O que pensa Aluízio


CREIO QUE RESTA POUCO A FAZER

Lula já pode ser considerado

virtual imperador do Brasil

Acabo de ler no site do Estadão que a oposição no Senado conseguiu aprovar um requerimento convocando Dilma Rousseff. Querem ouvir dela explicações sobre o dossiê elaborado pela Casa Civil contendo informações a respeito do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e Dona Ruth Cardoso.

 

Só não compreendo por que os senadores que fazem parte do rolo compressor petralha ficam tão nervosos.

 

Por tudo que já aconteceu durante esta gestão petralha essa história do dossiê é fichinha. Lula inclusive tem razão quando diz que o povo não está interessado em escândalos e dossiês.

 

É isto mesmo. Lula e seus sequazes podem fazer o que bem entendem que terão o apoio da maioria dos brasileiros. E, de forma especial, dos empresários tipo Lawrence Pih ou mesmo do vice-presidente da República, dono da gigante Coteminas, que defendem uma ditadura lulista.

 

Lula e seus sequazes têm consicência disso. E mesmo que Dilma vá ao Congresso e fique claro e irretorquível que foi ela em conluio com Lula e asseclas que mandou preparar o dossiê para chantagear a oposição, nada acontecerá.

 

Lula e seus sequazes contam com a maioria botocuda. Brasileiros de modo geral são malfeitores, imorais e aproveitadores. Trata-se, sem nenhum dúvida, de uma sub-raça, o homus botocudo.

 

Contudo - sempre há um contudo - a maioria nunca tem razão.



Escrito por Aluizio Amorim às 19h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




O DINOSSAURO DO PETRÓLEO

De repente saem das sombras

para manchetes dos jornalões

Este aí da foto é Haroldo Lima, o Presidente da Agência Nacional do Petróleo – ANP. Trata-se de um velho comunista que já foi deputado pelo PC do B. Foi nomeado ao cargo por Lula.

 

Ele é o responsável pelo anúncio de uma suposta gigantesca jazida de petróleo, maior do que aquela alardeada recentemente pelos petralhas.

 

A ficha desse “zeloso” áulico do lulismo está AQUI.

 

Eles estão em todos os lugares, em todas as agências, em todos os cargos mais importantes da República. E atuam articuladíssimos. De repente saem das sombras para as manchetes do jornais.

 

O Brasil é realmente o país dos petralhas.

Foto: Site G1.



Escrito por Aluizio Amorim às 15h10
[   ] [ envie esta mensagem ]




NA ITÁLIA É FOGO NOS BOTOCUDOS

Eleitores italianos liquidam

porras-loucas esquerdistas

O voto dos italianos causou uma revolução eleitoral, que arrastou consigo dirigentes dos comunistas, dos verdes, da extrema direita e famosos deputados como o transexual Vladimir Luxuria, que ficaram de fora do Parlamento.

 

À espera dos resultados finais, as parciais indicam que personalidades como Fausto Bertinotti, até agora presidente da Câmara dos Deputados, líder do partido Refundação Comunista e da lista Esquerda-Arco-Íris, não obteve os votos necessários para ser eleito deputado.

 

Ele, no entanto, não é o único da coalizão, que ficou de fora da Câmara, ao ser prejudicado pelos resultados. O líder verde Alfonso Pecoraro Scanio, que também concorreu, foi outro que não se elegeu. Oliviero Diliberto, líder do Partido dos Comunistas Italianos, que fazia parte da aliança Esquerda-Arco-Íris, cedeu seu posto de candidato a um operário metalúrgico. Seu nobre gesto de nada serviu, já que esse não foi eleito.

 

Outro que ficou de fora foi Enrico Boselli, líder do Partido Socialista, assim como Franco Grillini, presidente de honra do coletivo gay Arcigay.

 

Além da esquerda e dos verdes, a extrema direita ficou de fora do Parlamento. Não foram eleitos Daniela Santanche, candidata a presidente pelo La Destra, assim como seus companheiros de partido Francesco Storace (líder do grupo) e Teodoro Bontempo.

 

No novo Parlamento originado pelas urnas só foram eleitos, segundo os dados parciais, representantes das duas grandes listas, a conservadora de Silvio Berlusconi e a progressista de Walter Veltroni, embora também tenha tido lugar para a União dos Democratas-Cristãos (UDC). (Da agência EFE no site do Estadão).

 

MEU COMENTÁRIO: Entretanto a idiotia campeia na mídia em todo o mundo e, por isso mesmo, não dá para se fazer uma apreciação mais consistente do resultado das eleições italianas. Mas pelo que se nota os eleitores mandaram ver contra o esquerdismo e a extrema direita, posicionando-se francamente em favor da democracia de vertente liberal.

 

Berlusconi, a quem a mídia qualifica de “conservador”, retorna ao poder com razoável folga pela terceira vez.

 

Clóvis Rossi da Folha, que está lá, conclui sua matéria na Folha desta terça-feira com uma observação importante: “Quem não chegou aos 4% foi a coligação Esquerda Arco-Íris, formada pela Refundação Comunista e pelos "verdes". Com isso desaparece do Parlamento o que ainda havia de comunismo na Itália, único país do Ocidente em que um PC esteve próximo de chegar ao poder pelo voto, nos anos 70.”

 

Cada vez mais a América Latina vai se reduzindo no único continente onde impera a idiotia esquerdista. Os italianos, como os franceses, atiraram a pá de cal sobre todos os tipos de porras-loucas que ainda sobravam no parlamento, incluindo os ecochatos e os comunistas (caramba! Esses dinossauros ainda existem na Europa!).

 

E, por ironia do destino, Cuba ainda poderá se transformar antes que o resto da América Latina num país de democracia liberal.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 02h59
[   ] [ envie esta mensagem ]




O CAVALO ESTÁ PASSANDO ENCILHADO

DEM terá que partir para

confronto com tucanalha

As cúpulas do PSDB e do DEM iniciaram reunião na capital paulista com o objetivo de unificar o discurso e caminhar na direção de uma atuação mais forte no Congresso Nacional, para fazer frente à maioria governista na Casa. Apesar do discurso de unificação, líderes das duas legendas admitiram as dificuldades para o lançamento de uma chapa única nas eleições municipais de São Paulo. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: a tucanalha ficou empoleirada no governo de Gilberto kassab e agora decidiu cuspir no prato onde comeu, depois que reapareceu na cena política Geraldo Alckmin, vulgo Chuchu.

 

Sei que a política real repousa mais na esfera da irracionalidade. Mas se o DEM quer mesmo se transformar numa alternativa aos irmãos siameses PSDB e PT, e capitalizar um apreciável contingente de eleitores que deploram o lulismo e alimentam a esperança por uma alternativa verdadeiramente democrática de vertente liberal, teria de romper essa aliança espúria.

 

Isto quer dizer que o DEM deveria partir não só para o lançamento de sua candidatura própria, com Gilberto Kassab que é o candido natural em São Paulo, como também bater de frente contra o PSDB. Sem essa de acordo de cavalheiros com os tucanos. O DEM em São Paulo detém o poder e, depois da traição tucana, nada deve a seus antigos aliados.

 

O cavalo está passando encilhado e pronto para o DEM cavalgá-lo, se é que o partido realmente quer ter luz própria. O que não pode é ficar ocupando uma posição de coadjuvante da tucanalha.

 

Ao contrário. Tem que se valer do ótimo trabalho do prefeito Gilberto Kassab e advertir os paulistanos que votar no PSDB significa entregar a cidade mais importante do Brasil à sanha de Lula e seus sequazes. Isto significa entregar São Paulo aos desordeiros, ao PCC, aos traficantes, e a toda a imundice imaginável.

 

A campanha do DEM em São Paulo deverá propor aos paulistanos uma escolha: a lei, a ordem e a segurança representadas pela manutenção de Kassab na prefeitura, ou a esculhambação petralha a ser viabilizada pela entrada em cena de Chuchu e seus acólitos.

 

A reeleição de Kassab representa, antes de tudo, um importante antídoto contra a construção de um partido único que ameaça surgir com a rendição final dos tucanos ao império petralha que começa com a aliança do playboy botocudo Aécio Neves com o petismo.

 

A rigor o PSDB já perdeu todas as credenciais de oposição pela covardia oportunística de suas maiores lideranças, como o próprio governador José Serra.

 

Repito. Se o DEM deseja consolidar-se como partido político alternativo ao lulo-tucanismo tem que partir para o confronto. Há um enorme contingente de eleitores na expectativa de que o DEM segure sozinho a bandeira da oposição.



Escrito por Aluizio Amorim às 20h50
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 14h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




RIO DO SUL: 77 ANOS.

Rio do Sul sob a administração Democrata: forte crescimento.

O Prefeito Milton Hobus debate as soluções com a comunidade

Milton Hobus fez obras que nenhum político gosta de fazer, como

esta gigantesca galeria pluvial para livrar o centro das enchentes

Revitalização do centro: verdadeiro open-shopping para o lazer

 

Prefeito Democrata é destaque

em cidade do Alto Vale do Itajaí

O Democratas faz em Rio do Sul, nesta segunda-feira (14), a reunião da executiva estadual. O objetivo dessa descentralização do encontro semanal, segundo o presidente da sigla, senador Raimundo Colombo, é homenagear o aniversário do município e prestigiar a programação de eventos comemorativos, organizada pelo prefeito Milton Hobus, com o lançamento e a inauguração de uma série de serviços e obras.

 

A reunião será às 9 horas, na sede do Democratas rio-sulense, no calçadão central, próximo à Prefeitura.

 

A cidade de Rio do Sul está entre as que mais se tem desenvolvido em Santa Catarina. Principalmente depois que se livrou da praga do PT.

 

Hoje o município é administrado pelo prefeito Milton Hobus, do Democratas, que mudou radicalmente o aspecto urbano dessa cidade de cerca de 70 mil habitantes cuja economia se divide entre a agricultura e a indústria de transformação e, mais recentemente, também tem visto crescer a área de tecnologia.

 

Além disso, Rio do Sul é pólo micro-regional e possui uma universidade, a Unidavi, que oferece diversos cursos de graduação e pós-graduação.

 

A cidade foi colonizada por alemães e italianos e se destaca pelo seu excelente aspecto urbano, caracterizado por ruas e praças muito limpas, enquanto algumas construções tipicamente germânicas e italianas conferem à cidade um aspecto peculiar.

 

Tais fatos também contribuem para fazer de Rio do Sul uma cidade com baxíssimo índice de botocudos, haja vista que os valores da ética do trabalho, trazidos principalmente pelos colonos alemães de credo luterano (portestantes), têm até hoje contribuído para a prosperidade e a harmonia locais.

 

Sob a administração do atual prefeito Milton Hobus, do Democratas, Rio do Sul tem experimentado um salto de desenvolvimento econômico muito acentuado.

 

Pode-se dizer que é o segundo ciclo desenvolvimentista dessa cidade, já que o primeiro, que a fez nascer, foi determinado pela extração e o beneficiamento da madeira. Posteriormente, a região experimentou a decadência dessa atividade e, nos anos de 1983 e 84, foi castigada por duas grandes cheias que deixaram um rastro de destruição incalculável.

