a economia e aumentar a arrecadação do governo por meio dos demais impostos. Veja o que diz a matéria:

 

O fim da CPMF representará uma economia familiar de R$ 626,41 por ano, segundo um estudo elaborado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) em estimativas de 2007. A economia per capita no mesmo período, ainda de acordo com a entidade, pode chegar a R$ 187,95.

 

Veja também:

  

Para o trabalhador, o não-pagamento do tributo corresponde em média a sete dias a menos de trabalho no ano, informa o IBT. Um taxista, por exemplo, terá uma economia de nove dias de trabalho, o equivalente a R$ 241,65. Médicos e advogados terão seis dias, o correspondente a R$ 161,10.

 

Veja abaixo a quantidade de dias trabalhados para pagar a CPMF por atividade profissional:

 

Taxista - 9 dias - R$ 241,65

 

Caminhoneiro - 9 dias - R$ 241,65

Funcionário de empresa privada - 3 dias - R$ 80,55

 

Funcionário público - 4 dias - R$ 107,40

 

Médico, dentista, fisioterapeuta, psicólogo e profissionais de saúde - 6 dias - R$ 161,10

 

Advogado, contador, administrador e profissionais de ciências humanas - 6 dias - R$ 161,10

 

Engenheiro, arquiteto e profissionais de ciências exatas - 5 dias - R$ 134,25

 

Cabeleireiros, manicures e serviços manuais - 4 dias - R$ 93,98

 

Serralheiros e mecânicos - 6 dias - R$ 161,10

 

Artistas e cantores - 6 dias - R$ 161,10

 

Vendedores autônomos - 7 dias - R$ 174,53



Escrito por Aluizio Amorim às 13h13
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 12h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




SABUJOS POR NATUREZA

Visão patrimonialista do Estado

leva tucanos de volta ao muro

Um dia depois de uma vez na vida assumir a condição de oposição a tucanalha já subiu para o muro de novo e faz acenos de retomar a discussão da CPMF. A argumentação agora fica por conta de uma suposta reforma tributária a ser enviada ao Congresso pelo Apedeuta. Tudo mentira.

 

O Brasil precisa é de capitalismo verdadeiro e do fim do patrimonialismo nefasto que mistura o público com o privado, numa promiscuidade política que não tem cabimento no Estado moderno.

 

Esta é a razão pela qual nunca haverá dinheiro suficiente para satisfazer o Estado, porque todo o governo que nele se empoleira trata de utilizá-lo de todas as formas para não largar mais o poder. Recursos públicos são drenados para financiar a corrupção, acomodar os acólitos e garantir apoios capazes de conferir poder sem limite ao governante. A demanda por recursos, por isso, não pára nunca!

 

E há, por exemplo, quem dirija diatribes contra o Presidente George. W. Bush, acusando-o de assassino ou de antidemocrata. Ocorre que Bush terminará o seu mandato e seguirá para casa. Não fará campanha pelo terceiro mandato. E os americanos jamais imaginam que um presidente da República possa manipular o Estado como seu bem particular. Os Estados Unidos são por isso mesmo o maior e mais poderoso país do mundo.

 

Esta performance norte-americana deriva exatamente dessa realidade político-institucional que se ergue sob os pilares do denominado Estado Moderno.

 

E o quê tipifica o Estado moderno? Ora, a separação completa das esferas pública e privada. Qualquer manual de filosofia política ensina isso.

 

Só abaixo de muita pressão da opinião pública e, também, dos blogs independentes como este, que não se nutrem de caraminguás governamentais e nem postulam sinecuras na TV Petralha, o PSDB votou contra o maldito imposto.

 

Reconheço que muitas vezes sou obrigado a elevar o tom e inclusive lançar mão de impropérios, particularmente contra o PSDB, por este ter relutado até a última hora em ser o intérprete a vontade da Nação.

 

Reflita, prezado e honrado leitor. Toda a discussão, toda a energia gasta com essa história da CPMF é algo bizarro e indica que o Brasil jamais sairá dessa condição de país periférico e anacrônico se persistir nesse equívoco idiota que idealiza o Estado como o pai supremo.

 

Pense bem. A CPMF é um imposto esdrúxulo, coisa de doido. Quando você compra qualquer produto nele está embutido o preço da mercadoria em si, acrescido de outros impostos, como ICMS, por exemplo, sem falar em outras taxas que os empresários agregam ao custo final dos produtos.

 

Pois bem. Além de arcar com tudo isso você ainda tem de pagar a CPMF quando baixa de sua conta bancária para o bolso o numerário destinado à aquisição de bens e serviços. É a tal bi-bi-bi-tributação!

 

Ao invés de ficar contemplando nova discussão em torno dessa barbaridade, o PSDB deveria exultar o fim desse odioso tributo e prometer que daqui para frente proporá – ele o PSDB - uma reforma tributária verdadeira que estanque essa orgia, esse esbanjamento de gasto do governo a custa exatamente daquele setor da população que menos possui.

 

Ou alguém acredita que Lula e seus sequazes desistirão dessa desmedida ânsia pelo poder, depois que descobriram a bolsa-esmola, esse tétrico moinho que faz girar a roda infernal do populismo comuno-fascista latino-americano?

 

Repito, à guisa de conclusão, que o Brasil está numa encruzilhada: ou toma o caminho de um Estado democrático, liberal e declaradamente capitalista, ou envereda pelo atalho comuno-fascista que leva à miséria, à desordem, à insegurança e ao aniquilamento da Nação.

 

A derrubada da CPMF pelo Senado, mais do que contribuir para minimizar o saque pelo Estado da economia da esfera privada, tem um viés simbólico importante que vai muito além da simples oposição a Lula e seus sequazes.

 

Sinaliza que parte séria e honesta da Nação impõe o respeito à Constituição e defende a intocabilidade das instituições democráticas e o funcionamento harmônico, mas independente, dos três poderes da República. Um deles é o parlamento, que Lula e seus sequazes têm abastardado desde que lançaram mão do mais ignóbil processo de corrupção que atende pelo botocudo designativo de mensalão.

 

A democracia petista não é e nunca foi parlamentar, pois que refuta a contraposição de idéias e o debate livre com a intermediação do Legislativo. Haja vista que defendem o fechamento do Senado! sem descurar da nefasta ação de criar mecanismos tributários para se locupletar valendo-se dos recursos hauridos pelos trabalhadores que dizem defender.



Escrito por Aluizio Amorim às 02h15
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 17h07
[   ] [ envie esta mensagem ]




OPOSIÇÃO NO SENADO DERROTA O GOVERNO

Veja no listão quais são

os senadores botocudos

Após mais de sete horas de discussão, Senado derrotou o governo e derrubou a famigerada prorrogação da CPMF. Foram 45 votos a favor e 34 contra.

 

As negociações e acordos do Planalto não foram suficientes para reunir o apoio de 49 senadores para que o tributo passasse na Casa. A vitória da oposição só foi possível com o apoio de dissidentes da base aliada.

 

Veja abaixo a posição de cada senador. Com NÃO, estão os senadores que votaram contra a CPMF e com SIM aqueles que votaram a favor. (Do site do Estadão).

 

Adelmir Santana (DEM DF) = NÃO 

Almeida Lima (PMDB SE) = SIM  

Aloizio Mercadante (PT SP) = SIM 

Alvaro Dias (PSDB PR) = NÃO 

Antonio Carlos Júnior (DEM BA) = NÃO  

Antônio Carlos Valadares (PSB SE) =SIM. 

Arthur Virgílio (PSDB AM) = NÃO 

Augusto Botelho (PT RR) = SIM. 

César Borges (PR BA) = NÃO 

Cícero Lucena (PSDB PB) = NÃO 

Cristovam Buarque (PDT DF) = SIM  

Delcídio Amaral (PT MS) = SIM 

Demóstenes Torres (DEM GO) = NÃO  

Edison Lobão (PMDB MA) = SIM 

Eduardo Azeredo (PSDB MG) = NÃO  

Eduardo Suplicy (PT SP) = SIM. 

Efraim Morais (DEM PB) = NÃO 

Eliseu Resende (DEM MG) = NÃO  

Epitácio Cafeteira (PTB MA) = SIM 

Euclydes Mello (PRB AL) = SIM. 

Expedito Júnior (PR RO) = NÃO 

Fátima Cleide (PT RO) = SIM 

Flávio Arns (PT PR) = SIM 

Flexa Ribeiro (PSDB PA) = NÃO  

Francisco Dornelles (PP RJ) = SIM 

Garibaldi Alves Filho (PMDB RN) = NÃO VOTA. 

Geraldo Mesquita Júnior (PMDB AC) = NÃO 

Gerson Camata (PMDB ES) = SIM 

Gilvam Borges (PMDB AP) = SIM  

Gim Argello (PTB DF) = SIM 

Heráclito Fortes (DEM PI) = NÃO 

Ideli Salvatti (PT SC) = SIM 

Inácio Arruda (PC DO B CE) = SIM 

Jarbas Vasconcelos (PMDB PE) = NÃO 

Jayme Campos (DEM MT) = NÃO 

Jefferson Peres (PDT AM) = SIM 

João Durval (PDT BA) = SIM 

João Pedro (PT AM) = SIM 

João Ribeiro (PR TO) = SIM  

João Tenório (PSDB AL) = NÃO 

João Vicente Claudino (PTB PI) = SIM  

Jonas Pinheiro (DEM MT) = NÃO 

José Agripino (DEM RN) = NÃO 

José Maranhão (PMDB PB) = SIM 

José Nery (PSOL PA) = NÃO 

José Sarney (PMDB AP) = SIM 

Kátia Abreu (DEM TO) = NÃO 

Leomar Quintanilha (PMDB TO) = SIM 

Lúcia Vânia (PSDB GO) = NÃO 

Magno Malta (PR ES) = SIM 

Mão Santa (PMDB PI) = NÃO  

Marcelo Crivella (PRB RJ) = SIM 

Marco Maciel (DEM PE) = NÃO 

Marconi Perillo (PSDB GO) = NÃO 

Maria do Carmo Alves (DEM SE) = NÃO 

Mário Couto (PSDB PA) = NÃO 

Marisa Serrano (PSDB MS) = NÃO  

Mozarildo Cavalcanti (PTB RR) = AUSENTE 

Neuto De Conto (PMDB SC) = SIM

Osmar Dias (PDT PR) = SIM 

Papaléo Paes (PSDB AP) = NÃO 

Patrícia Saboya (PDT CE) = SIM 

Paulo Duque (PMDB RJ) = SIM 

Paulo Paim (PT RS) = SIM 

Pedro Simon (PMDB RS) = SIM 

Raimundo Colombo (DEM SC) = NÃO 

Renan Calheiros (PMDB AL) = SIM 

Renato Casagrande (PSB ES) = SIM 

Romero Jucá (PMDB RR) = SIM 

Romeu Tuma (PTB SP) = NÃO 

Rosalba Ciarlini (DEM RN) = NÃO 

Roseana Sarney (PMDB MA) = SIM 

Sérgio Guerra (PSDB PE) = NÃO 

Sérgio Zambiasi (PTB RS) = SIM 

Serys Slhessarenko (PT MT) = SIM 

Sibá Machado (PT AC) = SIM 

Tasso Jereissati (PSDB CE) = NÃO 

Tião Viana (PT AC) = SIM 

Valdir Raupp (PMDB RO) = SIM 

Valter Pereira (PMDB MS) = SIM. 

Wellington Salgado de Oliveira (PMDB MG) = SIM.



Escrito por Aluizio Amorim às 01h54
[   ] [ envie esta mensagem ]




SALVE A DEMOCRACIA !!!

Derrubada a CPMF



Escrito por Aluizio Amorim às 01h15
[   ] [ envie esta mensagem ]




RATOS DE ESGOTO (II)

Até o velho Pedro Simon serve

de estafeta da bandalha petista

Acabei de ver TV Senado o velho Pedro Simon, que era tido como um parlamentar correto, mentindo descaradamente da tribuna do Senado afirmando que há um fato novo colocado pelo governo. É triste ver uma figura como Pedro Simon rastejando aos pés do governo. Um homem com essa idade!

 

Ora, todos sabem que o governo Lula jamais faria todo esse carnaval em torno desse tributo por querer o bem da pátria e do povo brasileiro....HAHAHAHAHAHA...esse imposto, como bem me disse há alguns dias o ex-Senador Jorge Bornhausen, significa a viabilização do terceiro mandato de Lula, caso seja aprovado.

 

Só não esperava ver o Senador Pedro Simon servir de estafeta de Lula e de seus sequazes.



Escrito por Aluizio Amorim às 00h26
[   ] [ envie esta mensagem ]




RATOS DE ESGOTO

Vagabundos debatem CPMF?

Ora, eles querem é mamar!

Sim, os vagabundos iniciaram a sessão no Senado para discutir a CPMF. Discutir o quê? Quanto cada um vai levar? Esse circo é uma grande vergonha. Lula e seus sequazes estão conseguindo o seu principal objetivo: destruir o Senado e a democracia parlamentar. Enquanto isso o Apedeuta posa de bom moço.

 

E notem: a CNI largou justamente hoje a pesquisa do Ibope que coloca o Apedeuta as nuvens. A CNI e o Ibope estão conseguindo transformar Lula no imperador do lixo ocidental.

 

No post abaixo eu afirmo que o empresariado nacional é vagabundo. Reafirmo aqui. Trata-se de um bando de oportunistas trapaceiros, nunca empresários e, muito menos capitalistas.  

 

E a turma do PSDB despiu-se de qualquer tipo de preocupação que não seja com sua conta bancária. Todos correm atrás dos caraminguás oferecidos por Lula e seus sequazes.

 

Aqui neste blog não há lugar para notinhas pusilânimes comuns aos grandes blogs alojados nos portais da grande mídia.

 

Já começo a acreditar no vaticínio segundo o qual os jornais e esse bando de penas alugadas estão com seus dias contados.

 

Não há uma “estrela” do jornalismo capaz de fustigar a bandalha que tomou conta da Nação. Não há um sequer. Todos eles mentem, tergiversam, enrolam. São incapazes e emitir uma opinião. Quando o fazem é para adular o governo. E ainda por cima escrevem mal e permanecem estacionados nos albores do século passado. Argh!

 

Não passam de ratos de esgoto.

 

FOGO NOS BOTOCUDOS !!!

P.S.: E não se esqueçam de ver como o Cubano faz jogo duplo no seu blog ao largar uma frase do petralha Jucá na abertura do seu blog, insinuando que quem votar contra a CPMF terá que explicar à sociedade o corte de projetos sociais. O Cubano não tem jeito.

 

Todos sabem que isto é uma mentirada. Lula e seus sequazes desejam a vultosa arrecadação da CMPF para financiar seu projeto político. No ano que vem já haverá eleições para prefeito. Os petralhas estão sem quadros políticos fortes. Só lograrão sucesso torrando dinheiro do erário.

 

É isto que os blogs e os grandes jornais tem de dizer.

 

DIGAM A VERDADE SEUS VAGABUNDOS MENTIROSOS !!!

RATOS DE ESGOTO !!! PICARETAS !!! SÓRDIDOS !!!



Escrito por Aluizio Amorim às 18h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 17h58
[   ] [ envie esta mensagem ]




VAGABUNDOS TRAIDORES

CPMF deve ser aprovada com

o aval da tucanalha traidora

Sem garantia dos votos necessários para aprovar a prorrogação da cobrança da Contribuição Provisória sobre a Movimentação Financeira (CPMF), o governo jogou nesta terça-feira, 11, a última cartada para tentar obter apoio dentro da oposição no Senado: a possibilidade de destinar 100% das receitas do tributo para a área de saúde, segundo informaram integrantes da área econômica.

  

Hoje, parte dos recursos vai para a seguridade social e parte, para o Fundo de Combate à Pobreza. Além disso, o governo acenou com a possibilidade de reduzir a tributação sobre a folha de pagamento das empresas.

 

Inclui também a desoneração da folha de pagamento das empresas, diminuindo – pasmem – a contribuição para o INSS. É só o que faltava falir a previdência social.

 

É por isso que esses empresários sabujos apóiam esse governo e fingem que são contra o imposto. Trata-se de um empresariado vagabundo, que vive de caraminguás do governo. Não sobrevivem sem o maldito patriomonialismo representado pela privatização do Estado.

 

Embutida nessa proposta governamental está a falência da Previdência Social com prejuízos diretos aos trabalhadores e aos pensionistas.

 

E tudo isso acontece apenas para saciar a sede de Lula e seus sequazes pelo poder. Tudo e todos são comprados por um incrível esquema de corrupção que não tem paralelo na história da República.

 

E um dos pilares dessa corrupção odiosa é o PSDB, que vira as costas para mais de 40% dos votos que obteve na última eleição presidencial e se vende de forma vil ao petralhismo em troca de uma promessa furada do governo de destinar 100% dos recursos da CPMF para a saúde.

 

Mentira deslavada. O projeto terá de ser aprovado como está. Vai para a saúde uma ova! Trata-se de um ardil para municiar o PSDB de uma desculpa para os seus eleitores. Mas isto não pega nem que a vaca tussa. Se votar a favor do governo o PSDB restará completamente desmoralizado.

 

O destino da CPMF é a reeleição de Lula com as bênçãos do PSDB, partido que se transformou no principal comensal desse banquete de abutres.

 

Até a noite desta terça-feira o PSDB não fechou questão contra a proposta. Permaneceu em cima do muro. E isto merece o repúdio dos brasileiros honestos e sensatos.

Podres, mentirosos, picaretas, vagabundos, lixos, dejetos, vermes!



Escrito por Aluizio Amorim às 03h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 16h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




UM PARTIDO RENOVADO

Democratas tem convenção

nacional e um novo símbolo

O Democratas faz convenção amanhã (12), entre as 10 e 19 horas, no auditório Petrônio Portella, do Senado Federal, em Brasília. Trata de propostas de alteração do estatuto, de assuntos de interesse partidário e da eleição do novo diretório, para o triênio 2007/2010.

 

A executiva nacional deverá ser presidida pelo atual presidente da comissão provisória, deputado Rodrigo Maia, do Rio de Janeiro.

 

Votam no evento, representando Santa Catarina, os delegados do partido: senador Raimundo Colombo, ex-senador Jorge Bornhausen, deputados Paulo Bornhausen e José Carlos Vieira, secretário Geraldo Althoff e ex-deputado Paulo Gouvêa da Costa.

O programa da convenção

09 às 11 horas - Credenciamento;

 

10 às 10h45min - Palestra do secretário de Ação Social da Prefeitura do Rio de Janeiro, Marcelo Garcia, sobre Seguranças Sociais;

 

11 às 12 horas - Eleição do Diretório Nacional do Democratas;

 

14 horas - Lançamento do livro “A bem sucedida privatização brasileira”, de Antônio Ferreira Paim;

 

14h30min às 17 horas - Segunda parte da convenção, com:

- Pronunciamento do Presidente Nacional do Democratas;

- Apresentação das delegações estaduais;

- Pronunciamento dos líderes partidários;

- Apresentação do programa nacional do Democratas;

- Apresentação da nova logomarca do Democratas;

- Encerramento festivo e de confraternização das delegações estaduais.

Novos símbolos do DEM

Na convenção amanhã (12), o DEM apresentará seu novo símbolo: uma árvore com as cores verde e azul. O mesmo dos conservadores ingleses. E lançará os slogans "A força das novas idéias", "Segurança pela vida" e "Liberdade para crescer".

 

A sigla elege o meio ambiente como tema central, mas não apenas na defesa das florestas. Na idéia da economia verde, voltada para as grandes cidades, com consumo racional de água e energia e segurança para o setor privado em relação a investimentos.

 

"Existe insegurança em todas as áreas. Na segurança pública nem se fala. Mas há insegurança ambiental e insegurança jurídica para investidores", resume o presidente Rodrigo Maia, que deplora a negligência na política de segurança pública, as medidas pífias no meio ambiente e a dependência excessiva de beneficiários de programas sociais.



Escrito por Aluizio Amorim às 14h26
[   ] [ envie esta mensagem ]




VENZUELANOS ENFRENTAM ESCASSEZ

Tumulto em "supermercado do povo": disputa pelos alimentos.

Socialismo bolivariano faz

alimentos desaparecerem

Lembram do congelamento de preços durante o governo Sarney, quando diversos produtos desapareceram dos supermercados? Houve até mesmo importação de carne, uma coisa horrorosa que ninguém sabe até hoje de onde veio. Ainda bem que essa besteira de congelamento de preços não durou e o mercado mandou ver.

 

Pois bem. Na foto acima uma cena cotidiana na Venezuela da atualidade em decorrência do socialismo bolivariano do tiranete bufão. Clicando aqui você fica sabendo o que é viver sob o coturno de Chaves e suas maluquices bolivarianas.

 

O diabo é que toda essa loucura tem o apoio de Lula e seus sequazes, até porque o Apedeuta fez campanha eleitoral em favor de Chávez.



Escrito por Aluizio Amorim às 02h16
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 02h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




STALIN TINHA RAZÃO: CINEMA É AMERICANO. O RESTO É LIXO!