 

Hoje Rio do Sul e toda a região continuam com apreciável produção agrícola e agroindustrial, mas também diversificaram as atividades econômicas impulsionando a indústria de transformação, com destaque para os setores metal-mecânico, alimentício (carnes), de confeções (atualmente é um pólo de produção de jeans), de amidos industriais a partir da fécula, e também para o setor de tecnologia e serviços.

 

Uma política industrial comandada pelo prefeito Milton Hobus está atraindo muitas empresas para essa cidade. Uma usina de energia elétrica está sendo construída na Serra da Subida, aproveitando o potencial do Rio Itajaí Açu, para aumentar a oferta de energia elétrica não só em razão da agitação econômica rio-sulense, mas também para toda essa progressista região do Alto Vale do Itajaí.

 

Para se ter uma idéia do inusitado desenvolvimento de Rio do Sul, hoje as empresas já são obrigadas a recrutar mão-de-obra em outras regiões do Estado e do país, segundo me informou o prefeito recentemente.

 

Rio do Sul comemora nesta terça-feira, dia 15, 77 anos de emancipação política. Uma grande programação organizada pela prefeitura, juntamente com a comunidade, será aberta nesta segunda-feira. O feriado municipal de amanhã foi adiantado para esta segunda-feira.

 

Está aí uma administração altamente eficiente comandada pelo Prefeito Milton Hobus, do Democratas e que serve para calar a boca dos petralhas populistas e mentirosos.

 

Sem alarde, sem falsas promessas, com simplicidade, mas com muito trabalho, Hobus, um empresário de pouco mais de 40 anos de idade, mostra para Santa Catarina e para o Brasil que é possível fazer as coisas certas sem populismo e obter grandes resultados de alcance social, com a geração de empregos e, sobretudo, animação econômica.

 

Está aí, portanto, o prefeito Milton Hobus como um nome forte e que reúne as qualidades de administrador eficiente para governar Santa Catarina.

 

Aproveito a oportunidade para cumprimentar o Prefeito e todos os meus conterrâneos de Rio do Sul, a cidade onde nasci. Mas lanço também um alerta aos rio-sulenses: não caiam na conversa fiada dos petralhas botocudos. O prefeito Milton Hobus deve ser reeleito para, mais adiante, governar Santa Catarina. Eis aí a grande oportunidade – merecida – que se abre ao valoroso povo trabalhador do Alto Vale do Itajaí.

Fotos: site da Prefeitura de Rio do Sul (SC).



Escrito por Aluizio Amorim às 02h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




UMA ÓTIMA NOTÍCIA

Fogo nos botocudos. Colômbia

elimina mais cinco terroristas.

O Exército colombiano anunciou neste domingo a morte de cinco terroristas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e a captura de outro, durante combates travados no departamento de Meta (centro).

 

De acordo com o general Guillermo Quiñones, comandante da quarta divisão do Exército colombiano, o confronto aconteceu na zona rural do município de Vista Hermosa.

 

"O balanço dos combates foi de cinco subversivos mortos, um capturado ferido e dez fuzis apreendidos", informou o general Quiñones.

 

MEU COMENTÁRIO: mas a turma da redação do site G1, da rede Globo, de onde peguei esta informação, continua qualificando de “guerrilheiros” esse bando de terroristas das FARC.

 

A eliminação de mais cinco desses odiosos terroristas talvez seja a melhor notícia deste final de semana.

 

Mas sabe como é...Dentre todas as categorias profissionais, a dos jornalistas é a que contém o maior número de profissionais idiotizados pela ideologia.

 

Mas aqui neste blog a notícia é publicada da forma como deve ser, isto é, em cima de fatos concretos. As FARC são constituídas de assassinos terroristas.

 

Entretanto, com a ajuda dos Estados Unidos a Colômbia haverá de se livrar deles e deverá se tornar um dos países mais importantes da América Latina, depois que concluir essa saudável assepsia social que é a eliminação desses desses ratos de esgoto.



Escrito por Aluizio Amorim às 20h19
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 16h56
[   ] [ envie esta mensagem ]




E O CONTRIBUINTE PAGANDO ESSA CANALHA

Agentes da Receita Federal

aliviam o lado dos petralhas

Apesar de o Supremo Tribunal Federal (STF) ter aberto, por unanimidade, processo penal contra os dirigentes do Banco Rural e do BMG, sob acusação de terem feito empréstimos "fictícios" ao PT da ordem de R$ 50 milhões, a Receita Federal investigou o partido entre setembro de 2005 e outubro de 2007, depois do escândalo do mensalão, e viu apenas "falhas na escrituração contábil" petista.

 

A Receita multou o partido em apenas R$ 2 milhões, aceitando o argumento do PT de que o dinheiro tomado com os bancos mineiros e avalizado, em parte, pelo empresário Marcos Valério só teve a "finalidade de incrementar o capital de giro" do partido. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: experimente não pagar o imposto de renda, para ver o que acontece com você, prezado leitor. A sensação que se tem é que a turma do PT pode fazer o quiser.

 

Não há mais lei no Brasil. O PT conseguiu acabar com tudo, inclusive com a vergonha na cara. Num país decente e sujeito ao que preconiza a Constituição a ação nefasta e criminosa desses amanuenses da Receita Federal seria motivo suficiente para colocá-los no olho da rua, sem prejuízo de sofrerem processo penal.

 

Eu até compreendo as pressões e ameaças da canalha petista contra os funcionários da Receita.

 

Só não admito é a covardia deles.



Escrito por Aluizio Amorim às 11h28
[   ] [ envie esta mensagem ]




EXEMPLO DE EMPRESÁRIO DESPRENDIDO

Na falta da foto de Lawrence, utilizei a do modelo de sua Ferrari

Pih, o coreano petralha, em

campanha pelo 3° mandato.

Depois de muito navegar pelas edições dos dois maiores jornais brasileiros, o Estadão e a Folha de São Paulo, deste domingo, acabei encontrando uma matéria importantíssima. Trata-se da entrevista do empresário coreano Lawrence Pih (será que é naturalizado brasileiro?), na Folha de São Paulo, na qual defende ardentemente o terceiro mandato para Lula (assinante lê mais clicando aqui).

 

Como não encontrei a foto de Pih, estou publicando a foto de uma Ferrari que, segundo consta, é o modelo igual àquele que esse desprendido homem de negócios possui. Esta Ferrari é um dos tipos mais caros, chegando perto de qualquer coisa ao redor de R$ 2 milhões de reais.

 

Aproveitem a ver aqui e agora esse fabuloso carrão antes que Pih dele se desfaça, vendendo-o para financiar sua contribuição ao programa bolsa-família, já que é um dos defensores dessa benemerência do lulismo. Como Lula, Lawrence Pih também está sempre muito preocupado com a sorte dos pobres.

 

Esse Lawrence Pih é um sujeito, como diria? formidável!  



Escrito por Aluizio Amorim às 04h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




MISTÉRIO NEM TÃO MISTERIOSO ASSIM

Saiba o que pensa o delegado

que está investigando o dossiê

No entendimento do delegado que cuida da investigação, Sérgio Menezes, do dossiê do Planalto, a ministra Dilma Rousseff não poderia ser punida. A assessores de sua equipe na PF, Menezes deu um exemplo para explicar sua linha de raciocínio e de investigação.

 

Disse que se um ministro encaminha um ofício a um funcionário e este servidor deixa o papel em cima da mesa, com a porta do gabinete aberta, e o teor do documento é vazado para a imprensa, quem pode ser punido é o servidor que deixou a porta aberta, e não o ministro. (Leia mais se achar que é necessário).

 

MEU COMENTÁRIO: o texto acima é uma excerto da matéria que está no site do Estadão. Você que leu entendeu? Eu entendi tudo.



Escrito por Aluizio Amorim às 19h15
[   ] [ envie esta mensagem ]




O TERCEIRO MANDATO BOTOCUDO

Sindicalistas botocudos festejando imposto sindical com scotch

Petismo vê o fim da história

com a sua chegada ao poder

A matéria de capa da revista Veja que foi às bancas neste sábado e que só chega em Florianópolis no domingo, aborda a tentativa dos acólitos do petismo de empurrar goela abaixo dos brasileiros (os esclarecidos democratas e conscientes, pelo menos) o terceiro mandato para Lula.

 

O que move os petralhas procede da idiotia do marxismo que aponta para o “fim da história”, já que aplicar esse delírio teórico à prática significa que com Lula o povo é o poder. É? 

 

Lembro que venho comentando sobre isso desde o encontro dos Democratas aqui em Florianópolis, com suas lideranças nacionais, quando o ex-Senador Jorge Bornhausen, que abriu os trabalhos, disparou o alerta sobre a articulação do petismo para eternizar Lula no poder e com ele a nomenklatura que compõe a República Popular do Brasil, oriunda dos porões imundos do sindicalismo pelego.

 

Senão me engano, um dia depois o vice-presidente José Alencar deu aquela entrevista defendendo o terceiro mandato para o Apedeuta.

 

Seguiu-se, então, novamente, uma franca campanha do petralhismo voltada à defesa do terceiro mandato.

 

Ainda bem que o ex-senador Jorge Bornhausen estará na reunião das direções partidárias do DEM e do PSDB em São Paulo nesta segunda-feira, quando será feita uma análise da conjuntura da política nacional.

 

Ou os tucanos saem de cima do muro ou então mergulharão no lodaçal do petismo. Acredito mais na segunda opção.

 

A reportagem de Veja chega então em boa hora. Leia o seu início como segue ou então clique AQUI para ler o texto completo:

 

É uma idéia estapafúrdia que, volta e meia, reaparece no noticiário político, oriunda do baú dos ideólogos da esquerda marxista e dos parlamentares fisiologistas de qualquer espectro – a de mudar a Constituição brasileira e permitir que o presidente Lula possa concorrer a um terceiro mandato em 2010.

 

Na visão obtusa e esquemática dos ideólogos, a justificativa é que a chegada de um ex-operário ao Planalto representaria o "fim da história", com o povo instalado no poder, e, então, para que fazer eleições? É Lula lá até quando a biologia permitir...

 

Nessa visão, a saída de Lula significaria, assim, um retrocesso na marcha para o socialismo, sendo o terceiro mandato apenas uma etapa para, se tudo der certo, a manutenção vitalícia do companheiro na Presidência da República Popular do Brasil.

 

Na visão igualmente obtusa, mas pragmática, dos fisiologistas, dar ao presidente a possibilidade de ter mais um mandato consecutivo seria a forma de esticar a boquinha que eles e seus apadrinhados têm no atual governo. Boquinha, não, bocarra. Há, pelo menos, 10 000 petistas em cargos de confiança na administração federal.

 

Boa parte deles são pelegos da república sindical – aquela gente que organizou dias atrás um convescote no Salão Negro do Congresso para comemorar o presentão que Lula lhe deu, ao vetar a fiscalização da dinheirama que os brasileiros que pagam impostos entregam aos cofres das centrais sindicais.

 

"Os dirigentes sindicais, na gestão petista, passaram a ocupar muitos postos-chave do governo", afirma o sociólogo Leôncio Martins Rodrigues. "Uma vez instalados lá, não pensam mais em voltar para o trabalho na fábrica." Esse é o caldo principal no qual é cozida a idéia de um terceiro mandato.

Foto: revista Veja.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




MINHA ANÁLISE

Lulismo desperdiçou momento

positivo. Agora pode complicar.

O bloco formado pelos principais países emergentes do planeta não deverá escapar do impacto negativo da crise financeira internacional.