 White Sun of the Desert, western soviético-botocudo.

Besta comunista era tarado

por filmes com John Wayne

Divertida matéria no Newstatesman dá conta que Stálin tanto detestava quanto amava o ator predileto de John Ford. Chegou (segundo Orson Welles) a planejar o assassinato de John Wayne, famoso por suas posições anticomunistas, mas não perdia nenhum dos seus filmes.

 

O fascínio pelos westerns não era exclusividade do ditador. O jornalista conta que, quando foi ser correspondente na então União Soviética, ganhou um vídeo de presente de amigos. Pensou que seria alguma obra de Tarkovsky ou uma cópia novinha do Encouraçado Potemkim.

 

Nada: era um faroeste made in URSS, um, por assim dizer, vodka-western. Na época, quem governava era Brezhnev, que, segundo o autor da matéria, não partilhava a admiração de Stálin por John Wayne, preferindo ver Chuck Norris na tela. Gosto por gosto, o de Stalin era melhor.

 

(Afanei este post lá do blog do Luiz Zanin, que é crítico e colunista do Estadão e edita o suplemento Cultura. Bem sacado, Zanin).



Escrito por Aluizio Amorim às 01h33
[   ] [ envie esta mensagem ]




CUCARACHAS VÃO SAQUEAR O BRASIL

Lula firma pacto sinistro com botocudos: ouro para os bandidos.

Com Banco do Sul reservas

brasileiras estão em perigo

Aos poucos a América Latina vai sendo tomada pela bandalha comuno-fascista e ninguém move uma palha. Hoje Chávez e seus asseclas, incluindo Lula, assinaram a criação do Banco do Sul. Os cucarachas insinuaram que Lula “tem muito dinheiro” em função das reservas brasileiras calculadas em US$ 200 bilhões.

 

Estão vendo? Os recursos dos cofres públicos são propriedade de Lula, o imperador do Brasil, o sheik, o rei da cocada preta e o que mais queiram.

 

O índio cocaleiro falou inclusive na criação de uma moeda única e a reunião dos recursos de todos os bancos centrais nesse tal Banco do sul e Chávez disse que o Apedeuta é o “sheik do Amazonas”.

 

A cubanização do continente segue tranqüila. O próximo passo é a expropriação da propriedade privada com a implantação de um coletivismo botocudo.

 

Esta é a democracia de Chávez, Morales, Kirchner e, claro, a de Lula e seus sequazes.

 

Se não houver uma reação firme dos democratas do continente esses porras-loucas dominarão tudo cometendo a maior pilhagem de recursos públicos já havidos na face da Terra. Não tenham dúvida.

 

E sabem onde ficará a sede do Banco do Sul? Na Venezuela, é claro, sob a direção de Hugo Chávez. É para lá que seguirão as economias dos brasileiros.

 

Este é o destino do seu dinheirinho.

 

Bom, no final das contas essa manada de orelhas murchas merece isto.



Escrito por Aluizio Amorim às 17h24
[   ] [ envie esta mensagem ]




BOTOCUDOS NEOLUDITAS

Os ecochatos fanatizados pela ecologia que virou uma religião

Ecochatos tumultuam leilão

de usina. Querem apagão!

Os botocudos neoluditas, bate-paus do petralhismo que se autodenominam “movimentos sociais” enlouqueceram e tentaram impedir o leilão da hidrelétrica de Santo Antônio, no Rio Madeira, organizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

 

Chegaram a derrubar um estrutura montada para recepcionar os participantes do leilão e a imprensa e tentaram avançar para o local onde aconteceria o leilão. Claro, a polícia teve que intervir e prendeu pelo menos 7 botocudos.

 

Por trás da barafunda desses fanáticos ecochatos está, como não poderia deixar de ser, uma ONG autodenominada “Amigos da Terra – Amazônia Brasileira”.

 

O mais engraçado e caricato de tudo isso é o fato de que esses porras-loucas financiados com dinheiro público via ONGs, verdadeiras lavanderias de grana procedente do erário, não dispensam a energia elétrica em suas sedes e, muito menos, nas suas residências.

 

Se nada for feito em investimentos na infra-estrutura energética vamos amargar um apagão de enormes proporções, porque em quase cinco anos de governo Lula e seus sequazes têm se preocupado mais em fazer marketing eleitoreiro.

 

Os ecochatos adoram o matagal, mas vivem nas cidades, usam automóvel, computadores e todos os benefícios da tecnologia e da eletricidade.

 

Ora, vão ser hipócritas assim lá nas pororocas amazônicas.

 

É por isso que a ordem do dia (epa!) continua sendo:

FOGO NOS BOTOCUDOS !!! FOGO NOS ECOCHATOS  !!!

(Foto: Site UOL)



Escrito por Aluizio Amorim às 15h18
[   ] [ envie esta mensagem ]




ELEGÂNCIA BOLIVARIANA

Vejam como Chávez, amigo

de Lula, trata os jornalistas.

Como todo esquerdista, o bufão da Venezuela é mentiroso e oportunista. No começo deste ano, quando esteve trocando afagos com Lula em Brasília, o jornalista brasileiro Cláudio Lessa perguntou ao tiranete como poderia qualificar os Estados Unidos de demônio se todos os meses fatura os dólares daquele país? Chávez enrolou, não respondeu e ainda foi estúpido com o jornalista.

Ao comentar o resultado do recente referendo que impôs fragorosa derrota ao tirano, o chanceler de Lula, Ministro Celso Amorim, afirmou que Chávez foi “elegante” ao acatar o resultado das urnas.

 

Dias depois, Chávez qualificou de “vitória de merda” o sucesso eleitoral da oposição.

 

Este vídeo, cuja dica peguei lá no Cláudio Humberto, dá uma idéia da brutalidade de Chávez.

 

O tirano é amigo de Lula e de seus sequazes.

 

Atenção: quem defender esse tirano aqui no blog terá seu comentário simplesmente deletado. Lugar de petralha é lá no blog do Zé Dirceu ou do Paulo Henrique Amorim.



Escrito por Aluizio Amorim às 11h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




MALDITO !!!

Apedeuta apóia picaretagem

bolivariana do “Banco Sul”

E lá vai mais dinheiro do Brasil para sustentar o tal Banco do Sul, uma invenção bolivariana do bufão Hugo Chávez. Quando essa picaretagem foi lançada pelo bufão o governo petralha se manteve meio arredio.

 

Mas parece que agora Lula e seus sequazes devem ter negociado algo que desejavam e o Apedeuta não economizou elogios à iniciativa. E voltou com aquele papo de que nós precisamos ajudar os países pobres.

 

Lula elogiou Chávez, a quem chamou “Rei do Petróleo” e também o índio de araque Evo Morales, que para Lula “é a cara da Bolívia”.

 

Nisso o Apedeuta acertou. Realmente esse novo tiranete latino-americano tem a cara do seu país onde os botocudos degolam cães nas ruas insinuando que farão o mesmo com os políticos da oposição.

 

E, para entender toda essa malandragem "bolivariana" não deixe de ler o livro A Volta do Idiota cuja capa-link para compra está na coluna ao lado.

Vale a pena ler este livro que, aliás, já comentei aqui. Estou lendo também e logo voltarei a falar dele.

 

FOGO NOS BOTOCUDOS !!! FOGO NELES !!!



Escrito por Aluizio Amorim às 01h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




QUE TAL?



Escrito por Aluizio Amorim às 01h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 01h12
[   ] [ envie esta mensagem ]




PENSANDO BEM:

Estupidez botocuda pode ter

origem na formação cerebral

A maioria dos estudantes dos países que fazem parte da elite da educação mundial tem mais de quatro horas semanais de aulas de ciência, leitura e matemática.

 

No Brasil, a quantidade de alunos com carga horária semelhante não passa dos 30%. Cruzamento feito pelo Estado a partir das notas e do perfil das escolas na avaliação internacional Pisa mostra que o Brasil fica atrás em vários indicadores que influenciam na aprendizagem.

A lista foi elaborada com base nos rankings de leitura, matemática e ciência de 2006, divulgados na semana passada, e inclui Finlândia, Hong Kong, Coréia, Canadá, Taiwan, Bélgica, Nova Zelândia, Austrália, Holanda e Suíça.

 

Os brasileiros obtiveram cerca de 150 pontos a menos que os estudantes dessas nações. O Pisa foi realizado por 400 mil alunos de 15 anos em 57 países. Ao mesmo tempo, diretores responderam questionários sobre as escolas. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: Caso seja aumentada a carga horária das aulas no Brasil os botocudos fugirão da escola. Botocudo não estuda porque não tem cérebro suficiente para isso.

 

Os botocudos desde que se dão por gente começam a correr atrás de caraminguás do Estado. Sob o pontificado de Lula estão exultantes.

 

E não adianta. A situação do lixo ocidental não mudará. Poderia mudar se fosse apenas uma questão cultural como se acreditava até há pouco tempo.

 

Entretanto, tudo indica que isto é uma condição genética. Lembram quando o cientista James Watson falou sobre o atraso africano? Os politicamente corretos caíram de pau no cientista acusando-o de racista.

 

Entretanto ele apenas estava levantando um problema real e supondo que no futuro, com o desenvolvimento da ciência, isto poderia ser mudado com base nos estudos da genética.

 

Ora, a cor das pessoas pouco importa. O que interessa é o funcionamento do cérebro. Não fosse assim não teríamos milhares de botocudos brancos, amarelos e pardos.

 

A totalidade dos dirigentes do PT, a começar com Lula, é integrada por brancos e pardos. E, no entanto, são todos botocudos.



Escrito por Aluizio Amorim às 12h54
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 12h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




MISTÉRIO BOLIVARIANO

Avião chavista escorraçado

na Bolívia pousou no Brasil

O Hércules C-130 da Força Aérea da Venezuela deixou o Aeroporto Internacional Plácido de Castro, em Rio Branco (AC), na madrugada de ontem, com destino a Caracas, depois de ficar mais de 12 horas em solo brasileiro.

 

O avião passou por vistoria técnica, foi abastecido e teve a decolagem autorizada pela Infraero depois de a Polícia Federal confirmar que não levava armas nem munição - como tinham denunciado opositores bolivianos. Na véspera, o avião teve de deixar às pressas o aeroporto boliviano de Riberalta, em meio a protestos de opositores do presidente da Bolívia, Evo Morales.

No interior do avião, a PF confirmou apenas a presença de 34 militares venezuelanos, que nada falaram sobre a denúncia de que tinham sido enviados pelo presidente Hugo Chávez para treinar milícias de sustentação do governo de Evo.

O superintendente da Infraero no Acre, Jailson Araújo, não quis se pronunciar sobre as razões que ocasionaram a aterrissagem de emergência da aeronave no Acre e a demora de sua partida - limitando-se a informar que “a missão era do Exército, e os militares é quem tinham as informações”.

 

MEU COMENTÁRIO: Afinal, o que um avião levando militares venezuelanos iria fazer na Bolívia? Turismo?

 

Clique aqui para ler o restante da matéria acima que está no Estadão, aqui para ver o que noticiou o site do jornal Notícias da Hora, do Acre e, finalmente, aqui, o site Mega Resistência (em espanhol) que informa que os venezuelanos carregavam US$ 872 mil dólares e, supostamente, armamentos destinado a reforçar os bolivarianos do índio cocaleiro da Bolívia acuado pela oposição.

 

A aeronave militar venezuelana foi apedrejada por populares na Bolívia e teve que decolar à pressas, fazendo escala em Rio Branco, no Acre.

 

Eis aí mais um típico mistério “bolivariano”. (Com a colaboração do leitor que assina Hans. Valeu Hans!).

(Foto do site Notícias da Hora)



Escrito por Aluizio Amorim às 10h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMJOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 01h14
[   ] [ envie esta mensagem ]




DEMOCRACIA PETRALHA

Lula elogia Chávez e Morales

e fala do Foro de São Paulo

O Apedeuta voltou a deitar falação em Belém ontem e retomou os elogios ao coronel bufão Hugo Chávez e ao índio de araque Evo Morales, os quais considera “companheiros”.

 

Ao iniciar sua fala, Lula lembrou o Foro de São Paulo, um encontro de partidos, ONGs e até mesmo setores guerrilheiros autodenominados “de esquerda” da América Latina. “Lembro como se fosse hoje, só da Argentina tinta 13 organizações políticas de esquerda que não se conversavam” – observou, arrematando: “a única coisa que os unia era o Maradona”.

 

Segundo o Apedeuta, a partir dali começou uma revolução das esquerdas na América do Sul que agora caminha para a América Central.

 

Está aí portanto uma excelente pauta jornalística: o Foro de São Paulo. Como disse recentemente um comentarista aqui no blog, bastaria um “Globo Repórter” sobre esse tal Foro de São Paulo e a Nação brasileira começaria a pensar seriamente sobre o que isto significa e sobre os seus nefastos reflexos sobre o Brasil e todo o continente latino-americano.

 

Afinal, por que a grande mídia não dá um pio sobre isso?



Escrito por Aluizio Amorim às 09h58
[   ] [ envie esta mensagem ]




TECNOLOGIA: LÁ E AQUI.

Carro anfíbio suíço

Versão botocuda



Escrito por Aluizio Amorim às 09h20
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 00h19
[   ] [ envie esta mensagem ]




A MENTIRA COMO ESTRATÉGIA DE PODER

As metáforas que mistificam

manobras golpistas de Lula

Para justificar o seu apoio a Chávez e ao índio cocaleiro Evo Morales, o Apedeuta lançou mão de suas costumeiras metáforas rasteiras. Afirmou que “não somos um caminhão de melancias”, para ressaltar as diferenças e defender o respeito à soberania dos outros países. Tudo bem. A soberania dos países deve ser respeitada, desde que a democracia não seja pisoteada.

 

Se isso fosse procedente o Brasil não teria lutado contra o nazismo. E os Estados Unidos tinham ficado quietos, respeitando a loucura de Hitler. Bush também deveria ter respeitado a soberania do Iraque sob o tacão do ditador assassino Sadan Hussein.

 

Sob a ótica de Lula o nazismo teria triunfado na Alemanha e o fascismo na Itália.

 

São estas impropriedades e mistificações do Apedeuta que devem ser desmascaradas. A grande mídia e seus jornalistas têm o dever ético e moral de denunciar esta manobra sorrateira de Lula e seus sequazes.

 

Lula e do PT respeitam a soberania de todos os tiranos que andam por aí, desde o Irã até à Bolívia, onde a malta açulada pelo índio cocaleiro irresponsável degola cães nas ruas e ameaça que fará o mesmo com a oposição.

 

Lula não se comporta como chefe de uma Nação cuja constituição está fundada nos preceitos democráticos.

 

Se Lula e seus sequazes toleram as ditaduras botocudas da América Latina, isto indica que pretendem fazer o mesmo aqui no Brasil.

 

O povo venezuelano já está demonstrando que é muito mais sensato e atento a manobras golpistas que o brasileiro. Deu um chega pra lá irreversível no fanfarrão cucaracha.

 

Está na hora de se fazer o mesmo com Lula e com o PT se o povo brasileiro preza a liberdade e a democracia.

 

O discurso de Lula é um insulto e uma agressão e, por isso, tem de ser duramente repelido.



Escrito por Aluizio Amorim às 21h14
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 13h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




DÁ-LHE CAPITÃO NASCIMENTO!

O capitão Nascimento não dá moleza. É fogo nos botocudos !!!

Globo vence. Produzirá série

baseada em Tropa de Elite.

Maravilha! A Rede Globo disputou com a Record e, ave! venceu a parada e produzirá a série baseada no filme Tropa de Elite. E a idéia do novo seriado da Globo é muito interessante.

 

Segundo Marco Prado, produtor do filme Tropa de Elite, os temas apresentados no longa-metragem não serão repetidos na TV. A intenção do programa é trazer, a cada semana, uma denúncia sobre os problemas de segurança que o Brasil enfrenta, destaca o site UOL.

 

Se a Globo seguir a linha do filme será muito bom para ampliar a discussão sobre a questão da segurança pública e mudar a visão obtusa dominante e turbinada pelo politicamente correto, segundo a qual o bandido é sempre o mocinho.

 

Os veículos de comunicação não estão aí para obedecer nenhum padrão ideológico e nem tem a incumbência de promover a lavagem cerebral. Não existe essa de jornalismo, de cinema e de televisão “críticos e engajados”, como reivindica uma certa esquerda extemporânea.

 

Entretanto, a ficção do cinema e da televisão é capaz de influir no reforço de valores altruísticos e acordes com os fatos. Por exemplo: se observarmos o cinema norte-americano veremos que o mocinho é sempre a polícia e nunca o bandido.

 

Filmes americanos denominados “policiais” muitas vezes – ou na maioria delas – enfocam a questão mostrando o mocinho (o policial responsável e que busca esclarecer um crime e ver punidos os bandidos), o policial-bandido e corrupto e, por fim o fora-da-lei propriamente dito.

 

No final da história, via de regra, triunfa o mocinho que encarna a lei e a ordem e a perenidade e a eficiência das instituições democráticas, entre elas o Poder Judiciário. Ninguém escapa das malhas da lei!

 

O povo norte-americano construiu um país poderoso e democrático. Os EUA foram descobertos mais ou menos na mesma época da América Latina.

 

Lá o bandido vai para a cadeia. Aqui acontece o contrário. O mocinho é execrado inclusive em aulas de sociologia das nossas universidades, mormente dominadas pela idiotia latino-americana. Tropa de Elite mostrou isso de forma muito clara.

 

Tropa de Elite foi o primeiro filme a desnudar a hipocrisia brasileira e o esquerdismo idiota que invoca os direitos humanos para os mais abjetos criminosos.

 

E notem que o filme não postulou em nenhum momento uma intenção de vanguarda, de militância seja à direita ou à esquerda. Limitou-se a eviscerar a sociedade brasileira, estruturando a história em cima dos fatos. Só.

 

Daí a polêmica que causou e a razão do seu sucesso.

 

Está nas mãos da Globo uma oportunidade fantástica de produzir algo inédito na história da televisão brasileira. A conferir.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h08
[   ] [ envie esta mensagem ]




VADE RETRO

Baranga da ONU desanca a

polícia e abençoa os bandidos

A Alta Comissiária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Louise Arbour, criticou nesta quarta-feira, 5, o excesso de preocupação com a violência, que ela disse ter sentido no Brasil e em outros países que visitou.

 

Segundo ela, as discussões sobre segurança estão sendo distorcidas porque a opinião pública, assustada com os altos índices de criminalidade, estão legitimando as ações violentas e fora-da-lei do Estado.

 

 "A opinião pública busca a falsa sensação de segurança estimulando ações violentas do Estado, feitas nos moldes de operações militares", disse ela ontem, em entrevista coletiva antes de deixar o Brasil.

 

"Estou nesse País há três dias e não posso ter soluções completas. Falei de modo genérico, mas penso que isso pode ser aplicado no Rio de Janeiro e em outras áreas onde haja esse problema de criminalidade, justificou Louise. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: estão vendo? Uma baranga burocrata da ONU, essa entidade que não tem mais nada o que fazer senão bancar o turismo de seus funcionários, resolve se meter onde não foi chamada. Cercada de segurança, em hotel cinco estrelas, passou três dias aqui no Brasil e, antes de ir embora resolveu desancar a polícia e condenar a população que clama por segurança.

 

Trata-se de uma irresponsabilidade as declarações dessa mulher. O que ela quer? que os bandidos sejam tratados com doce de côco? Mais uma vez, e agora através da Organização das Nações Unidas, os direitos humanos são invocados em favor dos criminosos.

 

Vade retro baranga! Não vem que não tem. É fogo nos botocudos e fim de papo. A população decente do Brasil exige o respeito à lei e à ordem e quer ver a polícia agindo sim, com todo o rigor contra os botocudos.

 

A violência no Brasil é tanta que o governo alemão chegou a criar um "Manual de Sobrevivência" para seus cidadãos que têm de viver no Brasil por motivos profissionais, conforme noticiei e comentei em post mais abaixo.



Escrito por Aluizio Amorim às 22h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




A MÚSICA DO BLOG - ESPECIAL!

Manhattan Transfer continua.

Estiveram este ano no Brasil!

É tanta a sordidez do mundo da política, enquanto o continente latino-americano e, particularmente o Brasil, se transformam no emblema kitsh do planeta que tenho que abrir um espaço para o que é beleza pura, limpa, livre do lixo. Tem que ser a arte expressada pela boa música.  

A Música do Blog brinda os leitores com uma magnífica apresentação do excepcional grupo vocal americano Manhattan Transfer interpretando a conhecida e deliciosa Joy Spring, do trompetista Clifford Brown. Com direito a um show de improviso do guitarrista Wayne Johnson e as surpreendentes performances do baterista Buddy Williams e do baixista Alex Blake. Reparem que este baixista é algo extraordinário. A gravação é de 1986 ao vivo no Japão. Tanto o som como a imagem estão ótimos.