 

A análise foi divulgada nesta sexta-feira pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), que reúne países da Europa e os Estados Unidos. Segundo a organização, os países do Bric -- Brasil, Rússia, Índia e China -- também sentirão o peso da instabilidade nos mercados.

 

Estas linhas iniciais, que colhi do site da revista Veja, resumem o que está dito no noticiário econômico internacional deste final de semana.

 

Já dá para antecipar o que Lula e seus sequazes dirão quando aparecerem críticas e cobranças em relação ao governo. Não se trata de torcer pelo pior, coisa que equivale, por outro lado, a uma prática completamente idiota. Quanto pior, pior para todos nós.

 

O Apedeuta será o primeiro a atacar, culpando uma tal de “elite”, que na verdade é a “classe média”. Praguejará contra a revista Veja e contra os poucos jornalistas que resistem a um processo de ampla cooptação sob os auspícios do Estado.

 

Até agora a economia internacional flanava bombando em todos os cantos do planeta. A maioria dos países – fora da América Latina, hoje dominada por governos populistas – soube aproveitar a bonança.

 

Entretanto, o Brasil patina há mais de cinco anos aprisionado pelo petismo. Ao invés do governo se valer das circunstâncias positivas para turbinar a economia brasileira com investimentos necessários, concentrou suas energias para aparelhar todas as instâncias do Estado.

 

Fez marketing político-eleitoral o tempo todo e mergulhou de cabeça numa orgia de gastos que teve como ponto alto o uso dos cartões corporativos, segredo guardado a sete chaves pelo lulismo.

 

No lugar de governar, a turma do PT preocupou-se em dividir o butim. Deu uma parte para os tubarões patrimonialistas da indústria e, outro tanto, para os banqueiros. Para sustentar a política paternalista nos grotões drenou os recursos da classe média.

 

Agora, com o provável aperto financeiro em razão da recessão americana, o qüinqüênio perdido ficará escancarado. É normal que venham cobranças de todos os lados.

 

Embora abomine este governo ridículo e incompetente, torço ardentemente para que o Brasil consiga se segurar nos “fundamentos sólidos” da sua economia, conforme costuma jactar-se o Apedeuta e seus acólitos.

 

Tomara que isto seja verdadeiro. Do contrário o clima vai esquentar muito, mormente num ano eleitoral.

 

E já se sabe como a bandalha petista reage quando fica acuada com medo de perder as suas mamatas. O horizonte cinge-se, portanto, do imponderável.

 

Todas as desgraça que poderão advir de uma recessão deverão, liminarmente, ser debitadas à conta do governo passado pelos trombeteiros petralhas. Por certo arranjarão um jeito de culpar FHC.

 

Confesso que pouco estou me lixando para o FHC e seus tucanos de vôo raso. Isto, contudo, não me autoriza a fazer coro com a idiotice petralha que é viver do passado.

 

Ora, o passado é algo inexistente no presente! Que dirá com relação ao futuro que se vive a cada segundo à frente.

 

Às vezes as coisas se ajeitam na marra, sob o açoite de uma grave crise que, comumente, é econômica, mas que resvala sem dó para a esfera da política.

 

EM TEMPO: depois que escrevi este artigo saiu a Folha deste sábado e a manchete é a seguinte: Lula dá aval a aumento de juros. Quem pagará a conta? Os comentários estão abertos democraticamente aos leitores. Mas por favor, dentro dos limites da civilidade.



Escrito por Aluizio Amorim às 01h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




EM BUSCA DA VERDADE

Quando a grande mídia corre o

risco de perder a credibilidade

A apuração do vazamento do dossiê com dados sigilosos sobre gastos do governo Fernando Henrique Cardoso deflagrou uma guerra entre grupos na Casa Civil.

 

Paralelamente à investigação da Polícia Federal, o Palácio do Planalto refaz o caminho das reuniões de fevereiro, das ordens e das pessoas que participaram da coleta de dados para o dossiê.

 

O governo trabalha para saber se alguém de dentro do Planalto passou documentos para parlamentares da oposição e quer "oferecer uma cabeça", se for preciso, para proteger a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff.

 

A guerra está centrada em grupos que, no bastidor, são chamados de "turma do Dirceu" e "turma da Dilma". Referem-se a funcionários do ex-ministro José Dirceu (2003-2005), substituído na Casa Civil por Dilma, a preferida do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para sua própria sucessão, em 2010. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: cada vez mais a grande mídia vai perdendo credibilidade. Leiam esta matéria que está no site do Estadão. Trata-se de uma reportagem muito estranha, para não dizer rocambolesca.

 

Há muito tempo que venho lendo os jornais e portais da grande mídia com um pé atrás. Pode ser o excessivo cuidado com a “imparcialidade e a isenção”, mas também pode não ser. Esta é a minha impressão.

 

Gostaria de ouvir a opinião dos prezados leitores do blog. Afinal, o blog tem esta vantagem em favor dos leitores e, mais ainda, a vantagem de promover o saudável exercício democrático que resulta da vontade de chegar à verdade dos fatos.

 

O que se nota é que a “imparcialidade e a isenção” funcionam muitas vezes como uma cortina de fumaça a turbar os fatos. O objetivo do jornalismo e a sua finalidade repousam na veiculação da informação. Esta por sua vez tem de se basear nos fatos.

 

Como sempre os comentários estão democraticamente abertos.



Escrito por Aluizio Amorim às 04h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




É FOGO NOS BOTOCUDOS!

Bush acerta mais uma vez

e mantém tropas no Iraque

O presidente George W. Bush anunciou na quinta-feira a suspensão da retirada de soldados norte-americanos do Iraque, que aconteceria em julho, a fim de permitir que as Forças Armadas reavaliem a situação daquele país. (Para ler mais clique aqui, porém esta matéria que está no site UOL, além de mal escrita está confusa e não dá a dimensão exata da medida tomada por Busch).

Seja como for, é uma decisão acertada do presidente George W. Bush e cada vez acredito mais na vitória do candidato republicano. Não creio que o povo americano embarque em canoa furada.

 

A ordem continua sendo: FOGO NOS BOTOCUDOS!!!



Escrito por Aluizio Amorim às 03h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




SPONHOLZ, EXCEPCIONAL!




Escrito por Aluizio Amorim às 03h20
[   ] [ envie esta mensagem ]




NUNCA ANTES NESTE PAÍS

Lucro de empresas e bancos

é recorde no governo Lula

O lucro somado das 257 empresas brasileiras de capital aberto (com negociação de ações em Bolsa de Valores) em 2007 teve o melhor desempenho desde o início do primeiro mandato de Luiz Inácio Lula da Silva. O bom resultado fez com que o ganho dessas companhias dobrasse sobre o registrado no início da gestão do atual presidente brasileiro.

 

Segundo a consultoria Economática, em 2007, ano de vários recordes no mercado acionário brasileiro, o lucro somado das companhias abertas atingiu R$ 123,7 bilhões --crescimento de 20,16% sobre 2006 (R$ 102,9 bilhões).

 

Ao longo do período em que Lula está no Palácio do Planalto, a alta sobre o lucro total de 2003, que foi de R$ 61,643 bilhões, já atinge 100,76%.

 

Mais uma vez os bancos se sobressaíram na divisão por setores, assim como já ocorreu nos últimos anos. O lucro das instituições financeiras foi o maior em 2007, com R$ 28,741 bilhões. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: juros nas alturas, inflação reprimida e reajustes salariais arrochados transformam o Brasil num paraíso para banqueiros e mega empresários.

 

O comércio de bens duráveis funciona na base do crédito com juros altíssimos e os grandes varejos já operam com suas próprias financeiras.

 

O comércio vive apenas cerca de uma semana por mês com razoável movimento. Isto coincide com o período de pagamento de salários.

 

Agora se fala no reaparecimento da inflação. Lula aproveitou a deixa para turbinar o seu discurso populista, afirmando que a inflação por conta da alta dos alimentos decorre do fato de que os pobres estão consumindo mais.

 

A bordo do aerolula e como todas as mordomias com direito a cartão corporativo Lula está passeando na Holanda.

 

Lula está satisfeito, sempre sorrindo, com sorriem os banqueiros e mega empresários.

 

Nunca antes neste país.



Escrito por Aluizio Amorim às 13h15
[   ] [ envie esta mensagem ]




DIREITOS HUMANOS PARA OS BANDIDOS

Governo e ONGs vão à ONU

para detonar ação da polícia

O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas (ONU) debaterá nesta sexta-feira a situação dos direitos humanos no Brasil com representantes de organizações não-governamentais e do governo brasileiro.

Trata-se da Revisão Universal Periódica (UPR, na sigla em inglês), um mecanismo criado pela ONU para avaliar os avanços e deficiências na implementação dos direitos humanos, ao qual serão submetidos todos os países membros da instituição.

A reunião tem como base um documento com observações realizadas por 22 ONGs que atuam em território brasileiro, além de um relatório elaborado pelo governo sobre as evoluções recentes e os problemas que persistem em todas as áreas de direitos humanos.

Um dos problemas mais recentes apontados tanto pelo governo brasileiro como por algumas ONGs - Anistia Internacional, Human Rights Watch, Conectas - é o abuso de poder, tortura e violência praticados pela polícia e agentes penitenciários.

O texto governamental menciona a operação policial contra o tráfico de drogas no Complexo do Alemão, um conjunto de favelas no Rio de Janeiro, que resultou na morte de 19 civis em junho de 2007, algumas caracterizadas como execução. (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: mais uma vez o governo de Lula e seus sequazes apoiado por as famigeradas ONGs cai de pau na polícia. Não há uma miserável voz que condene os botocudos assassinos.

 

Hoje no Brasil, sob o governo do PT, os cidadãos de bem, trabalhadores e honestos não têm ninguém e nenhuma organização que os apoie.

 

Em contrapartida, os bandoleiros têm ao seu lado centenas de ONGs, que são organizações não-governamentais mas que vivem exclusivamente do dinheiro público.

 

Resumindo: a sociedade paga impostos para financiar a proteção dos botocudos criminosos.

 

Contribuem para isso os jornalistas. Sim. Os jornalistas brasileiros constituem o maior exemplo da idiotia latino-americana. Em qualquer ação policial contra os criminosos lá estão fotógrafos, cinegrafistas e repórteres procurando uma cena que comprometa a polícia. E falo sobre isso de cadeira. Tenho pelo menos 38 anos de atividade jornalística e conheço muito bem esta malta estúpida que domina as redações.

 

A polícia brasileira é uma instituição injustamente perseguida, patrulhada e achincalhada nos jornais todos os dias.

 

É bom que se preste a atenção: depois que o PT assumiu o governo aumentou de forma violenta a perseguição à polícia. Não conheço estatísticas. Mas com toda a certeza o nível da criminalidade subiu muito nos últimos cinco anos de administração petralha.

 

E agora, no âmbito da ONU, essa instituição completamente idiotizada e dominada pelo politicamente correto, lá estarão de mãos dadas os petralhas do governo com as malditas ONGs, condenando a ação policial contra o crime.

 

Os cidadãos decentes, trabalhadores e honestos que se danem. Vive-se um estado de anarquia onde a lei e a ordem é que são objeto de condenação.