 

Integram o Manhattan Transfer Tim Hauser (calvo) que é o band leader e ainda Janis Siegel, Alan Paul e Cheryl Bentyne. Esta é a formação praticamente original do grupo. Parece que houve apenas a troca de uma cantora. E foi com essa formação que o Manhattan faz sucesso sem parar e já desafia o tempo contando com 35 anos de existência. Bravo! Tim Hauser começou a banda em 1972!

 

Sabia que o grupo ainda continuava na ativa. Só não tinha idéia de quanto ainda estão bons. Aliás, ótimos. E também não sabia que estiveram este ano em São Paulo. Logo eu que acompanho a mídia diariamente. Putz. Se soubesse teria ido ver essas feras do jazz. Juro que desafiaria os botocudos, arriscando tudo para vê-los e ouvi-los. Confesso que estou desconsolado.

Acabei descobrindo no YouTube que o grupo esteve em São Paulo e no Rio. Reproduzo abaixo um vídeo no qual dão uma palhinha do show que fizeram em São Paulo e, de quebra, uma entrevista com o líder da banda, Tim Hauser. Ele conta como começou o Manhattan Transfer, nome retirado do título de um livro do escritor norte-americano John dos Passos (epa!).

Hauser antes de celebrizar-se no mundo artístico era, pasmem, um motorista de táxi! Sem demérito nenhum para esses profissionais tão essenciais e que nos prestam tão bons serviços. Mas não deixa de ser incrível que um talento musical como Hauser pudesse estar desperdiçado.

Fico desconsolado por não os ter visto ao vivo mas, por outro lado, fico muito contente e feliz de saber que eles continuam firmes e muito vivos, um pouco mais velhos é claro, mas ainda com brilho em suas vozes, harmonia perfeita, sempre de raro bom gosto.

Portanto, eis aí dois vídeos que não dá para deixar de ver e ouvir. Principalmente para quem gosta e de jazz. Coisa de primeira. Clique, escute e pense por um momento que você está num país civilizado onde impera o bom gosto.

A homenagem do blog ao Manhattan Transfer!



Escrito por Aluizio Amorim às 18h18
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 17h28
[   ] [ envie esta mensagem ]




O VERDADEIRO RISCO BRASIL

Manual alemão ensina como

sobreviver em país botocudo

A agência federal de comércio exterior da Alemanha acaba de lançar um guia para executivos que vão morar no Brasil, e publicou um resumo do texto na internet com o título Como sobreviver no Brasil.

O guia de 140 páginas, chamado Segurança no Brasil, traz várias dicas para confrontar a violência no cotidiano do país.

A agência BFAI (sigla em alemão) sugere, entre outras coisas, vestir roupas simples e evitar reações bruscas durante um assalto.

Além dessas dicas, o livro também contém sugestões bastante óbvias, e diz, por exemplo, que "não é recomendado carregar laptops na rua", ou que "desconhecidos não devem entrar em casa".

A agência governamental, que tem como missão incentivar o comércio exterior na Alemanha, diz ainda que um dos maiores perigos é baixar a guarda e não ficar alerta depois de um período sem roubos ou ameaças.

Os autores do guia não deixam de acentuar que, apesar da violência, o Brasil é um país "amigável e acolhedor", e dizem que a vida no país pode ser bastante agradável.

O texto também foi publicado pelo Handelsblatt, um dos maiores jornais de economia da Alemanha.

Em uma referência à criminalidade organizada, o guia da BFAI diz que "esse setor é muito dinâmico e muda suas técnicas regularmente".

O guia Segurança no Brasil foi publicado em cooperação com a Câmara de Comércio Brasil-Alemanha e custa 50 euros - cerca de R$ 130. (Do site do Estadão).

 

MEU COMENTÁRIO: Não conheço estatísticas, se é que existem. Mas é notório que depois que o PT chegou ao poder a violência cresceu de forma assustadora no Brasil. Isto sem dúvida decorre da leniência com a qual o governo petista lida com a segurança pública.

 

A explicação: é que a turma do PT, valendo-se de um equivocado conceito de direitos humanos insiste na idiotice de tratar os bandidos como vítimas de injustiças sociais. O que falta é descer o sarrafo.

 

Só não sei como as pessoas desses países civilizados como a Alemanha ainda têm coragem de vir para o Brasil.



Escrito por Aluizio Amorim às 12h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




A HOMENAGEM DO BLOG AOS JUDEUS

A celebração judaica "Festa das Luzes" (Chanuká):  pela paz. 

O candelabro de nove braços, o símbolo da Festa dos judeus

Judeus celebram luz contra

a escuridão em Copacabana

Cerca de 200 pessoas participaram da tradicional celebração judaica "Festa das Luzes" (Chanuká) na noite desta terça-feira (4) em Copacabana, na Zona Sul. 

 

O evento é uma realização da Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro, Fierj. Segundo Sérgio Niskier, presidente da Fierj, uma chanukiá, candelabro símbolo da festa com seis metros de altura e nove braços, foi acesa com um grande show de luzes.

 

“Quando se acende uma vela, você traz a luz e combate a escuridão. É uma luz de paz. As luzes de uma chanukiá são a recordação de um pequeno e único vaso de azeite puro que se recuperou das ruínas do Templo Sagrado, em Jerusalém”, disse Niskier.

 

De acordo com os organizadores, a festa de Chanuká contém uma mensagem universal para todos os povos e simboliza a liberdade de religião e de expressão. Este ano, o tema é “Que as luzes da chanukiá iluminem os caminhos da paz, da solidariedade e da tolerância”.

 

Festa em outros países - A celebração, que será realizada até o dia 11 de dezembro, acontece simultaneamente em cidades como Paris, Veneza, Londres e Moscou.

 

As velas serão acesas após o anoitecer e a cada noite é acesa uma nova luz. O secretário estadual do Meio Ambiente, Carlos Minc, e o deputado Ronaldo César Coelho estiveram presentes no evento.

 

Conforme a tradição judaica, a abertura do Chanuká no Rio teve apresentações musicais, de vídeos e distribuição de doces. As crianças que passaram pela Praia da Copacabana receberam moedas de chocolate e um kit tradicional do evento.

“Há dez anos a comunidade judaica espalha pequenos candelabros pela cidade, mas nunca instalamos um como este que está em Copacabana e com toda esta festa. Estamos celebrando a luz contra a escuridão com muita música e diversão”, completou o presidente da Fierj. (Do site G1).

 

MEU COMENTÁRIO: O blog deseja aqui com este post homenagear o judeos do Brasil e de todo o mundo. Conforme já assinalei em outros posts correlatos, defendo a causa dos judeus e de Israel e não admito comentários agressivos contra este povo.

 

Em boa hora os judeus brasileiros se unem em praça pública e dão uma lição de democracia, porquanto pregam a paz, a solidariedade e a tolerância.

 

Este festejo judaico contém uma mensagem universal importantíssima para todos os povos e simboliza a liberdade de religião e de expressão.

 

Viva a paz, a liberdade e a democracia. Um viva especial para os judeus, este povo injustamente perseguido e que teve milhões de seus irmãos assassinados pelo nazismo. Na atualidade um novo holocausto é imposto aos judeus pela barbárie dos fanáticos fundamentalistas.

 

Defender os judeus é defender a democracia e condenar as iniqüidades perpetradas pelo terrorismo.

 

(Fotos de Rodrigo Viana, do site G1).



Escrito por Aluizio Amorim às 00h40
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 00h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




RITUAL MACABRO

Botocudos degolam cães na

Bolívia para ameaçar oposição

O que está acontecendo no continente latino-americano é algo vergonhoso, ridículo e, sobretudo, macabro. Os campesinos aliados de Evo Morales, os Ponchos Rojos, reúnem-se em praça pública e promovem um ritual com a degola de cães para atemorizar a oposição. Ameaçam que farão o mesmo com os políticos oposicionistas.

 

Se você tiver estômago e boa dose de sangue frio, clique para ver o vídeo. É algo simplesmente inacreditável que possa ocorrer em pleno século XXI.

 

São estes os que apóiam Evo Morales, esse botocudo que tenta impor uma ditadura comuno-fascista na Bolívia. As trevas medievais estão redivivas na América Latina por conta de um esquerdismo extemporâneo, irresponsável e assassino que se vale da ignorância das massas e instiga à violência e ao assassinato.

 

Os comparsas de Evo Morales degolam cães na praça. Ameaçam fazer o mesmo com os oposicionistas. O Presidente do Brasil é Lula. Lula é amigo de Evo Morales. Lula é o chefão do PT. (Peguei a dica deste post lá no blog da minha amiga e incansável blogueira Nariz Gelado).

 

Não dá para admitir que o Presidente da República do Brasil seja amigo de Evo Morales e o apóie.

 

Está mais do que na hora de acabar com os botocudos.

 

FOGO NELES !!! FOGO NOS BOTOCUDOS !!!



Escrito por Aluizio Amorim às 02h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 01h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




ARTIGO

Os venezuelanos disseram não

 

Nilson Borges Filho (*)

 

A Venezuela conta com 16 milhões de eleitores, mas apenas quatro entre dez desses eleitores foram às urnas para votar “si” ou “no” às reformas propostas pelo presidente Hugo Chaves.

 

Dos nove milhões de venezuelanos que votaram, aproximadamente 51% rejeitaram as propostas de mudança constitucional que, entre outras coisas, permitiria que Chaves se candidatasse indefinidamente e restringiria a liberdade de expressão.

 

O povo da Venezuela disse não ao coronel Hugo Chaves, embora um simples referendo não credencie a existência de democracia plena naquele país. As pesquisas de boca de urna davam vitória tranqüila ao presidente venezuelano.

 

O resultado contrário às pretensões chavistas e às pesquisas de opinião é uma prova cabal de que as pessoas tiveram medo de expressar de como iriam votar.

 

Caso se queira contabilizar números, a diferença entre o sim e o não foi apertada, ou seja, de apenas 187 mil votos. Porém, se o exercício se der no campo do simbólico, a derrota do sim travou por alguns momentos a empáfia e a arrogância de um ditador em gestação.

 

faz algum tempo que Chaves vem agindo de forma a se consagrar na principal liderança na América Latina, servindo de exemplo para Morales na Bolívia e Correa no Equador.

 

O presidente colombiano Álvaro Uribe percebeu, em tempo, as intenções ideológicas expansionistas de Chaves e, mais do que depressa, tirou o seu time de campo.

 

Aliás, o espectro ideológico proposto por Chaves é uma salada que vai de movimentos de libertação a dogmas marxistas, tudo isso sob o prisma teórico de um socialismo de periferia produzido por um coronel de engenharia, cuja qualificação intelectual é de um reducionismo sem tamanho.

 

O governo brasileiro, com sua política externa de canteiro de obra, inoportunamente vem dando guarida às manifestações bobas de um ninguém que procura ser alguém num continente dominado por presidentes populistas.

 

O resultado obtido pela oposição venezuelana pode levar a um recrudescimento da política interna implantada por Chaves, limitando mais ainda a liberdade de expressão, fechando jornais, rádios e estações de TV a manu militari; e emendando, via decreto, a Constituição em vigor, ou seja, institucionalizando por decreto tudo aquilo que o povo disse “no”.

 

A rigor, não existe oposição na Venezuela. Ou melhor, a oposição mudou de mãos: saíram os políticos e entraram os estudantes e alguns trabalhadores que Chaves não conseguiu cooptar com o seu socialismo de araque.

 

O presidente Hugo Chaves tem um passado golpista, quando em 1992 protagonizou um golpe de Estado contra o presidente Carlos Andrés Pérez. O presidente Pérez não caiu, mas a tentativa golpista serviu para dar visibilidade ao coronel Hugo Chaves, mais tarde eleito e reeleito presidente da Venezuela.

 

Em outra oportunidade, já presidente, Chaves voltou a demonstrar seus dotes de ditador latino-americano ao emparedar a Assembléia Nacional e obriga-la a aprovar a “Ley Habilitante” por meio da qual o presidente da República poderia governar por decreto pelo prazo de um ano, sem necessidade da aprovação do Legislativo venezuelano.

 

O saldo foi expressivo: entre novembro de 2000 a novembro de 2001, Chaves promulgou quarenta e nove decretos sem dar a mínima para a Assembléia Nacional, que exerceu nesse período entre “novembros” o papel de um simples ator político coadjuvante.

 

Portanto, não será surpresa se daqui a alguns meses, depois de curar a ressaca da derrota do referendo, Chaves não se utilize da Assembléia Nacional para obter uma nova lei que o habilite a governar por decreto e, com isso, provocar as mudanças constitucionais que pretendia lhe dar tantos mandatos presidenciais quantos desejasse.

 

Espera-se que o governo brasileiro passe a ver com outros olhos o que está se passando na Venezuela de Chaves. Analistas venezuelanos estão preocupados com o que sairá daqui para frente da mente doentia de um ditador que é capaz de tudo para se manter no poder, inclusive botar a farda e golpear de vez as instituições que ainda funcionam no país vizinho.

 

(*) Nilson Borges Filho é doutor em Direito, professor e colaborador deste blog.



Escrito por Aluizio Amorim às 00h38
[   ] [ envie esta mensagem ]




LÁ SE FOI MEU AMIGO

O catarinense Karam: vida dedicada ao jornalismo e à literatura.

Morre, aos 60 anos, o escritor e

jornalista Manoel Carlos Karam

Morreu, na madrugada deste sábado (1), de câncer no pulmão, no Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, o escritor e jornalista Manoel Carlos Karam, 60 anos. Casado, deixou viúva, um filho e uma enteada.

 

O corpo do jornalista está sendo velado na Capela Vaticano, atrás do Cemitério Municipal, na capital paranaense, e será cremado às 17 horas, em Campina Grande do Sul, na região metropolitana.

 

Karam era catarinense de Rio do Sul, e vivia em Curitiba desde a década de 60. Cursou jornalismo na Pontifícia Universidade Católica, publicou sete romances, vencendo o prêmio Cruz e Souza de Literatura, em 1995, com a obra Cebola. Também escreveu 20 peças teatrais.

Como jornalista, trabalhou na RPC TV, nos jornais o Estado do Paraná, Tribuna do Paraná e na prefeitura de Curitiba. Trabalhou também em campanhas políticas, como a do ex-governador Jaime Lerner.

No velório, os amigos lembraram da importância de Karam para a cultura curitibana e da perda para a sociedade. “O seu texto conseguia reproduzir a essência do curitibano. A sua passagem deixou amigos e admiradores, num percurso pontilhado de amizades”, afirmou Jaime Lerner.

Segundo a família, o escritor deixou crônicas inéditas, e outros textos que serão publicados no futuro. “É preciso lembrar o lado bom do Karam”, disse a viúva Kátia Kertzman. (Do jornal Gazeta do Povo, de Curitiba).

 

MEU COMENTÁRIO: Karam era meu conterrâneo. Éramos amigos desde garotos. Na minha época de músico toquei numa banda junto com o irmão dele, o Luiz Antônio Karam que depois foi para Curitiba estudar música, formou-se e de lá foi para São Paulo. A última vez que vi o Luiz Antônio foi pela televisão, num especial da Fafá de Belém. Luiz Antonio trabalhou, ou trabalha ainda, com o grupo da Fafá.

 

Já o Manoel Carlos desde garoto manifestava talento para a escrita, embora também curtisse música e demais artes. Fez uma bela carreira no jornalismo de Curitiba e deixou uma vasta obra literária. Sempre que o encontrava batíamos longos papos, principalmente sobre cultura e jornalismo.

 

Manoel Carlos era uma grande figura humana, como seu pai, o radialista e ator de teatro Antonio Karam, curitibano que trocou a capital paranaense por Rio do Sul, Alto Vale do Itajaí, no interior catarinense, onde constituiu família e atuou durante muitos anos no rádio, além de ter protagonizado centenas de peças teatrais e novelas. Era também um exímio animador de auditório.

 

Sempre é triste perder um amigo. Fica aqui as minhas condolências à família do Karam e a homenagem póstuma do blog.

 

Foto: Albari Rosa, da Gazeta do Povo.



Escrito por Aluizio Amorim às 00h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




VIVA A LIBERDADE !!! NÃO À TIRANIA !!!

Venezuelanos democratas comemoram a vitória sobre a tirania

Venezuelano botocudo partidário de Chávez chora pelas ruas

O tirano fanfarrão Hugo Chávez finalmente teve que se calar

Democracia vence na Venezuela

e diz “não” para o tirano bufão

A democracia saiu vitoriosa no referendo da Venezuela e o “não” venceu por por 50,7%, enquanto o “sim”, obteve 49,49%. A Venezuela escapou da cubanização proposta pelo bufão Hugo Chávez.

 

Notem que até as primeiras horas da madrugada de ontem não havia nenhuma matéria procedente de Caracas nos portais dos grandes jornais pelos seus enviados para a cobertura do pleito. Até a 1 hora da madrugada o que se registrava apenas era o resultado de pesquisa de boca de urna que daria uma suposta vitória de Chávez de acordo com um despacho da Reuters.

 

Se Chávez relutava em aceitar a derrota esta informação obviamente teria que ser dada. No seu blog a economista e analista política Ana Júlia Jatar, que lutou a favor do movimento democrático popular na Venezuela, revela que Chávez impôs condições para a aceitar a derrota. Diz ela:

 

O povo disse Não à reforma constitucional proposta pelo presidente Chávez. Sabemos que a direrença foi mais de 10 pontos a favor do Não, entretanto, o Presidente parece que só aceitava sua derrota se lhe fosse apresentado um “final de fotografia”. Não importa, estamos felizes pois ganhamos depois de passarmos três horas esta noite com a ameaça de que Chávez não reconheceria o triunfo do Não.

 

É certo, tivemos que sacrificar 10 pontos (agora) de nossa proporção de vitória, não importa. Todos aprendemos uma lição. Sobretudo, que se não saíssemos para votar, hoje, 3 de dezembro, não teríamos conquistado a vitória. Os abstencionistas foram derrotados. Desfrutemos a merecida e largamente esperada vitória.

 

O que transparece no episódio do referendo é que houve uma cobertura capenga da imprensa internacional. Grande parte dos jornalistas continua a simpatizar com ditaduras ditas comunistas, com a de Cuba, por exemplo e com a tentativa de Chávez de cubanizar a Venezuela.

 

Durante todo o domingo enviaram míseros despachos desde Caracas. Estava tudo muito estranho. O que está no blog de Ana Júlia, que reportei acima, demonstra claramente a conluio de boa parte do jornalismo com o chavismo.

 

Eu sou jornalista e me sinto muito à vontade para fazer esta análise. E não só à vontade. Conheço bem esses botocudos.

 

Voltarei ainda hoje com mais análises a respeito dessa importante vitória da democracia e seus reflexos sobre toda a América Latina e, particularmente, sobre o Brasil onde o petismo se prepara para tentar fazer o mesmo que Chávez.

 

EM TEMPO: A Folha de São Paulo comeu barriga. Deu em manchete a pesquisa boca-de-urna furada. É aquilo que eu digo. Face às insuficientes informações durante toda a madrugada a manchete da Folha foi precipitada. É o jornalismo botocudo. Dêem uma olhada na manchete e no conteúdo da matéria.

Fotos: site UOL.



Escrito por Aluizio Amorim às 10h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




GAVIÕES BOTOCUDOS

Gaviões botocudos choram, sapateiam e brigam em um bar 

 

Já pensaram se o brasileiro se

preocupasse com o seu país?

As represálias começaram quase que imediatamente após o rebaixamento, neste domingo. Em Porto Alegre, no ônibus levava os jogadores assustados para o aeroporto.

 

De acordo com a Brigada Militar, o ex-presidente da Gaviões da Fiel, Douglas Deungaro, teria invadido o ônibus. E começou a discutir com jogadores e com o presidente do clube, Andrés Sanchez. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: Já pensaram se os brasileiros se interessassem por política e pelos destinos do país tanto quanto com o futebol? É  bem possível que se tivesse um país muito diferente.

 

Depois há quem se escandalize quando eu afirmo que a maioria da população brasileira é uma sub-espécie da raça humana que, à falta de outro designativo, denomino botocudos. E acrescento: botocudos ordinários, mentirosos, servis, capachos, traidores, emblemas mais bem acabados da idiotia latino-americana.

 

Sabem apenas babar em arquibancas de estádio de futebol e encharcar a caveira com cachaça. Arre! Levantam-se em protesto somente quando seu time vai mal num campeonato.

 

A maioria dos brasileiros faz um tipo ridículo. Merece mesmo ter com presidente da República o Apedeuta. Ele é o estereótipo perfeito e acabado do homem brasileiro.

 

O lixo ocidental é aqui.

Foto: site do Estadão.



Escrito por Aluizio Amorim às 23h36
[   ] [ envie esta mensagem ]




SEGUREM O ROJÃO, PETRALHAS!

Serra larga com favoritismo arrasador: fogo nos botocudos!

Se a eleição fosse hoje, Serra

daria de relho em qualquer um

A três anos da eleição presidencial de 2010, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), desponta como favorito à sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).


Todos os quatro possíveis candidatos do PT, dependendo do cenário, aparecem com chances mínimas caso a eleição fosse realizada hoje, revela pesquisa eleitoral do Datafolha.