Escrito por Aluizio Amorim às 04h21
[   ] [ envie esta mensagem ]




A MÚSICA DO BLOG

Gary Burton e Makoto Ozone

numa excelente performance

É tanto escândalo, tantas iniqüidades e tanta estupidez neste país botocudo que a gente às vezes chega a pensar que já não existe mais a beleza da arte. Nos últimos meses tenho até deixado de postar a sessão A Música do blog.

 

Eis que ela retorna nesta quinta-feira e vou caprichar para não me esquecer mais de postar sempre o que há de melhor em música, com destaque, evidentemente para o jazz e a bossa nova.

 

Neste vídeo dois virtuoses: o veterano vibrafonista Gary Burton, um gênio desse suave instrumento musical e o extraordinário pianista japonês (mas que estudou nos EUA, é claro) Makoto Ozone. A música é Afro blue, que executam numa apresentação no famoso Festival de Jazz de Montreux, edição de 2002.

 

Não deixem de ver e ouvir este fabuloso show.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h14
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 21h49
[   ] [ envie esta mensagem ]




ARMAÇÃO PETRALHA EM DEFESA DA INIQÜIDADE

Tumulto: os agitadores do Reitor enfrentam os estudantes

Bate-paus do reitor entram em

ação. Esquerdistas caladinhos.

Estudantes da UNB, ao que parecem fora dessas coisas tipo UNE, CUT, MST e PT, continuam exigindo a saída do reitor pelas razões que já são sobejamente conhecidas.

 

A UNE e todos esses movimentos ditos sociais que costumam agir em apoio a movimentos de estudantes, estão calados. Incrível, não?

 

Mais incrível é que um bando de bate-paus do reitor entrou em cena contra os estudantes, como mostra esta foto do site do Estadão. O que era um ato pacífico foi tumultuado pelos agitadores profissionais sob o comando do reitor.

 

Até agora não apareceu nenhum “intelectual” para somar-se ao movimento dos estudantes. Eles não foram lá fazer os seus discursos esquerdistas e nem dar entrevistas politicamente corretas para a grande mídia.

 

Mas a boa notícia é que o Ministério Público finalmente se mexeu, segundo matéria que está no site do Estadão:

 

O Ministério Público Federal (MPF-DF) e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) entraram com ação de improbidade administrativa nesta terça-feira, 8, contra o reitor.

 

Mulholland e o decano de administração da UnB, Erico Paulo Weidle, são acusados de usar recursos destinados ao financiamento de projetos de pesquisa e desenvolvimento institucional da UnB para decorar o apartamento usado pelo reitor. De acordo com a ação, cerca de R$ 470 mil foram gastos para mobiliar e decorar o imóvel.

 

Outros R$ 72 mil foram usados para comprar um automóvel de uso exclusivo do reitor. Todos os gastos foram custeados pela Finatec, fundação de apoio ligada à Fundação Universidade de Brasília (FUB).

 

A ação pede a condenação do reitor e do decano de administração ao ressarcimento integral do dano causado, à perda da função pública, à suspensão dos direitos políticos por até cinco anos, ao pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração recebida pelos agentes e à proibição de contratar com o poder público por três anos, além do pagamento de indenização por danos morais. O Ministério Público também aguarda informação da UnB para verificação da destinação atual desses bens. (Leia mais).



Escrito por Aluizio Amorim às 17h27
[   ] [ envie esta mensagem ]




DÁ-LHE PAULINHO!

Paulo Bornhausen do DEM: democratizando a comunicação

Bornhausen quer a turma da

TV Lula dando explicações

O deputado Paulo Bornhausen apresentou ontem (terça, 8/4) requerimento na Comissão de Ciência e Tecnologia, convidando a presidente da TV Brasil, a jornalista Tereza Cruvinel, e o jornalista Luiz Lobo.

 

O objetivo é investigar as queixas de Luiz Lobo, que se afastou do cargo de editor-chefe do primeiro e único programa que a TV Brasil produziu desde sua estréia – em dezembro de 2007 – alegando interferência de Lula na TV Brasil e prática de censura. Ele teria recusado a interferir no noticiário em favor do Palácio do Planalto.

 

O deputado Paulo Bornhausen reagiu à notícia do afastamento de Lobo com a constatação: “Eu já esperava que Lula fosse interferir na TV Brasil, isso não é nenhuma novidade. A novidade é a TV Brasil se transformar em TV Lula tão cedo!”

Além de Lobo e de Tereza Cruvinel, o requerimento do deputado também pede a presença da diretora de jornalismo, Helena Chagas, do assessor de imprensa da Presidência da República, Nelson Breve, e de Jaqueline Paiva, editora-chefe da emissora oficial.



Escrito por Aluizio Amorim às 17h23
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 17h14
[   ] [ envie esta mensagem ]




RETRATO DO BRASIL

Homem exibe com satisfação o troféu: a cueca de Abadía 

Botocudos desafiam polícia na espreita para invadir bazar

Botocudos endoidam e tentam

avançar sobre bazar de Abadía

A Polícia Federal não sabe se continua com o bazar com os bens do megatraficamente colombiano Juan Carlos Ramírez Abadía que abriu nesta terça-feira no Jockey Clube de São Paulo. É que o local foi invadido por uma multidão. Calcula-se em 5 mil o número de botocudos enlouquecidos e excitadíssimos tentando adquirir os badilaques – tudo importado – apreendidos em poder do bandoleiro.

 

Nem as cuecas de Abadía escaparam e seriam vendidas a R$ 1,00. Tudo estava no bazar e a polícia teve que usar até mesmo o gás pimenta para dispersar o tumulto armado pelos botocudos à porta do Jockey.

 

Não deixa de ser hilariante. Esta cena botocuda é a imagem perfeita do Brasil e desse povo alegre e fagueiro. Reparem a multidão de botocudos, todos querendo entrar no bazar, todos curiosos e atrás de um troféu. Um deles contentou-se com uma cueca...hehehe...esses botocudos...

(Leia mais e saiba o que há para comprar no bazar de Abadía). (Fotos do site do Estadão)

 

Nos comentários democraticamente abertos, os leitores podem se manifestar revelando qual o bazar que gostariam de ver de perto...



Escrito por Aluizio Amorim às 23h18
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 14h07
[   ] [ envie esta mensagem ]




E TOME IMPOSTO PARA FINANCIAR O LULISMO

TV chapa branca configura

outro escândalo petralha

Se havia ainda alguma dúvida com relação ao risco de instrumentalização política da TV Pública, ela foi desfeita por dois fatos recentes. O primeiro fato foi a demissão do jornalista Luiz Lobo, editor-chefe do primeiro e único programa que a TV Brasil produziu desde sua estréia, em dezembro de 2007. Ele foi afastado do cargo na sexta-feira por se recusar a interferir no noticiário, em favor do Palácio do Planalto.

 

O segundo fato é o relato que o jornalista Eugênio Bucci faz no livro A guerra entre a chapa-branca e o direito à informação, que chega esta semana às livrarias, sobre as dificuldades que teve para manter um padrão de isenção na Radiobrás, nos quatro anos em que dirigiu a empresa, no primeiro mandato do presidente Lula. (Leia tudo clicando AQUI).

 

MEU COMENTÁRIO: o texto acima é um excerto do editorial de O Estado de São Paulo na sua edição desta terça-feira. O título: A TV chapa branca. E analisa o recente episódio que já reportamos aqui no blog mais abaixo da demissão do jornalista Luiz Lobo que se recusou em monitorar a programação de acordo com os interesses políticos do lulismo.

 

E nós pagando impostos para financiar as mordomias palacianas e o golpe do terceiro mandato.

 

É a tal da “democratização da comunicação” da qual tanto falam os petralhas.



Escrito por Aluizio Amorim às 05h19
[   ] [ envie esta mensagem ]




ATO CRIMINOSO

Dossiê existe e foi elaborado

dentro do Palácio do Planalto

O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) disse hoje que o governo federal não vai achar na oposição um bode expiatório para o caso do dossiê sobre gastos da administração do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

 

Afirmando que não é "James Bond" para burlar a vigilância e ter acesso a arquivos sigilosos do Palácio do Planalto, Álvaro Dias disse, em Curitiba, que o governo tenta desviar o foco do escândalo para encontrar culpados no bloco de oposição.

 

"Acho que o governo procura um [bode expiatório], mas dificilmente encontrará na oposição. O dossiê existe, ele foi elaborado lá no Palácio do Planalto e só alguém que convive no palácio teria condições de vazá-lo para fora. Não há James Bond aqui", disse Dias. (Leia tudo).



Escrito por Aluizio Amorim às 01h07
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 21h28
[   ] [ envie esta mensagem ]




ESCÂNDALO DO DOSSIÊ

O blog se antecipa e propõe

nome à nova operação da PF

Se a Polícia Federal vai mesmo investigar o dossiê de Lula e de Dilma, por certo, e como de costume, essa nova Operação da PF será batizada com algum nome especial . Assim sendo, e com o intuito de colaborar com a Polícia Federal, este blog faz a seguinte pergunta aos leitores:

 

Como deveria chamar-se a Operação da PF que investigará o dossiê petralha?

 

Os comentários estão democraticamente abertos para as sugestões.



Escrito por Aluizio Amorim às 16h29
[   ] [ envie esta mensagem ]




DE ARAQUE

PF fará investigação parcial

sobre o dossiê do Planalto

A Polícia Federal vai investigar o escândalo do dossiê, mas só pela metade. Segundo consta tratará de verificar como vazaram as informações, mas não irá apurar quem mandou elaborá-las.

 

"O que eu quero saber é a elaboração do dossiê. A ministra [Dilma] chegou a dizer que poderia ser um 'hacker' que invadiu os computadores da Casa Civil. Por que não fazem a investigação completa? É porque não querem encontrar o responsável, querem culpar o sofá", afirmou o líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM) à Folha Online.



Escrito por Aluizio Amorim às 13h29
[   ] [ envie esta mensagem ]




É COBRA COMENDO COBRA

Briga de petralhas na TV de

Franklin e Tereza Cruvinel

Vejam só esta matéria que está na Folha de São Paulo desta segunda-feira (íntegra após este prólogo) mostrando o desentendimento entre os próprios petralhas dentro da TV Petralha.

 

Quem desobedece vai para a rua. Só tem de dar notícia a favor de Lula e de seus sequazes.

 

Lobo diz que resistiu. Foi para a rua e saiu atirando. Mas eu aqui no blog já estou atirando antes mesmo dessa excrescência ir ao ar.

 

Quem manda ir trabalhar no lixo petralha. No final da matéria esse jornalista ainda diz que acredita no projeto. Hummm...Que projeto? Esse do Franklin e da cabocra Cruvinel, como diz o Reinaldão?  

 

Primeiro âncora da TV Brasil, o jornalista Luiz Lobo, 42, afirma que o Palácio do Planalto interfere no jornalismo praticado pela TV pública federal, lançada pelo governo Lula, em dezembro, com a promessa de que não seria uma emissora chapa-branca. "Existe, sim, interferência do Planalto lá dentro. Há um cuidado que vai além do jornalístico", afirma.


Lobo foi demitido na última sexta-feira, segundo ele, por ter resistido às interferências. Afirma que o Planalto controla o conteúdo das reportagens por meio da jornalista Jaqueline Paiva, mulher do também jornalista Nelson Breve, assessor de imprensa da Presidência da República.