Nenhum dos quatro petistas supera a faixa de um dígito nas intenções de voto, e muitos dos eleitores que dizem simpatizar com o PT votariam hoje em candidatos de outro partido.


A grande ameaça no caminho dos tucanos é o ex-governador do Ceará, ex-ministro da Integração Nacional e atual deputado federal Ciro Gomes (PSB).


Ciro lidera as intenções de voto quando o candidato do PSDB é o governador de Minas Gerais, Aécio Neves. Já nos cenários em que enfrenta o governador paulista, Ciro tem cerca da metade das intenções de voto depositadas no tucano.


No cenário em que os candidatos são Serra, Ciro, a ex-candidata à Presidência Heloísa Helena (PSOL), a ministra do Turismo, Marta Suplicy (PT), e o atual ministro da Defesa, Nelson Jobim (PMDB), o tucano aparece na frente com 37% das intenções de voto. Ciro aparece em segundo, com 18%, seguido por Heloísa Helena (13%), Marta (6%) e Jobim (2%).

Aécio
Ciro lidera somente quando Serra sai da disputa, deixando a cabeça da chapa tucana para o mineiro Aécio Neves. No mesmo cenário acima, mas com Aécio no lugar de Serra, Ciro desponta com 27%, Heloísa Helena tem 18%, o tucano mineiro aparece com 15%, Marta tem 9% e Nelson Jobim, 3%.


O Datafolha também elaborou um cenário onde Serra e Aécio aparecem na mesma disputa. Mesmo nesse caso, Serra continua na liderança, com 33%, seguido por Ciro (19%), Heloísa Helena (15%), Aécio (11%) e Nelson Jobim (2%).


A pesquisa mostra que o PT é hoje um partido com chances muito pequenas de eleger o sucessor do presidente Lula. No melhor cenário para o partido -naquele em que Serra cede a vaga para Aécio-, Marta Suplicy alcança no máximo 9% das intenções de voto.


Os outros possíveis presidenciáveis do PT cujas intenções de votos foram aferidas na pesquisa Datafolha, realizada entre os dias 26 e 29 de novembro, foram a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, que atinge um máximo de 2%, o governador da Bahia, Jaques Wagner (2%), e o ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias (1%).


A pesquisa revela também que mesmo os eleitores que dizem simpatizar com o PT preferem Serra, Ciro ou mesmo Aécio, dependendo de quem seja o candidato petista.


No cenário em que Serra e Marta estão na disputa (com Aécio fora), por exemplo, o tucano tem 27% das intenções de voto entre os simpatizantes do PT. Marta tem apenas 12%.


Em outro cenário, os petistas preferem, com largas margens, votar em Serra (27%), Ciro (26%) ou Heloísa Helena (17%) a escolher o governador baiano, Jaques Wagner (4%). (Da Folha de São Paulo deste domingo).

 

Meu comentário:

 

Razões de sobra para mudar 

 

A três anos da eleição presidencial é difícil fazer previsões. Entretanto, esta pesquisa realizada pelo DataFolha não apenas aponta o governador paulista José Serra como favorito, mas revela um fenômeno eleitoral ainda que momentâneo.

 

De qualquer forma, há dois indicadores muito expressivos que atiram uma potente ducha de água fria no calor da campanha pelo terceiro mandato de Lula, açulada pelos petistas que, deslumbrados com o poder, esqueceram todo o fervor democrático de outrora quando combatiam a ditadura militar: o prestígio de Serra e o fato de que 65% dos brasileiros são contra o 3° mandato.

 

O fato de a pesquisa registrar aprovação de 50% a Lula talvez não signifique apoio à prática do governo como um todo. Pode ficar mais restrita à figura carismática de Lula como personagem de uma façanha: o operário que chega à Presidência da República.

 

Os números favoráveis a José Serra podem resultar de uma reflexão do eleitor quando compara o governo do PSDB, tendo à frente Fernando Henrique Cardoso, com a prática política e administrativa do PT. Isto sem falar na produção de escândalos como o mensalão, os dólares na cueca, o dossiê fajuto, apagão aéreo e trambicagens alopradas e correlatos, patrocinados pelo petismo.

 

Também não quer dizer que o apoio a Serra decorra da performance de FHC que, como já frisei anteriormente aqui no blog, teve inúmeras falhas. Mas a bem da verdade a estabilidade democrática e o respeito às instituições por parte do governo anterior pesam e servem de parâmetro para uma comparação e uma escolha.

 

A reflexão do eleitor pode estar também sintonizada com a total falta de iniciativa do governo do PT naquilo que se relaciona ao ato de governar e, sobretudo, naquilo que é respeitante à ausência de projetos reais e consistentes na área da infraestrutura. Em quase cinco anos no poder o governo do PT não foi além do tal PAC que, trocado em miúdos, é o mesmo que nada.

 

Examinando-se bem a realidade brasileira sob o governo do PT verifica-se que o país está à deriva em termos de administração pública. Não se trata de implicância e preconceito. O PT já revelou nos primeiros dias da posse uma extrema fragilidade de quadros com conhecimento e capacidade administrativa. Tanto é que o partido teve que buscar até mesmo no terreiro de seus adversários pessoas para o provimento dos cargos ministeriais.

 

A aposta em mudança que levou Lula e seus sequazes ao poder foi mantida pelos eleitores até o final do primeiro mandato. E lhes foi dada uma segunda chance.

 

E, nesse interregno no poder, o PT não produziu nenhuma liderança além de Lula, que até hoje vem carregando nas costas todo o seu partido. Não vançou um centímetro sequer em iniciativas além da bolsa-família que, por ironia do destino, foi também uma invenção do governo FHC.

 

A campanha pelo terceiro mandato e a insinuação de plebiscito e a convocação de uma constituinte para alterar a Constituição podem ter antecipado o fim do ciclo petista.

 

Outro aspecto que pesa nessa tendência dos eleitores é a evidente incúria do governo lulopetista de lidar com a questão da segurança pública. Registra-se, sob o governo petista, um aumento assustador da violência urbana, enquanto no campo se sucedem as invasões da propriedade privada pelo MST, uma entidade ilegal estimulada e financiada pelo governo.

 

A pesquisa que aponta o favoritismo de Serra, ainda que faltem três anos para o pleito, combina-se com aquela que revela a rejeição popular à idéia de um 3º mandato e que também está no jornal Folha de São Paulo deste domingo.

 

O Brasil, apesar de todos os pesares e apesar do PT e dos governos em geral, do absurdo patrimonialismo dominante, tem crescido. Sua população já anda perto dos 200 milhões de habitantes e os problemas multiplicam-se numa velocidade impressionante. Caso cresça mais os apagões ocorrerão em todas as áreas cruciais da economia e da produção que vão do suprimento de energia elétrica ao transporte.

 

Há, por outro lado, uma demanda pela lei e a ordem que vem sendo reprimida pelo governo do PT. As pessoas se sentem cada vez mais desprotegidas e vêem que o Estado, sob o comando de Lula e seus sequazes, as deixou órfãs de segurança, de saúde, de educação e de transporte.

 

Avalizar um eventual 3º mandato é um salto no vazio. Repete-se na esfera federal, ao que tudo indica, o que aconteceu com as administrações municipais do PT.

 

O bom da democracia é a possibilidade da alternância do poder. Vade retro comuno-fascistas.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




REPORTAGEM BOTOCUDA

Chávez um grande líder?

Até o Estadão endoidou.

Em todos os discursos que fez nos últimos dias de campanha para o referendo de hoje, o presidente Hugo Chávez insistiu num ponto: "Essa reforma constitucional transformará a Venezuela numa potência mundial."

 

Para um país com o 37º Produto Interno Bruto do mundo (US$ 182 bilhões, quase seis vezes menor que o do Brasil), pode parecer apenas a delirante promessa de um líder populista.

 

Mas Chávez está falando sério. E há pessoas bem informadas no seu entorno e na oposição que identificam nessa pretensão um lastro econômico e geopolítico, além de ideológico.  

 

A importância da reforma para esse projeto está na reformulação do Artigo 153 da Constituição. O texto atual fala em "promover a integração latino-americana e caribenha", nos termos usuais dos tratados internacionais.

 

A nova formulação elimina a idéia de relações entre nações e estabelece como objetivo transformar o subcontinente numa só nação.

 

"A República promoverá a integração, a confederação e a união da América Latina e do Caribe", diz o novo texto. O objetivo é "a estruturação de novos modelos que permitam a criação de um espaço geopolítico, dentro do qual os povos e governos de nossa América vão construindo um só projeto grão-nacional, a que Simón Bolívar chamou ‘uma nação de Repúblicas’", prossegue o novo texto do Artigo 153.

 

Quando fala de "revolução socialista bolivariana", Chávez não está pensando apenas na Venezuela. Se estivesse, seria apenas uma "revolução socialista".

 

O termo "bolivariano" significa, para ele, levar adiante um plano idealizado por Bolívar há 200 anos, de criar uma poderosa nação americana por sobre as fronteiras artificiais desenhadas pelas potências ibéricas, que deram origem aos Estados latino-americanos modernos.

 

Tese Antiga - Chávez não reinventou isso agora. Essa tese renasceu há 40 anos na Venezuela, e desde então tem influenciado não só a esquerda revolucionária civil como a militar, da qual Chávez é ao mesmo tempo um produto, um importante formulador e um líder.

 

Segundo essa linha de pensamento, a Venezuela é a líder natural dessa grande nação latino-americana, por possuir as maiores reservas de petróleo do mundo, segundo as estimativas da estatal PDVSA, que levam em conta depósitos prováveis e possíveis, óleo extra-pesado e betume, que se tornarão rentáveis à medida que a tecnologia avance e o preço do barril se mantenha nos níveis exorbitantes em que está hoje.

 

Por esse critério, a Venezuela supera a Arábia Saudita, maior produtora mundial, respondendo por um quinto do petróleo do mundo e por 87% da América Latina e Caribe (veja gráficos na página 26).

 

Para Chávez, de 53 anos, que com a reforma pretende permanecer décadas no poder, só há um país que pode se interpor no seu plano de liderar essa grande nação latino-americana: o Brasil.

 

MEU COMENTÁRIO: O texto acima está no site do Estadão e é assinado pelo enviado especial à Venezuela Lourival Sant’Ana. Parece até que esse Lourival pertence às hostes bolivarianas do ditador bufão. Qualifica Chávez de “importante formulador e um líder”. Hitler, Stalin, Mão, Mussolini e outros porras-loucas também foram formuladores e líderes.

 

Tudo indica que Lourival Sant’Ana foi contaminado pela idiotia bolivariana. É de admirar que o Estadão, um jornal que tem um linha liberal e democrática permita que textos desse tipo sejam publicados como verdade.