 

Lobo era também editor-chefe do "Repórter Brasil", primeiro e único, até agora, programa da TV Brasil. Jaqueline ocupa o cargo de coordenadora de telejornais.


Lobo diz que a "pressão" aumentou nas últimas duas semanas, quando a crise dos cartões corporativos atingiu a ministra Dilma Rousseff, com o vazamento de um dossiê, elaborado pela Casa Civil, de gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e de sua mulher, Ruth Cardoso.
"Não podíamos falar em dossiê, mas em "levantamento sobre uso dos cartões". Depois, a orientação era falar "suposto dossiê'", relata Lobo.

Autonomia

"Todo texto sobre Planalto, Presidência, política e economia tem que passar por ela [Jaqueline Paiva]. É ela quem edita, faz as cabeças [a introdução das reportagens de televisão, lida pelo apresentador].

 

Existe um poder dentro daquela redação. Eu era editor-chefe, mas perdi autonomia até para fazer a escalada [as manchetes de um telejornal]. A Jaqueline muda os textos dos repórteres freqüentemente. Há muita insatisfação entre os jornalistas", afirma.


Outro exemplo de interferência, de acordo com Lobo, foi a orientação para, nas reportagens sobre deficiências da saúde pública, informar que o setor sofreu um corte orçamentário devido ao fim da CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira). A derrubada da CPMF foi uma vitória da oposição.


"Fizemos uma reportagem falando que a verba do SUS [Sistema Único de Saúde] acabaria antes do fim do ano. A Helena [Chagas, diretora de jornalismo da TV Brasil] me chamou na sala dela e disse que era um absurdo uma matéria daquelas ir ao ar, porque em nenhum momento mencionava a falta dos bilhões da CPMF", diz.


Lobo e Jaqueline Paiva travavam embates quase diários na redação de Brasília da TV Brasil. Para o jornalista, a função de Jaqueline deveria ser a de dar direcionamento ao telejornal, não a de editá-lo. "Nunca gravei nem uma nota que ela [Jaqueline Paiva] não revisasse. Não vou dizer que fui um editor-chefe de faz-de-conta porque lutei muito", afirma.


Para Lobo, o espaço dado à oposição na TV Brasil é um disfarce. "A forma que se encontrou para mostrar que a TV não era chapa-branca foi ouvir os dois lados. Mas isso é obrigatório no jornalismo."


A demissão de Lobo ocorreu dois dias depois de ele, como conta, ter relatado interferências a Orlando Senna, diretor-geral da TV Brasil.


O jornalista, que trabalhou durante seis anos na PBS (TV pública americana), afirma que continua acreditando no projeto: "Sou defensor da TV Brasil. Ainda acredito no projeto de uma TV pública. Mas de domínio público, não estatal".



Escrito por Aluizio Amorim às 05h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




BOMBANDO NA WEB

Filme de deputado holandês

é um libelo contra botocudos

A cultura ocidental decorre em grande medida do surgimento da ciência que passou a determinar tudo e influir até mesmo na política. O Estado laico é uma dessas conquistas da ciência. Tudo que está fora da ciência é acessório, constitui meros adereços que servem, no máximo, para o diletantismo de idiotas e desocupados, como por exemplo os intelectuais da área de ciências humanas, com exceção do Direito.

Com é sabido a ciência moderna, esta mesmo que o mantém vivo e prolonga a sua vida, lhe proporciona o alimento e o linimento para as suas dores, que o transporta e lhe dá conforto, surgiu só e apenas na Europa anglo-saxônica.

 

Sim, esta mesmo para onde agora afluem correntes migratórias de todos os cantos do mundo. Todos desejam ir para a Inglaterra, Holanda, Suiça, Alemanha. Ninguém imigra para Cuba, China ou quaisquer desses países muçulmanos. Os botocudos querem shoppings, saúde, boa alimentação, segurança, enfim, todas essas coisas que qualificam de (argh!) hábitos burgueses.

 

Todos também sabem que uma imensa horda de botocudos, principalmente muçulmanos e latino-americanos, ou seja, o lixo, está invadindo a Europa e lá tentando impor as suas crenças e costumes.

 

Se não houver uma reação, todas as conquistas da civilização ocidental serão trocadas por um monte de titica e retornaremos ao tempo do boi e do arado.

 

Mais uma vez são os anglo-saxões que se levantam contra a deletéria ação botocuda. Está rodando desde o dia 27 de março na web o filme Fitna, do deputado holandês Geert Wilders.

 

No filme, já amaldiçoado pelos muçulmanos e pelo esquerdismo politicamente correto, Wilders denuncia o fato de que trechos do Alcorão incitam à violência e ao terrorismo e utiliza cenas do atentado às torres gêmeas em Nova York entre outros episódios de horror promovidos pelos botocudos fundamentalistas. O filme já foi visto quase 3 milhões de vezes.

 

Em tempo: peguei a idéia deste post lá do blog Bombou na Web, da bonita (lindona!) e competente jornalista Renata Leal, da revista Época, que, mesmo sem conhecer ao vivo considero muito simpática. E bonita, é claro.



Escrito por Aluizio Amorim às 03h58
[   ] [ envie esta mensagem ]




FOGO NOS BOTOCUDOS !!!

Só a pena de morte fará a

necessária assepsia social

Um assalto a um casal que chegava em casa, por volta das 23 horas de domingo, 6, terminou com a morte de uma das vítimas. O assalto aconteceu na Vila Santa Lúcia, região da Ponte Rasa, zona leste da capital paulista.

 

Ocupando um Fiorino branco, as vítimas foram abordadas por três bandidos na Rua Conceição da Pedra. O motorista, que seria um comerciante, ao volante esperava pela esposa, que já havia descido do carro e abria o portão da garagem.

 

Armado, o trio teria exigido do comerciante o veículo. Ao descer do veículo, acabou ferido por três tiros disparados pelos criminosos e morreu no local. Os bandidos fugiram a pé, sem nada levar. O caso está sendo registrado no 62º Distrito Policial, do Jardim Popular. (Do site do Estadão).

 

MEU COMENTÁRIO: é por essas e outras que a pena de morte é necessária. Já disse aqui neste blog por diversas vezes que a pena de morte não contribuI para elidir a criminalidade. A sua importância e eficiência está em eliminar os botocudos, verdadeiros monstros para os quais a vida não tem qualquer valor.

 

Nada justifica tirar a vida do outro. Nada!

 

Entretanto, o maldito politicamente correto, que orienta essas entidades cretinas de defesa de direitos humanos para bandidos, domina a grande mídia.

 

O instituto Data Folha fez uma pesquisa que virou manchete da Folha de São Paulo deste domingo, com clara condenação à pena de morte. Como sempre os jornalistas politicamente corretos foram entrevistar esses sociólogos de araque e antropólogos fajutos para ouvir deles que os pobres e o negros é que iriam pagar o pato se fosse implantada a pena capital.

 

Ora, isto é de uma irresponsabilidade atroz, pois esses intelectuais de boteco estão dizendo que pobres e negros são assassinos. Pois eu conheço muita, mas muita gente pobre e negros que, embora lutem com dificuldade, não são assassinos. São gente decente. A maioria da população brasileira é constituída de pessoas pobres, mas que têm dignidade, trabalham, lutam e são essas pessoas que têm de ser protegidas, não os bandoleiros.

 

Enquanto isso a insegurança aumenta em todos os pontos do território brasileiro. Na madrugada desta segunda-feira houve o sequestro do filho de 9 anos de idade do desenhista Maurício de Souza no litoral paulista, bem como a mãe e o irmão da criança.

 

E não há um miserável jornalista, deputado ou senador que tenha a coragem de enfrentar esta realidade. Já nem falo no governo petralha que estimula o banditismo, derramando milhões de reais para sustentar ONGs e organizações assemelhadas que se dedicam a defender os bandoleiros.

 

Pessoas decentes jamais se metem em confusão, independente de sua situação econômica ou de sua cor. Pessoas honestas, decentes e trabalhadoras não são assassinos e ladrões, não estão enchendo a caveira de álcool nos botequis de madrugada, não usam tóxicos, não traficam.

 

Enquanto isso a polícia vive sendo agredida e desprestigiada por esse bando de idiotas. A instituição policial no Brasil está corrompida justamente por causa dessa idéia de que a polícia não presta. Quando tomba um policial na defesa da ordem e da lei não há um só manifesto dessas odiosas ONGs de direitos humanos.

 

Pois eu aposto tudo que a pena de morte, uma vez adotada pela legislação penal brasileira, promoverá uma saúdável assepsia social, eliminando os malditos botocudos.

 

A ordem tem de ser: FOGO NOS BOTOCUDOS! Os sociólogos e antropólogos do Data Folha que perguntem o que está sentindo a mulher do comerciante morto na noite deste domingo em frente à sua própria casa em São Paulo. Vaí lá reportagem da Folha! Vai lá! E leve junto o diretor do Data Folha e seus sociólogos.

 

FOGO NOS BOTOCUDOS! ELIMINAÇÃO TOTAL! FOGO NELES! FORCA! GARROTE VIL! FUZILAMENTO! INJEÇÃO LETAL!

 

A PESQUISA SOBRE A PENA DE MORTE AQUI DO BLOG NÃO OUVE INTELECTUAIS DE MERDA. OUVE A VOZ DA CONSCIÊNCIA DOS HOMENS HONESTOS, TRABALHADORES E QUE RESPEITAM A LEI E A ORDEM.

 

ESTE BLOG DEFENDE A POLÍCIA, A ORDEM E A LEI, NÃO OS BANDIDOS. ESTE BLOG DEFENDE A PENA DE MORTE!



Escrito por Aluizio Amorim às 03h42
[   ] [ envie esta mensagem ]




É ISSO AÍ, MESTRE SPONHOLZ. FOGO NOS BOTOCUDOS!

Nota do Spon a respeito da bolsa-ditadura com a qual foram agraciados o Jaguar e o Ziraldo: Tinha 19 anos quando do 1° número do "pasca". Só parei de comprá-lo quando fechou as portas. Era a nossa voz contra a ditadura. Divertiam-se com os milicos, com a Leila Diniz, com o Ibrahim Sued...Foram presos (por pouco tempo). Trocaram figurinhas com os "agentes"; um "happening".


Hoje jogam o passado e o velho "pasca" no lixo. Não critico os artistas que foram e que são.
Critico a postura, a coerência.


The dream is over.........................R.Sponholz



Escrito por Aluizio Amorim às 22h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




VALE A PENA VER DE NOVO

Sexo, política, intrigas e

a personagem misteriosa.

Há uma cena, já na parte final em que uma mulher consola Erenice. Sinal que realmente o dossiê já vinha sendo montado desde o dia em que veio a público o famigerado escândalo dos cartões corporativos.

Afinal, quem será a donzela que põe as mãos sobre o ombro de Erenice e a tranqüiliza dizendo: “Calma amor, a Dilma não irá te dar o fora”.

 

Eis aí mais um mistério. Há outra personagem na diabólica trama petralha que envolve sexo, política, intrigas...e cartões corporativos...hehehe...



Escrito por Aluizio Amorim às 20h54
[   ] [ envie esta mensagem ]




NO LABIRINTO DA CORRUPÇÃO E DO CRIME

Governo continua procurando

uma desculpa para escândalo

Quinze dias depois de prometer investigar a montagem de um dossiê e o vazamento dos dados coletados em um arquivo da Casa Civil com os gastos do presidente Fernando Henrique e da ex-primeira dama Ruth Cardoso, o governo continua sem convocar a Polícia Federal para investigar o crime.

 

A convocação da PF foi discutida no final de semana em conversas do ministro da Justiça, Tarso Genro, com assessores do presidente da República. A ministra Dilma Rousseff quer que a PF, se for inevitável convocá-la, investigue apenas "o vazamento". (Leia mais).

 

MEU COMENTÁRIO: estão vendo? Dilma, leia-se Lula, que é o capo da camorra, não admite que se investigue de onde partiu a determinação para a prática do crime.

 

Aliás, já trataram de calar a boca de Erenice, dando-lhe uma mamata no BNDES, conforme post mais abaixo.



Escrito por Aluizio Amorim às 20h03
[   ] [ envie esta mensagem ]




COM SPONHOLZ NÃO EXISTE HUMOR A FAVOR




Escrito por Aluizio Amorim às 17h13
[   ] [ envie esta mensagem ]




OS BOTOCUDOS VÃO AO PARAÍSO

Erenice, a coordenadora do

dossiê, ganha mamata extra

Responsável por coordenar a montagem do dossiê com informações sigilosas sobre gastos da família FHC, a secretária-executiva da Casa Civil, Erenice Guerra, vai assumir nos próximos dias uma vaga no Conselho Fiscal do BNDES, o que lhe garantirá renda extra de R$ 3.500 para participar de uma reunião por mês.


A vaga é do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, mas a Folha apurou que a sugestão do nome dela partiu da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), de quem Erenice é a principal subordinada. A indicação também tem a chancela do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem cabe nomear os conselheiros.


Nos últimos três dias, a Folha buscou confirmar com a Casa Civil, o BNDES e o Desenvolvimento quando foi feita a indicação. Não obteve resposta.
A secretária entrará na vaga de Cesar Acosta Rech. O mandato é de dois anos. O Conselho Fiscal do BNDES tem três representantes. Dois são indicados pelo Desenvolvimento e outro, pela Fazenda.


Além do salário de R$ 3.500 para participar de uma reunião por mês, os conselheiros também recebem reembolso das despesas de locomoção e hospedagem -as reuniões são no Rio. A atribuição do conselho é analisar as contas do banco.


Na Casa Civil, o salário de Erenice é de cerca de R$ 8.400. Ela também está no conselho de administração da Chesf, com salário de R$ 2.500, desde 2005. Erenice integrava o Conselho Fiscal da Petrobras, mas seu mandato se encerrou agora em abril e não será renovado.


Para a oposição, o governo tenta fortalecer Erenice porque a sua demissão seria confissão de culpa. "Isso [a indicação] mostra como ela é de confiança e como há preocupação com ela no governo.

 

A participação nesses conselhos é uma forma de aumentar o salário de alguns servidores. Ela deveria é ser demitida e não receber "promoção'", disse o líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM).


A Folha procurou Erenice por meio de sua assessoria, mas ela não se manifestou.

 

MEU COMENTÁRIO: decidi não comentar. Deixo esta incumbência para os leitores do blog que quiserem fazê-lo. Esta matéria está na Folha de São Paulo deste domingo. Como a grande mídia não dá espaço aos seus leitores, a não ser numa diminuta seção de cartas (que coisa mais antiga...hehehe), o blog abre esta oportunidade democrática.

 

Mas aqui o buraco é mais embaixo. Não há a pretensa imparcialidade e isenção. É fogo nos botocudos e estamos conversados.



Escrito por Aluizio Amorim às 02h08
[   ] [ envie esta mensagem ]




O NAZISMO REDIVIVO

Lula é a versão botocuda

de Hitler. O seu genérico.

É vezo comum dos governantes autoritários, de Napoleão aos nossos dias, açambarcar a tarefa legislativa em proveito próprio. Ditadores brasileiros, longe de inovar, copiaram letra a letra os que, na modernidade, foram inimigos do Legislativo e Judiciário autônomos. Mussolini, Hitler e outros exigiram o "direito" de legislar.


Em 1933, o Parlamento dá a Hitler plenos poderes, autorização cujo título folclórico é Lei sobre a Supressão da Miséria do Povo e do Reich. Tal lei não suprimiu a Constituição de Weimar, suspendeu-a "provisoriamente", deu ao governo o direito de legislar fora das normas constitucionais, sem ratificação de deputados.

Antes de dizerem que comparo coisas diversas, peço a paciente leitura de um trecho de Hitler: "A Constituição só fixa o terreno onde a luta se desenvolve, não o seu fim. Entramos nas instituições previstas pela lei e faremos assim de nosso partido o fator decisivo. Mas, quando tivermos constitucionalmente tal direito, daremos ao Estado a forma que julgamos boa" (citado por E. Calic: "Hitler sans Masque. Entretiens Hitler- Breiting").

 

Quando o Executivo se arroga o direito de legislar, ele não se contenta com a parceria (o casamento, dizem alguns) com o Legislativo sufocado. Sua meta é reduzir o poder estatal ao estatuto de mero subsidiário.

 

O texto acima é um excerto de artigo do professor Roberto Romano e que está em seu blog. A dica é do meu estimado amigo Sponholz, o único chargista que não faz humor “a favor”. Sponholz dá a dica do artigo e, ainda por cima, oferece a charge com a irreverência de sempre num traço perfeito. Um craque.



Escrito por Aluizio Amorim às 01h27
[   ] [ envie esta mensagem ]




PETRALHAS EM BUSCA DE OUTRA MATILDE

O jornalismo imparcial e

as matérias de encomenda

Se vocês quiserem ver o jornalismo isento e imparcial visitem o blog do Josias de Souza. Lá encontrarão duas matérias especiais: uma entrevista do prefeito do Recife, João Paulo Lima e Silva, defendendo o terceiro mandato e avisando que é o plano “A” de Lula e de seus sequazes.

 

O post seguinte é a descoberta de um petralha da Receita Federal que teria sido escalado para xeretar as contas tucanas. Entretanto, o infeliz “perdeu” seu laptop, com todas as informações, na rodoviária de Porto Alegre...hummmm...esses petralhas adoram uma rodoviária fedorenta.

 

Ato contínuo, o zelozo petralha colocou um aviso num site da internet alegando que perdera o equipamento....hummmm....e um desses intrépidos repórteres da grande mídia – ahá – achou o equipamento e, aí, informações de irregularidades tucanas vazaram para a mídia.

 

Tudo indica que os petralhas estão atrás de outra Matilde para segurar as pontas.

 

Notem. Esses incríveis repórteres furões só dão furo em matérias furadas e o blog do Josias, o imparcial, é meio chegado a veicular esses “furos”. E também essas entrevistas “exclusivas” que surgem de repente.

 

Mas por que diabos Josias, o imparcial, foi descolar essa entrevista com esse nordestino?

 

Ainda bem que, sem modéstia, exite o blog do jornalista Aluízio Amorim, este aqui mesmo, que não se curva, não se vende, não come caraminguás governamentais. E o que é mais importante: não se esconde atrás da imparcialidade e da isenção. Sim, eu prefiro a verdade ao invés da pretensa imparcialidade.

 

Eu só não entendo por que os leitores que não concordam com toda essa vagabundagem da grande mídia, dão prestígio a esses blogs que, a rigor nem são blogs, mas colunas de jornais postas na web.



Escrito por Aluizio Amorim às 19h59
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 16h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




SIM. É UM ATO CRIMINOSO!

Ministra do dossiê imposta

a voz. Tem jeito para atriz.

Além deste vídeo acima, vocês poderão clicar AQUI para ver na seqüência mais dois e ler o que diz a Ministra do dossiê. É parte da entrevista que concedeu nesta sexta-feira.

Notem como ela tem um vozeirão...hehehe. Bem que poderia fazer o papel de alguma matrona autoritária numa novela de televisão, não? Quem sabe numa história que resgatasse à época em que Dilma atendia pelo codinome de Estela e costumava andar armada lutando contra a ditadura militar.

 

Sabem. Naquela época muitos acreditavam que essa gente era contra a ditadura e a favor do estado de direito democrático. Jamais se poderia imaginar que esses militantes “libertários” acabariam chegando ao poder para dedicar-se à produção de todos os tipos de trambiques e mentiras. Muito menos que se tornassem experts na produção de dossiês contra políticos da oposição.

 

Dilma pode ter, como de fato tem, todos os defeitos do mundo, mas é uma ótima atriz. Deveria estar há muito tempo lá no Projac, protagonizando histórias de crimes e mistério.

 

Vejam este e os outros vídeos e tirem as suas próprias conclusões. Os comentários estão democraticamente abertos. O blog quer a opinião sincera dos leitores a respeito de duas perguntas:

 

1)     você acredita no que Dilma está dizendo?

2)     Afinal, o que Dilma e o Apedeuta e seus sequazes estão tramando?



Escrito por Aluizio Amorim às 01h00
[   ] [ envie esta mensagem ]




LIXO OCIDENTAL

Vade retro bando de vermes

asquerosos e vagabundos

O site Terra já foi correndo ouvir o guerrilheiro de araque José Dirceu, o chefe dos mensaleiros, que está sendo alvo de processo da PGR. Ato contínuo, o blog do Cubano apressou-se em destacar a entrevista.

 

Zé guerrilha acusa – pasmem – o senador Álvaro Dias de conspirar contra Dilma Rousseff. Trata-se de um fantástico absurdo de fazer inveja a Kafka.

 

Incrível. Não há um só jornalista da grande mídia que tenha a coragem de fazer uma só crítica a toda essa nojeira, a essa mentirada. Os jornalistas da grande mídia são coniventes com toda essa sórdida armação.

 

Todos sabem que Lula e seus sequazes utilizaram os dados do governo para montar o dossiê e com ele chantagear a oposição para esvaziar a CPI dos Cartões. O Brasil é governado por uma quadrilha de chantagistas de subúrbio, a ralé da sociedade brasileira.

 

Esse dossiê foi vazado de propósito pelo Palácio do Planalto e entregue aos senadores da Oposição para intimidá-los. Só tem acesso a essas informações relativas ao governo passado os atuais detentores do poder.

 

Num país sério esse governo vagabundo, mentiroso e ladrão já teria sido apeado do poder.

 

Mas o que causa asco são esses jornalistas catadores de caraminguás do governo, que vivem manando nas tetas do Estado e se utilizam da profissão para mentir, esconder a roubalheira e o que é pior, contribuir para confundir a opinião pública.

 

O site Terra é um exemplo de vagabundagem que reivindica a condição de jornalismo. Trata-se de um diário oficial do Lulismo e o blog do Cubano o seu apêndice menor.

 

Vade retro bando de vermes asquerosos.



Escrito por Aluizio Amorim às 15h40
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 15h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




A ESCANDALOSA HISTÓRIA DO DOSSIÊ

PT usou estrutura do Estado

para promover a chantagem

A matéria que é manchete na Folha de São Paulo desta sexta-feira e que segue na íntegra após este prólogo liquida com todas as explicações dadas até hoje pelo governo lulista com a finalidade de negar a autoria da elaboração de um dossiê contra o Governo Fernando Henrique Cardoso.