 

Qualquer pessoa em condições psíquicas próximas da normalidade é capaz de discernir sobre a brutal realidade venezuelana sob o coturno do coronel fanfarrão. Menos Lourival. No final ainda tem a coragem de afirmar que o Brasil é a pedra no sapato das ambições do tirano maluco.

 

Quando à conclusão da matéria há controvérsias. Se o petralhismo triunfar, Chávez será o Presidente do Brasil, por conta dessa cretinice de Nação Bolivariana latino-americana.

 

Vamos lá Lourival escreva aí que esse Chávez é um porra-louca perigoso e que tem de ser afastado do poder. Isto é o mínimo que um democrata pode fazer no sentido de preservar a liberdade e, sobretudo, a alternância do poder.

 

FOGO NOS BOTOCUDOS !!! FOGO NELES !!!



Escrito por Aluizio Amorim às 01h31
[   ] [ envie esta mensagem ]




FORA LULA

Pesquisa DataFolha revela:

65% são contra 3º mandato

Pesquisa Datafolha publicada na edição da Folha deste domingo (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL) informa que 65% dos entrevistados rejeitam um terceiro mandato consecutivo para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Só 31% apoiariam essa possibilidade.

 

Nem mesmo no Nordeste, onde o petista é mais bem avaliado, essa hipótese conta com o apoio da maioria da população.

 

O Datafolha perguntou aos entrevistados se eles concordariam com uma mudança na lei para dar a Lula o direito de concorrer a um terceiro mandato em 2010.

 

A pesquisa - realizada entre os dias 26 e 29 de novembro - ouviu 11.741 pessoas, em 390 municípios de 25 Estados. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

 

Sem citar Lula, 63% não concordam com a possibilidade de mudar a lei para criar o terceiro mandato para nenhum presidente.

 

Leia matéria completa na edição de domingo da Folha, a partir das 2h30min.

 

MEU COMENTÁRIO: Isto é bom para a petralhada comuno-fascista da redação da Folha sossegar. Democracia neles Otávio Frias Filho!



Escrito por Aluizio Amorim às 23h28
[   ] [ envie esta mensagem ]




MISTÉRIO

Corpo de ex-prefeito do PT 

sepultado no interior de SP

O corpo do ex-prefeito de São Bento do Sapucaí Geraldo de Souza Dias foi enterrado neste sábado (1º) no município que fica a 164 km de São Paulo. Ele foi encontrado morto na sexta-feira passada (30) em seu depósito de materiais de construção.

Cerca de duas mil pessoas participaram da missa de corpo presente. Em seguida, o caixão foi levado em cortejo até o cemitério. O clima era de comoção.

Conhecido como Geraldo Maceto, ele era filiado ao Partido dos Trabalhadores e, segundo o diretório municipal do PT, tinha manifestado a intenção de ser candidato a prefeito nas eleições de 2008.

A alguns metros do local onde o corpo foi encontrado, havia uma pasta com talões de cheque e documentos, que estava escondida em um matagal.

 

Três câmeras de vigilância estão instaladas na parte externa do depósito, mas, no dia do crime, elas estavam em manutenção. Nada foi roubado do local. A polícia irá trabalhar com a hipótese de assassinato, mas não há suspeitos do crime.

O prefeito de São Bento do Sapucaí, Osmar Merize, decretou luto oficial de três dias na cidade. (Do site G1).



Escrito por Aluizio Amorim às 22h27
[   ] [ envie esta mensagem ]




QUEM GOSTA DA FEIURA É A TURMA DO PT

Chinesa é a nova Miss Mundo.

Abaixo o feminismo botocudo.

A chinesa Zi Lin Zhang arrebatou a o cetro de Miss Mundo 2007. Miss Angola em segundo e, em terceiro a representante do México.

 

Clique aqui para ver mais um montão de fotos dessa mulherada bonita. Como já frisei aqui no blog, pena que os concursos de miss não têm mais o prestígio de antigamente.

 

Entretanto, considero o concurso mais interessante do mundo e um contraponto importante contra o feminismo idiota que masculiniza a mulher. Abaixo o feminismo, viva a feminilidade e a douçura da mulher.

 

O feminismo é amargo, a feminilidade é doce e cativante. Os cumprimentos do blog à chinesinha vitoriosa e todas as demais concorrentes. Quem sabe a leveza, a beleza e o sorriso de Zi Lin Zhang quebrem a monotonia da estética comuno-botocuda imposta àquele país pelos filhotes de Mao.

 

Produto chinês dessa qualidade é sempre bem vindo...hehehe



Escrito por Aluizio Amorim às 19h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA

 




Escrito por Aluizio Amorim às 01h42
[   ] [ envie esta mensagem ]




PERDENDO AS ESTRIBEIRAS

DEM é o único partido coerente.

E isto deixa Lula muito irritado.

“O que Lula não entende é que, depois que a coerência doutrinária do Partido dos Trabalhadores foi para a lata de lixo, o antigo PFL é o único partido coerente e fiel ao seu programa neste país do mensalão. A raivosa reação de Lula ao partido que vai votar contra o governo é idêntica à de seu amigo Chávez contra os venezuelanos que vão votar “não” à sua constituição fascista.”

 

O parágrafo acima é um excerto do editorial do jornal O Estado de São Paulo deste sábado e que merece ser lido. Clique aqui para ler na íntegra.



Escrito por Aluizio Amorim às 01h40
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]




Click for Florianopolis, Brazil Forecast

Ateus.net – O Portal do Ateísmo

OBRIGADO PELA VISITA. VOLTE SEMPRE!


""""

>E-MAIL DO BLOG

COMENTE! DIGA O QUE VOCÊ PENSA!

 



Meu perfil
BRASIL, Sul, FLORIANOPOLIS, Homem, English, Spanish, Política, Música, livros

HISTÓRICO & ARQUIVOS
  16/04/2008 a 30/04/2008
  01/04/2008 a 15/04/2008
  16/03/2008 a 31/03/2008
  01/03/2008 a 15/03/2008
  16/02/2008 a 29/02/2008
  01/02/2008 a 15/02/2008
  16/01/2008 a 31/01/2008
  01/01/2008 a 15/01/2008
  16/12/2007 a 31/12/2007
  01/12/2007 a 15/12/2007
  16/11/2007 a 30/11/2007
  01/11/2007 a 15/11/2007
  16/10/2007 a 31/10/2007
  01/10/2007 a 15/10/2007
  16/09/2007 a 30/09/2007
  01/09/2007 a 15/09/2007
  16/08/2007 a 31/08/2007
  01/08/2007 a 15/08/2007
  16/07/2007 a 31/07/2007
  01/07/2007 a 15/07/2007
  16/06/2007 a 30/06/2007
  01/06/2007 a 15/06/2007
  16/05/2007 a 31/05/2007
  01/05/2007 a 15/05/2007
  16/04/2007 a 30/04/2007
  01/04/2007 a 15/04/2007
  16/03/2007 a 31/03/2007
  01/03/2007 a 15/03/2007
  16/02/2007 a 28/02/2007
  01/02/2007 a 15/02/2007
  16/01/2007 a 31/01/2007
  01/01/2007 a 15/01/2007
  16/12/2006 a 31/12/2006
  01/12/2006 a 15/12/2006
  16/11/2006 a 30/11/2006
  01/11/2006 a 15/11/2006
  16/10/2006 a 31/10/2006
  01/10/2006 a 15/10/2006
  16/09/2006 a 30/09/2006
  01/09/2006 a 15/09/2006
  16/08/2006 a 31/08/2006
  01/08/2006 a 15/08/2006
  16/07/2006 a 31/07/2006
  01/07/2006 a 15/07/2006
  16/06/2006 a 30/06/2006
  01/06/2006 a 15/06/2006
  16/05/2006 a 31/05/2006
  01/05/2006 a 15/05/2006
  16/04/2006 a 30/04/2006
  01/04/2006 a 15/04/2006
  16/03/2006 a 31/03/2006
  01/03/2006 a 15/03/2006
  16/02/2006 a 28/02/2006
  01/02/2006 a 15/02/2006
  16/01/2006 a 31/01/2006
  01/01/2006 a 15/01/2006
  16/12/2005 a 31/12/2005
  01/12/2005 a 15/12/2005
  16/11/2005 a 30/11/2005
  01/11/2005 a 15/11/2005
  16/10/2005 a 31/10/2005
  01/10/2005 a 15/10/2005
  16/09/2005 a 30/09/2005


TROCA-LINKS
  ABKnet
  A Marvada Pinga
  Aparte (Passarim)
  arkimedes
  Flanela Paulistana
  Blog Cultural Textos & Contextos
  Blog da Magui
  Stefano di Pastena - jóias com arte
  Blog do Reinaldo Azevedo
  Blog do Tambosi
  Bonassoli
  Camarada Arcanjo
  Carl Amorim
  Coturno Noturno
  Código Aberto
  Amigos de Bike
  Crítica (Visite, vale a pena)
  Da Indignação à Ação
  Deutsche Welle Brasil
  Dom Quixote
  Escrevinhações
  Elaine Borges
  Esquadrinhando
  Ex-petista
  Freeman
  Ação Humana
  Geosapiens (Portugal)
  Guanta Lamera!!!
  Gusta
  Jorge Nobre
  Jus sperniandi
  Loja de idéias (Portugal)
  MaGenCo
  Minuto Político
  Nariz Gelado
  Novas (Vera)
  Outras Letras
  Pau da Barraca
  Pérolas
  ph ácido
  Polyphrenia
  Política para Políticos
  "...por isso não provoque"
  Postura Ativa (Stella)
  Projeto Ockham
  República
  Resistência
  Rua da judiaria (EUA/Portugal)
  Serjão comenta do céu
  Shirlei Horta
  SikSite
  Soube?
  Sponholz
  The Beatles Brasil (tudo sobre a banda)
  Tunico
  União e Ação
  Ultraperiférico (de Portugal)
  Clássicos do cinema
  The Coffee Traveler (Para quem é aficcionado em café)
  Edgar Nascimento (músico amigo) - site com informações e crítica musical
  Monitor das fraudes
  Holocausto-shoah.
  Libellus (By Ana Brambilla)
  Blog do Nathal (análise de mercado, bolsas, etc...)
  Praça darmas
  Pensadores brasileiros
  Fodcast do Persegonha
  Malditos patos
Votação
  Dê uma nota para meu blog


Leia este blog no seu celular

Locations of visitors to this page

Diretorio 100% brasileiro



Subscribe with Bloglines

blogaqui?

Você aprova o governo Lula?
Não
Sim
Votar
resultado parcial...

eXTReMe Tracker

www.g1.com.br


My blog is worth $31,049.70.
How much is your blog worth?