 

Vejam como as coisas foram feitas. Ao invés de governar o país o governo petista transformou o Estado brasileiro numa extensão do seu partido e usa a estrutura estatal não apenas para permanente maketing político eleitoral, mas como uma máquina perversa e criminosa.

 

Mandaram os funcionários do Palácio do Planalto catar no arquivo morto supostas informações que comprometeriam o governo FHC, com a finalidade precípua de barrar investigações a respeito dos abusos nos gastos com os cartões corporativos cometidos por Lula e seus sequazes.

 

O dossiê não teve outra função senão a de chantagear a oposição.

 

Nada é mais deletério do que a chantagem, um ato vil, covarde, rasteiro e asqueroso. Um governo que se vale do poder para chantagear, que usa a estrutura pública para essa prática nefasta e abjeta não pode continuar governando o Brasil.

 

Convenhamos. Lula e seus sequazes perderam todas as credenciais para o exercício do poder, ainda que a malta os incense em agradecimento às migalhas que recebem.

 

A Nação neste momento confronta-se entre a escolha do Estado de direito democrático fundado em princípios morais e éticos aceites e consagrados na Constituição do Estado, ou transige e se rende à devassidão em que o PT transformou a gestão da coisa pública.

 

Num país verdadeiramente democrático o governo cairia inteirinho. Creio que já passou da hora de se por um fim a esse circo de horror.

 

Eis a matéria que está na Folha de São Paulo desta sexta-feira:

 

Cópia de arquivo extraído diretamente da rede de computadores da Casa Civil mostra que o dossiê com gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, da sua mulher, Ruth, de ministros tucanos e até da chef de cozinha de FHC saiu pronto do Palácio do Planalto.


O documento, a que a Folha teve acesso, afasta a possibilidade de que tenha havido adulteração nos dados arquivados pela Casa Civil que o governo chama de base de dados, feito de forma paralela ao sistema de controle de gastos de suprimento de fundos, o Suprim.


O conjunto das planilhas, com 27 páginas e 532 lançamentos de despesas ao todo, revela que às 15h28 do dia 11 de fevereiro, a Casa Civil começou a lançar nas planilhas dados colhidos de processos de prestações de contas dos gastos de suprimentos de fundos da Presidência entre 1998 e 2002. Os processos foram retirados do arquivo morto, guardado num prédio anexo do Planalto.


O documento digital revela que, no período de uma semana, foram criadas pastas diferentes para 1998, ano em que FHC foi reeleito, e os quatro anos do segundo mandato.


Foram agrupadas separadamente, também, as despesas de Ruth Cardoso, da chef de cozinha Roberta Sudbrack e de dois dos ministros mais poderosos do Planalto na época, Eduardo Jorge (Secretaria Geral da Presidência) e Clóvis Carvalho (Casa Civil e Desenvolvimento), além de Arthur Virgílio, senador tucano que exerceu o cargo de secretário-geral da Presidência.


O documento mostra como estava essa base de dados da Casa Civil até 18 de fevereiro, mais de um mês antes de a revista "Veja" noticiar a existência de um dossiê destinado supostamente a constranger a oposição a Lula no Congresso.

 

Meticulosamente planejado

 

Na data da criação do arquivo ainda não havia sido instalada a CPI dos Cartões, mas a investigação no Congresso de despesas do governo Lula com cartões corporativos tornara-se inevitável. Aliados governistas conseguiriam depois estender as investigações a 1998 e ao segundo mandato de FHC.


A organização dos dados seguiu uma lógica política, e não administrativa. As planilhas, fartas em registros de compras de bebidas alcoólicas, trazem anotações que poderiam orientar os aliados governistas nos trabalhos da CPI.


É identificada também a sigla PR (Presidência da República) na planilha Excel como a empresa onde foi gerado o arquivo. Conforme a Folha revelou na sexta-feira passada, a ordem para a confecção do dossiê foi dada por Erenice Guerra, a número dois da ministra Dilma Rousseff na Casa Civil.


Detalhes do arquivo afastam a possibilidade de montagem a partir de "fragmentos" da base de dados do Planalto.


Anteontem à noite, por meio de nota de sua assessoria, a Casa Civil levantou essa possibilidade como uma nova versão para o caso do dossiê.


"A planilha de 13 páginas, mencionada pelo jornal em suas reportagens, contém informações que constam no banco de dados, como reconhecemos desde o início. No entanto, ela não confere com as nossas nem na seqüência nem na forma de organização das informações. Tal fato sugere a possibilidade de ter sido montada com fragmentos da base de dados", diz a nota.


As pastas do arquivo mostram que não foi mudada nem sequer uma vírgula no relatório de 13 páginas que circulou no Congresso -nem na ordem dos dados nem na organização das informações, com viés claramente político.


Ou seja, o dossiê que chegou às mãos de parlamentares saiu como estava arquivado nos computadores da Casa Civil.


O arquivo registra, nas propriedades do programa Excel, datas e horários de acesso à base de dados do Planalto. Essas informações poderiam ser verificadas por meio de perícia, mas a Casa Civil não admite essa possibilidade.


Desde o início da crise do dossiê, 13 dias atrás, a equipe da ministra Dilma, assim como o ministro da Justiça, Tarso Genro, descartam a possibilidade de a Polícia Federal participar das investigações.


Por ora, elas estão restritas a uma comissão de sindicância composta por três funcionários públicos e que se reporta à Casa Civil, de onde partiu a ordem para montar o banco de dados.


A Casa Civil reconheceu que mandou fazer o banco de dados visando eventuais requerimentos da CPI -que nem estava instalada. Em 20 de fevereiro, dois dias depois da abertura do arquivo do dossiê na Casa Civil, Dilma diria a empresários em um jantar que estava levantando gastos tucanos e que o governo não iria apanhar quieto.


Na versão da Casa Civil, os dados seriam transferidos para o sistema oficial de controle de despesas de suprimento de fundos da Presidência da República, o Suprim.


O governo alegou problemas de ordem tecnológica e a desorganização dos processos de prestação de contas de FHC para justificar a montagem de uma base de dados paralela ao Suprim.



Escrito por Aluizio Amorim às 04h02
[   ] [ envie esta mensagem ]




SPONHOLZ, COMO SEMPRE, O MELHOR !!!



Escrito por Aluizio Amorim às 16h00
[   ] [ envie esta mensagem ]




MINHA ANÁLISE

3º mandato será a pá de cal

sobre o cadáver do Brasil

Depondo sobre os primeiros anos do regime militar, Carlos Lacerda dizia que o marechal Humberto de Alencar Castelo Branco, primeiro presidente daquele sistema, afirmou com toda a convicção: 'Aos meus amigos peço e aos meus comandados ordeno: não me falem em prorrogação (do mandato presidencial)', mas depois de tantos e insistentes apelos, aceitou a prorrogação de seu mandato, 'docemente constrangido'.

Não há como deixar de notar que cada vez aumenta mais o cordão dos que pretendem impor ao presidente Lula um doce constrangimento.

 

O que está escrito acima em azul é o parágrafo final de editorial do Estadão desta quinta-feira, intitulado “Brincando com a democracia”, em que analisa as declarações de Lula negando a possibilidade de um terceiro mandato. O editorial do Estadão, como sempre, está bem escrito. Aliás, é o único jornal brasileiro que apresenta editoriais de ótimo nível, com textos densos e coerentes com o mínimo de decência.

 

E o editorialista vai ao ponto ao demonstrar como vem sendo urdido, de forma solerte, o continuísmo.

 

Está muito claro que, como afirmou aqui em Florianópolis o ex-Senador Jorge Bornhausen na última segunda-feira, o terceiro mandato de Lula está em marcha. Tal fato foi corroborado mais adiante pelo próprio vice-presidente da República, José Alencar.

 

Notem aqui neste blog muito comentaristas, escondendo-se atrás de pseudônimos, porque não têm coragem de assumir opiniões que cassam flagrantemente a democracia, defendendo o terceiro mandato para Lula. Muitos, aliás, o tem como favas contadas.

 

Ora, o que acontece é que há mais de cinco anos Lula e seus sequazes trataram de aparelhar todas as instâncias do poder estatal. Compraram o PMDB inteiro, irrigaram com verbas públicas milhares de ONGs e, mais recentemente, as centrais sindicais que, graças a um decreto de Lula, não precisarão nem mesmo prestar contas da aplicação dessas verbas que amealham do erário.

 

Banqueiros e mega empresários foram igualmente bafejados, para não dizer corrompidos, pelas facilidades concedidas pela política econômica lulística, enquanto nos grotões foi instituída a esmola oficial através de programas sociais que incentivam mais à malandragem, porque não cobram qualquer contrapartida que busque real avanço social.

 

Há, portanto, milhares de pessoas interessadíssimas na continuidade do lulismo. São interesses muito particulares. São tipos de parasitas que cravaram suas garras nas tetas do Estado e farão tudo que é possível para não larga-la.

 

Em contrapartida, a Nação está à deriva. Não há, a bem da verdade, qualquer investimento significativo em obras de infra-estrutura. A saúde, como mostra a epidemia de dengue, vive um descalabro. A educação é um lixo, mormente depois que se instituíram cotas e a meritrocracia universitária foi destruída.

 

Não há um avanço sequer no Brasil na área de ciência e tecnologia. Tudo que aí está nessas áreas foi erigido pelos governos militares. A única novidade depois da ação da tecnoburocracia militar foi o programa de privatização do governo FHC que aliviou o Estado de bancar empresas gigantes como a Vale ou, ainda, de ter democratizado o uso da telefonia.

 

Quem lê este meu comentário poderá imaginar que estou a torcer pelo pior. Entretanto, qualquer pessoa com o mínimo de inteligência sabe que tenho razão. Sabe que a Nação está paralisada no seu desenvolvimento, com o sistema de transporte completamente sucatado (notem a condição das rodovias), com a saúde e a educação em frangalhos.

 

Em que pese toda essa realidade que está aí escancarada para todo mundo ver, Lula e seus sequazes iniciam uma escalada de comícios eleitoriais, através desse arremedo de plano de desenvolvimento que é o PAC, a quase três anos das eleições. Ao invés de governar, Lula realiza um périplo eleitoreiro.

 

Por tudo isso, o terceiro mandato representará a pá de cal sobre o cadáver desse país moribundo, já desnaturado no que restava de seus valores éticos e morais.



Escrito por Aluizio Amorim às 11h42
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ




Escrito por Aluizio Amorim às 10h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




VOCAÇÃO AUTORITÁRIA

A metaformose ambulante

e a tentação do 3º mandato

Apesar das reiteradas negativas do Planalto e do próprio Lula, o estudioso de partidos políticos e questões sindicais Leôncio Rodrigues voltou a alertar que o presidente tentará um terceiro mandato.

 

Ele foi um dos que primeiro alertaram sobre esse risco, em uma entrevista ao jornal Estadão em 2 de agosto do ano passado.

 

"Há declarações do próprio Lula negando qualquer interesse em continuar habitando o Palácio do Planalto. Mas Lula já disse que é uma metamorfose ambulante, o que significa que pode dizer o quiser hoje para dizer outra coisa amanhã", reafirma Leôncio. (Leia tudo).



Escrito por Aluizio Amorim às 15h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




SUTIL DIFERENÇA

DEM permite aliança parcial

com o PT no pleito municipal

A Executiva Nacional do DEM aprovou nesta quarta-feira, em reunião, uma resolução que proíbe coligações encabeçadas por candidatos a prefeitos do PT, nas eleições de outubro deste ano. A coligação somente será autorizada se o PT concordar em ficar com a candidatura de vice.

 

Com essa decisão, o DEM se diferencia do PSDB, que na última reunião da Executiva não fez restrições a nenhuma aliança com o PT para o pleito municipal. (Do site do Estadão).

 

MEU COMENTÁRIO: que leitura se pode fazer a respeito dessa decisão do DEM? Primeiro, que o DEM assume a postura de líder das oposições (se é que existem); segundo, mostra flexibilidade ao permitir eventual coligação com o PT, embora não abrindo mão da cabeça de chapa.

 

Ao DEM, cabe portanto a atribuição de partido líder das oposições já que, sutilmente, se distancia estrategicamente do PSDB, o qual não coloca qualquer ressalva a aliaças com o PT.

 

Isto significa que o DEM, depois do processo de refundação é um partido muito diferente do ex-PFL, já que promoveu expurgos internos, um ato raro em partidos políticos brasileiros.

 

Se permite uma coligação parcial com o PT, mostra que é flexível; submete-se ao jogo democrático e, com isto, não pode ser alvo de qualquer ódio e rancor.

 

Resta ao DEM abraçar o liberalismo como o norte de suas ações políticas e partir para uma campanha pedagógica que trate de iniciar, ainda que tardiamente, um grande debate nacional a respeito das teses liberais, coisa que nunca houve na história política do Brasil.

 

Enquanto o liberalismo for tido como sinônimo de direitismo e golpismo o Brasil jamais dará o salto definitivo para o desenvolvimento econômico e social.

 

O DEM tem de encarar de frente esta questão. Ela é de fundamental importância para os destinos da Nação.



Escrito por Aluizio Amorim às 14h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




CARTÕES CORPORATIVOS

Aumenta o sigilo nos gastos

da Presidência da República

A blindagem na divulgação dos gastos presidenciais com cartões corporativos parece ganhar froça a cada dia, sobretudo, após a polêmica envolvendo o uso dos cartões por ministros de Estado.

 

Nos três primeiros meses do ano, 95,5% dos pagamentos da Presidência da República efetuados com cartões corporativos foram feitos sob sigilo. As despesas confidenciais contabilizam R$ 2,6 milhões dos 2,7 milhões de dispêndios pagos pela Presidência com o cartão este ano.

Dos gastos sigilosos efetuados pela Presidência por meio do cartão, R$ 1,6 milhão foi gasto pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e R$ 971,5 mil pela Secretaria de Administração da Presidência da República, que é responsável por gastos com a manutenção dos palácios e com a família do presidente Luiz Inįcio Lula da Silva.

 

Em 2007, não foi revelado o destino de R$ 3,7, milhões, o que equivale a 92% dos R$ 4,1 milhões gastos pela secretaria com os cartões. No entanto, este ano a proporção dos gastos sigilosos é maior. Do total de R$ 1 milhão pago por meio do cartão, R$ 971,5 mil estão protegidos, ou seja, 97%. (Leia mais).



Escrito por Aluizio Amorim às 04h04
[   ] [ envie esta mensagem ]




VADE RETRO COVEIROS DA DEMOCRACIA

Alencar defende 3º mandato.

Bornhausen alertou ontem.

O vice-presidente da República José Alencar é agora o arauto do terceiro mandato do Apedeuta. Em post mais abaixo, sobre a reunião dos Democratas nesta segunda-feira em Florianópolis, reportei as palavras do ex-senador Jorge Bornhausen na abertura daquele evento, alertando sobre a manobra de Lula para perpetuar-se no poder.

 

Jorge Bornhausen pode ser tudo, menos mentiroso. É o político mais coerente e competente do Brasil atualmente. E nunca fala por ouvir dizer. Normalmente é econômico, discreto e prudente nas palavras. Mas elas não constituem chutes ou balões de ensaio, prática contumaz dessa maioria de políticos de araque e, sobretudo, mentirosos.

 

Está aí. É o próprio vice-Presidente transformado em garoto de recados de Lula e seus sequazes que corrobora a advertência feita ontem por Jorge Bornhausen.

 

Quando afirmo que o Democratas é o único partido que realmente faz oposição há quem se insurja. Está aí a prova do que venho afirmando.

 

Já vou advertindo que não tolerarei ataques pessoais ao ex-Senador Jorge Bornhausen nos comentários. Admito que dele possam discordar, mas não que façam as agressões costumeiras e sem nenhum motivo contra o único homem público brasileiro que tem coragem e autoridade para execrar o lulismo.

 

Lamento que o vice José Alencar, um empresário outrora respeitado e que tem contribuído para o desenvolvimento brasileiro, gerando milhares de empregos e riqueza com suas empresas, defenda o terceiro mandato, pisoteando a Constituição e, mais ainda, a democracia.

 

Lanço daqui o meu repúdio a José Alencar e a todos os malditos coveiros da democracia.

 

VIVA A LIBERDADE, O ESTADO DE DIREITO DEMOCRÁTICO, A LEI, A ORDEM E A ALTERNÂNCIA DO PODER!



Escrito por Aluizio Amorim às 18h43
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ



Escrito por Aluizio Amorim às 12h53
[   ] [ envie esta mensagem ]




ESCÂNDALO DO DOSSIÊ

DEM processará Dilma por

crime de responsabilidade

Sem votos para aprovar qualquer convocação e pedido de envio de documentos com gastos da Presidência com cartões corporativos e contas tipo B (despesa justificada por nota fiscal depois de o servidor receber uma verba), a oposição resolveu recorrer ao procurador-geral da República, Antônio Fernando de Souza.

 

O DEM anunciou que apresentará até o fim da semana seu pedido para que o Ministério Público abra processo de investigação para averiguar o suposto dossiê. (Leia mais).



Escrito por Aluizio Amorim às 12h50
[   ] [ envie esta mensagem ]




O BOM HUMOR DO SPONHOLZ EM DOSE DUPLA




Escrito por Aluizio Amorim às 00h22
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]




Click for Florianopolis, Brazil Forecast

Ateus.net – O Portal do Ateísmo

OBRIGADO PELA VISITA. VOLTE SEMPRE!


""""

>E-MAIL DO BLOG

COMENTE! DIGA O QUE VOCÊ PENSA!

 



Meu perfil
BRASIL, Sul, FLORIANOPOLIS, Homem, English, Spanish, Política, Música, livros

HISTÓRICO & ARQUIVOS
  16/04/2008 a 30/04/2008
  01/04/2008 a 15/04/2008
  16/03/2008 a 31/03/2008
  01/03/2008 a 15/03/2008
  16/02/2008 a 29/02/2008
  01/02/2008 a 15/02/2008
  16/01/2008 a 31/01/2008
  01/01/2008 a 15/01/2008
  16/12/2007 a 31/12/2007
  01/12/2007 a 15/12/2007
  16/11/2007 a 30/11/2007
  01/11/2007 a 15/11/2007
  16/10/2007 a 31/10/2007
  01/10/2007 a 15/10/2007
  16/09/2007 a 30/09/2007
  01/09/2007 a 15/09/2007
  16/08/2007 a 31/08/2007
  01/08/2007 a 15/08/2007
  16/07/2007 a 31/07/2007
  01/07/2007 a 15/07/2007
  16/06/2007 a 30/06/2007
  01/06/2007 a 15/06/2007
  16/05/2007 a 31/05/2007
  01/05/2007 a 15/05/2007
  16/04/2007 a 30/04/2007
  01/04/2007 a 15/04/2007
  16/03/2007 a 31/03/2007
  01/03/2007 a 15/03/2007
  16/02/2007 a 28/02/2007
  01/02/2007 a 15/02/2007
  16/01/2007 a 31/01/2007
  01/01/2007 a 15/01/2007
  16/12/2006 a 31/12/2006
  01/12/2006 a 15/12/2006
  16/11/2006 a 30/11/2006
  01/11/2006 a 15/11/2006
  16/10/2006 a 31/10/2006
  01/10/2006 a 15/10/2006
  16/09/2006 a 30/09/2006
  01/09/2006 a 15/09/2006
  16/08/2006 a 31/08/2006
  01/08/2006 a 15/08/2006
  16/07/2006 a 31/07/2006
  01/07/2006 a 15/07/2006
  16/06/2006 a 30/06/2006
  01/06/2006 a 15/06/2006
  16/05/2006 a 31/05/2006
  01/05/2006 a 15/05/2006
  16/04/2006 a 30/04/2006
  01/04/2006 a 15/04/2006
  16/03/2006 a 31/03/2006
  01/03/2006 a 15/03/2006
  16/02/2006 a 28/02/2006
  01/02/2006 a 15/02/2006
  16/01/2006 a 31/01/2006
  01/01/2006 a 15/01/2006
  16/12/2005 a 31/12/2005
  01/12/2005 a 15/12/2005
  16/11/2005 a 30/11/2005
  01/11/2005 a 15/11/2005
  16/10/2005 a 31/10/2005
  01/10/2005 a 15/10/2005
  16/09/2005 a 30/09/2005


TROCA-LINKS
  ABKnet
  A Marvada Pinga
  Aparte (Passarim)
  arkimedes
  Flanela Paulistana
  Blog Cultural Textos & Contextos
  Blog da Magui
  Stefano di Pastena - jóias com arte
  Blog do Reinaldo Azevedo
  Blog do Tambosi
  Bonassoli
  Camarada Arcanjo
  Carl Amorim
  Coturno Noturno
  Código Aberto
  Amigos de Bike
  Crítica (Visite, vale a pena)
  Da Indignação à Ação
  Deutsche Welle Brasil
  Dom Quixote
  Escrevinhações
  Elaine Borges
  Esquadrinhando
  Ex-petista
  Freeman
  Ação Humana
  Geosapiens (Portugal)
  Guanta Lamera!!!
  Gusta
  Jorge Nobre
  Jus sperniandi
  Loja de idéias (Portugal)
  MaGenCo
  Minuto Político
  Nariz Gelado
  Novas (Vera)
  Outras Letras
  Pau da Barraca
  Pérolas
  ph ácido
  Polyphrenia
  Política para Políticos
  "...por isso não provoque"
  Postura Ativa (Stella)
  Projeto Ockham
  República
  Resistência
  Rua da judiaria (EUA/Portugal)
  Serjão comenta do céu
  Shirlei Horta
  SikSite
  Soube?
  Sponholz
  The Beatles Brasil (tudo sobre a banda)
  Tunico
  União e Ação
  Ultraperiférico (de Portugal)
  Clássicos do cinema
  The Coffee Traveler (Para quem é aficcionado em café)
  Edgar Nascimento (músico amigo) - site com informações e crítica musical
  Monitor das fraudes
  Holocausto-shoah.
  Libellus (By Ana Brambilla)
  Blog do Nathal (análise de mercado, bolsas, etc...)
  Praça darmas
  Pensadores brasileiros
  Fodcast do Persegonha
  Malditos patos
Votação
  Dê uma nota para meu blog


Leia este blog no seu celular

Locations of visitors to this page

Diretorio 100% brasileiro



Subscribe with Bloglines

blogaqui?

Você aprova o governo Lula?
Não
Sim
Votar
resultado parcial...

eXTReMe Tracker

www.g1.com.br


My blog is worth $31,049.70.
How much is your blog worth?